Arquivo do dia: 08/06/2010

MESSI, Tévez e Higuaín no Ataque Argentino

O técnico da seleção argentina, Diego Maradona, deu indícios de que pretende escalar uma equipe ofensiva para a estreia diante da Nigéria no próximo sábado, às 11h (de Brasília), no Ellis Park, em Johannesburgo, pela primeira rodada do Grupo B da Copa do Mundo.

Nesta terça, o treinador escalou a equipe com um trio ofensivo formado por Higuaín, do Real Madrid, Carlitos Tévez, do Manchester City, e Lionel Messi, do Barcelona. Os três jogadores ainda têm o auxílio do meia Di María.

A equipe titular ainda teve o meio de campo formado por Mascherano, Verón e Jonás Gutiérrez. Já o setor defensivo teve Heinze, Samuel e Demichelis, enquanto, no gol, Sergio Romero ganha pontos para ser o titular.

Higuaín, um dos grandes do ataque argentino

Com essa ideia na cabeça, o técnico organizou um treino em que colocou a defesa e o ataque considerados titulares em lados opostos. Os jogadores de frente se deram melhor e ainda tiveram direito a chutar bolas nos perdedores, que, como castigo, ficaram perfilados na linha do gol.

O treino dos argentinos hoje foi marcado pela descontração. No rachão, o time que perdeu foi obrigado a pagar um castigo: todos ficaram na linha do gol, de costas e agachados, para serem bombardeados por chutes dos jogadores do time vencedor.

Vídeo da TV UO (www.folha.com.br) mostra que, no meio desse “fuzilamento”, sobrou até para o técnico da Argentina, Diego Maradona.

Começa Amanhã Festival da LAPA

Festival de Cinema voltado para filmes de época terá 5 longas na Competitiva   

O Festival da Lapa – cujo slogan é Cinema num Cenário Histórico – é o único do país onde a Mostra Competitiva de Longas Metragens é composta exclusivamente por filmes ambientados em épocas passadas. A proposta de seus organizadores é justamente a de unir a tradição histórica da Lapa com a magia de um cinema que tem como preocupação recriar antigas ambientações.   

O evento chega à sua quarta edição agora em 2010, onde será realizado entre os dias 9 e 13 de junho. São cinco os longas que comporão a Mostra Competitiva de Filmes de Época:

 Corpos Celestes

http://www.youtube.com/watch?v=aq3L-i51XMs

Brasil, 2007

Direção de Marcos Jorge.

Com Dalton Vigh, Carolina Holanda.

O filme conta a história do astrônomo Francisco, um homem que dedicou sua vida aos estudos dos astros e acabou deixando de lado sua vida pessoal. Um filme, segundo seu próprio diretor, “Repleto de referências astronômicas e cosmológicas, mas tudo é tratado de uma maneira muito simples, despretensiosa e (espero) atraente para todo tipo de público”.

 El Benny

http://www.youtube.com/watch?v=QFzG6ZCgTl4
Cuba, 2006.

Direção de Jorge Luiz Sánchez.

Com Com Rakel Adriana, Ulyk Anello, Renny Arozarena, Laura De la Uz.

No início dos anos 50, o prestigiado músico Benny Moré monta a sua própria banda, que batiza nada modestamente de “Banda Gigante”. O filme conta a história verídica de sucessos e insucessos de Benny, e de como ele se envolveu com o golpe de estado que derrubou Fulgêncio Batista da presidência cubana,

O filme participou das mostras competitivas dos festivais de Locarno e Cartagena. 

Em Teu Nome

http://www.emteunome.com.br

Brasil, 2009

Direção de Paulo Nascimento

Com Leonardo Machado, Silvia Buarque, Marcos Verza, Sirmar Antunes, Nelson Diniz.

Inspirado numa história real, o filme mostra dez anos da resistência contra a Ditadura Militar brasileira do jovem Boni, um estudante de classe média que entra para a luta armada, e se vê obrigado a se exilar para sobreviver. Integrantes da Vanguarda Popular Revolucionária (VPR) de Porto Alegre, o grupo de Boni conta também com Lenora, Onório, Higino, e o chamado “professor”, um ex-padre que deixou a batina para lutar contra o regime.

Com filmagens realizadas na França, Marrocos, Chile e Brasil, “Em Teu Nome” ganhou 4 prêmios no Festival de Gramado. 


A Ilha da Morte

http://www.ailhadamorte.com.br

Brasil, Cuba, 2008.

Direção de Wolney Oliveira.

Com Caleb Casas, Isabel Santos, Alberto Pujol, Claudio Jaborandy, Laura Ramos.

Cuba, 1958. O jovem Rodolfo sonha em fazer cinema em Hollywood. Seu pai, um revolucionário, fugindo da polícia, abandona Havana e refugia-se numa cidade do interior com a família. Rodolfo é convidado a participar de um filme com um grupo de cineastas amadores do lugar. Entre eles está Laura – noiva de Leonardo -, por quem Rodolfo se apaixona. Contrário aos apelos revolucionários do pai, Rodolfo insiste em fazer seu filme repleto de romantismo. 

O Menino da Porteira

http://www.omeninodaporteiraofilme.com.br

Brasil, 2009.

Direção de Jeremias Moreira.

Com Daniel, José de Abreu, Vanessa Giácomo.

Nos anos 50, em algum lugar do sudeste brasileiro, um boiadeiro se revolta contra a tirania de um inescrupuloso latifundiário local.

O filme foi um dos grandes sucessos de bilheteria do cinema brasileiro de 2009, com quase 700 mil ingressos vendidos.

 O Festival da Lapa considera filmes de época as produções que possuem no mínimo cinquenta por cento (50%) da sua duração ambientada em período até o final dos anos 1970, caracterizadas por um ou mais dos elementos: texto, cenário, objetos de cena, figurino e maquiagem.

A Mostra Competitiva de Filmes de Época premiará com o Troféu Tropeiro as categorias: Melhor Filme, Melhor Cenário, Melhor Figurino e Melhor Maquiagem. 

Além das Mostra Competitiva de Filmes de Época, o Festival da Lapa também terá o Mapa-Piá – mostra audiovisual para o público escolar do município, a exibição dos episódios do “Casos e Causos” da RPC – Rede Paranaense de Comunicação, mesas redondas sobre audiovisual e a realização de oficinas de produção e interpretação.  

Lapa: um pouco de história

A Cidade da Lapa originou-se de um pequeno povoado às margens da antiga estrada da mata – uma parte do histórico caminho que ligava Viamão (RS) a Sorocaba (SP). Um desses conhecidos “pousos” dos tropeiros recebeu a denominação de Capão Alto, no ano de 1731, quando a capitania de São Paulo resolveu criar um registro para cobrança de pedágio de gado que transitava à margem do Rio Iguaçu. A Lapa ficou conhecida como Registro, embora fosse Capão Alto o nome original.

Passaram-se mais de 200 anos e outras denominações até o nome Lapa.

Rica em turismo histórico, cultural e religioso, a cidade foi palco do Cerco da Lapa, episódio ocorrido durante a Revolução Federalista em 1894, quando o lugar se tornou arena de um sangrento confronto entre as tropas republicanas, os chamados pica-paus (legalistas) e os maragatos (federalistas), contrários ao sistema presidencialista de governo. Lapa resistiu bravamente até que os lapeanos comandados pelo General Antônio Ernesto Gomes Carneiro, caíram em combate. Resistiram ao cerco por 26 dias, mas sucumbiram ante ao maior número do exército Federalista.
A batalha deu ao Marechal Floriano Peixoto, chefe da República, tempo suficiente para reunir forças e deter as tropas federalistas. Ao todo foram 639 homens entre forças regulares e civis voluntários, lutando contra as forças revolucionárias formadas por três mil combatentes. Os restos mortais do General Carneiro, assim como de muitos outros que tombaram durante a resistência, estão sepultados no Panteon dos Heroes, vigiados permanentemente por uma guarda de honra do exército brasileiro

Serviço: 

Festival da Lapa – Cinema num Cenário Histórico

De 9 a 13 de junho na cidade da Lapa (PR).

 

Viabilizado por meio da Lei Rouanet, tendo o patrocínio da Caminhos do Paraná, da Elejor e da Copel. Apoios da Prefeitura Municipal da Lapa, da Secretaria Municipal de Cultura, do Governo do Estado do Paraná, do Instituto Federal do Paraná, da RPC – Rede Paranaense de Comunicação e do Expresso Maringá. 

 

Informações e programação completa: www.festivaldalapa.com.br

 

Programadora Brasil Recebe Filmes

Caixa de texto:   Divulgação  Até  sábado12, estão abertas as inscrições de obras audiovisuais brasileiras para o banco de dados da Programadora Brasil, com duração mínima de cinco e máxima de trinta 30 minutos, de qualquer gênero e ano de realização, desde que possuam o CPB (Certificado de Produto Brasileiro), emitido gratuitamente pela Ancine (Agência Nacional de Cinema).

Séries realizadas para TV, não serão aceitas e títulos inscritos na edição passada, não precisam de reinscrição.

Atualmente, o projeto conta com 494 títulos em seu acervo que já podem ser adquiridos por seus mais de 1.160 pontos de exibição audiovisual associados em todos os estados da federação. Duzentos e sete novos filmes estão contratados e em processo de produção. Até setembro de 2010 estarão também disponíveis em 60 novos programas/DVDs.


Em caso de inclusão no catálogo do projeto, os filmes e vídeos são contratados, sem exclusividade, para a duplicação de 1.000 cópias e serão disponibilizados em DVD para pontos de exibição não-comerciais associados ao projeto, através de um sistema on-line de aquisição.
As novas inscrições podem ser efetuadas por pessoas físicas ou jurídicas.

Para inscrever um ou mais títulos, o responsável deve ler atentamente o regulamento disponível no link: http://www.programadorabrasil.org.br/inscreva_seu_filme/, e preencher a ficha de informações do filme e encaminhar uma cópia da obra em DVD, para a Cinemateca Brasileira, aos cuidados da Coordenação de Programação e Produção da Programadora Brasil, no endereço: Rua Capitão Macedo, 580, Vila Clementino / CEP 04021020São PauloSP.  

Os títulos ficarão disponíveis para a consulta da comissão de curadoria. Saiba mais:
www.programadorabrasil.org.br

www.ancine.gov.br