Arquivo do dia: 16/03/2011

Grandes Filmes e Cineastas Inesquecíveis em Ensaios de Cinema

Mergulho no Mundo do Cinema

Caso você seja daqueles interessados em cinema, a recomendação do momento é ler Ensaios de Cinema, mais recente livro do crítico LG de Miranda Leão, colaborador do Diário do Nordeste há mais de duas décadas.

Ensaios de Cinema teve concorrido lançamento no Centro Cultural Oboé, ocasião na qual foi exibido o curta LG – Cidadão de Cinema, homenagem do cineasta capixaba Gui Castor ao profícuo ensaísta (o curta tem 15 minutos e é uma produção Ceará-Espírito Santo, com roteiro assinado por estaredatora, filha do homenageado).

Ensaios de Cinema é mais um produto cultural lançado com o aval do programa Cultura da Gente – linha de ação do Banco do Nordeste que apóia a produção e lançamento de obras artísticas e culturais de seus funcionários aposentados. LG é um destes. Dedicou mais de 30 anos de trabalho ao BNB e foi lá, por exemplo, onde conheceu o aplaudido cineasta Walter Hugo Khoury, na década de 1970.

Khoury tinha vindo a Fortaleza a convite do BNB para realizar algumas peças publicitárias para a instituição. Ainda no avião, deparou-se com uma página do jornal Diário do Nordeste, onde alguns críticos da cidade apontavam seus filmes preferidos do ano anterior. LG era um desses e o único a indicar dois filmes de Khoury como alguns dos Melhores.  Logo ao chegar ao Banco do Nordeste, o cineasta paulista então perguntou ao fotógrafo da instituição, José Alves, se alguém ali conhecia aquele crítico. E qual não foi sua surpresa ao descobrir que LG trabalhava ali mesmo, como assessora do Gabinete da Presidência.

O encontro de LG e Khoury, crítico e cineasta, foi como o encontro de dois amigos de infância. E culminou com uma amizade que durou até o fim da vida de Walter Hugo Khoury, em 2003.
Os desdobramentos deste feliz encontro é um dos temas do livro Ensaios de Cinema, onde o leitor também pode ficar sabendo mais e melhor sobre a cinematografia de nomes emblemáticos como Orson Welles, Stanley Kubrick, Ingmar Bergman, François Truffaut, Federico Fellini e Michelangelo Antonioni, e ainda sobre a relevância do Cinema Europeu, Sueco e Alemão, e as dimensões dos filmes de guerra e dos filmes B, por exemplo.

Conhecido nas lides cinematográficas por seu profícuo exercício da crítica, o cearense LG Miranda Leão conta em seu Ensaios de Cinema com prefácio assinado pelo renomado jornalista Rubens Ewald Filho, único jornalista brasileiro a cobrir, in loco, a badalada entrega do Oscar: “Tivemos o prazer de editar pela Coleção Aplauso da Imprensa Oficial uma seleção de seus textos. Mas que são apenas uma pequena representação do que ele escreveu nesta última década. Agora temos mais de seus escritos, maior e melhor. Neste livro, todos os textos referem-se a filmes, cineastas ou cinematografias especiais (como cinema alemão, sueco, americano) e há outra coisa que eu admiro, seu rigor. L.G. não  escreve sem ter visto pelo menos três vezes o filme ou a obra a qual se reporta. Antes de tudo, é um livro para mergulhar de cabeça e alma, coração aberto e olhos cheios de imagem”.

 

SERVIÇO

Livro ENSAIOS DE CINEMA 

Editado pelo Banco do Nordeste do Brasil

(programa Cultura da Gente)

280 páginas, sugestão de preço: R$ 20,00

ONDE ENCONTRAR

Livraria Oboé (Center Um)

Livraria Lua Nova (Benfica)

Locadora Distrivídeo

Mais informações: (85) 9103.0556

Rio e Sampa Terão É Tudo Verdade

Entre 31 de março e 10 de abril, São Paulo e Rio sediarão 16ª edição do É Tudo Verdade – Festival Internacional de Documentários. A mostra, fundada e dirigida pelo crítico Amir Labaki, apresentará 92 documentários de 29 países, que participam da seleção oficial, além de 18 documentários brasileiros inéditos, de curta, média e longa-metragem.
 
A Mostra Competitiva Internacional de Longas e Médias-Metragens exibirá 12 documentários. A competição vai mostrar títulos premiados em Amsterdã, Berlim, Leipzig, Lisboa e Veneza. A programação completa, divulgada ontem, pode ser conferida em http://www.itsalltrue.com.br/2011/home.asp?lng

Além das mostras competitivas, compõem o festival uma série de retrospectivas e programas especiais. Na Retrospectiva Internacional, serão exibidos nove filmes da russa Marina Goldovskaya, em celebração ao seu 70º aniversário. Também acontece a pré-estreia internacional da mais recente obra da cineasta, O Gosto Amargo da Liberdade, um retrato intimista da combativa jornalista Anna Politkovskaya, assassinada em 2006.

Intitulada Poesia É Verdade, a Retrospectiva Brasileira vai apresentar quinze documentários, realizados entre 1948 e 2007, que examinam a produção nacional dedicada a celebrar a vida e a obra de grandes poetas brasileiros.