Arquivo do dia: 12/10/2011

Fábio Assunção: Ator querido, cidadão que merece respeito

Absurda a atitude grosseira, invejosa, recalcada, estúpida, desproposital e sem a menor classe do senhor Rafinha Bastos para com o ator Fábio Assunção, um querido de longa data.

Esse sujeito metido a repórter já aprontou outras tantas com pessoas que merecem, ao menos, o respeito de uma palavra digna.

Assacar impropérios, disparar leviandades e espalhar comentários maldosos e aviltantes sobre a vida de pessoas que vivem de seu trabalho, que tem família, amigos e inúmeras pessoas que lhes querem bem – e, claro, logo se posicionam a favor de seus ídolos – é uma atitude absolutamente espúria e merecedora de todo o nosso repúdio.

FÁBIO ASSUNÇÃO : Estamos com Você, Querido !

E lembre-se do dito popular: ninguém chuta cachorro morto

Confira abaixo o texto que Fábio Assunção postou hoje no seu Facebook, e que já conta com enorme número de fãs e amigos, solidários no repúdio à estupidez disparada contra o ator:

Foto: Guito Moreto / Agência O Globo
 
“Eu repudio, de todas as maneiras e em todos os casos, qualquer manifestação que provoque constrangimento a qualquer pessoa, seja porque motivo for. Imagino o desconforto do público tendo que engolir um alimento tão estragado e enjoativo, levado a acreditar que isso é bacana. O que é perecível passa, não resiste ao tempo. E é um desafio de gente grande, de grandes artistas, não preterir a inteligência e o bom gosto quando os risos estão sendo conquistados com tão pouco, com migalhas, por um público com a crítica ainda em formação. Isso para mim traz à discussão que existem tarefas muito mais grandiosas para um artista brasileiro hoje, além de fazer sua própria arte. Há um público a ser conquistado, carente de humor, que merece outro approach, consideração e encaminhamento”.

Bonito como ele só, imaginem a inveja que Fábio Assunção provoca… Benza Deus !
 

Os vencedores de Maracanaú

A  segunda edição do FestCine Maracanaú – Festival de Cinema Digital e Novas Mídias, encerrada domingo à noite, teve os seguintes vencedores:
 

NOVAS MÍDIAS

Novo Velhos –  Direção: Rafael Jardim – Salvador
MOSTRA RODOLFO TEÓFILO

Nêgo Chico – Direção: Nilo Uchôa

CURTAS-METRAGENS

Melhor Filme: A Casa das Horas – Direção:Heraldo Cavalcante (CE)

Melhor Direção: Aly Muritiba – Reminiscências (PR)

Melhor Ator: Walmor Chagas – Mapa Múdi. Direção: Pedro Zimmermann (RS)

Melhor Atriz: Marília MedinaSildenafil. Direção: Clóvis Mello (SP)

Ricardo Petraglia e Marília Medina contracenam no premiado curta Sildenafil

Melhor Roteiro: Allan Deberton – Doce de Coco. Direção: Allan Deberton (CE)

Melhor Fotografia: Lilia MoemaMato Alto – Pedra por Pedra.  Direção: Artur Leite (CE)

A caprichada fotografia de Lília Moema, um dos destaques de MATO ALTO…

Júri Popular: Babau Paratodos – Direção:Carlos Normando (CE)

Menção Honrosa: O Céu do Andar De Baixo – Direção: Leonardo Cata Preta (PR)

Aurora Miranda Leão entrega o Troféu Maracanaú à atriz Marília Medina…
LONGAS-METRAGENS

Caio Sóh e Jayme Matarazzo: em Maracanaú, defendendo filme vencedor…

Melhor Filme: Teus Olhos Meus – Direção:  Caio Sóh (RJ)

Melhor Direção: Caio Sóh – Teus Olhos Meus (RJ)

Melhor Ator: Emílio Dantas – Teus Olhos Meus (RJ)

Melhor Atriz: Zezitta Matos – Mãe e Filha (CE)

Melhor Fotografia: Petrus Cariry Mãe e Filha (CE)

Melhor Som: Noel Rosa, o Poeta da Vila e do Povo – Direção: Dacio Malta (RJ)

Júri Popular: Teus Olhos Meus – Direção:Caio Sóh (RJ)

Menção Honrosa: A Última Estrada da Praia – Direção:Fabiano de Souza (RS)

Os vencedores – noite de premiação do II FEST CINE MARACANAÚ