ComuniCurtas em nova data, André Costa e uma energia de Cinema

André da Costa Pinto é um jovem guerreiro em defesa da Arte, do Cinema e da beleza da vida.

Conheci-o há alguns anos, em encontro feliz em São Luís, sob as gentilezas de meu querido Euclides Moreira Neto, e a sintonia com ele foi imediata.

André é daquelas pessoas de quem é impossível você ficar perto e não ser logo tocada… pela enorme força que emerge de sua sensibilidade e a imensa vocação libertária que ele emana naturalmente, tornando qualquer ambiente mais agradável, generoso e prenhe de comunhão.

Admiro demais André da Costa Pinto e gosto dele como quem ama um irmão de muitas e muitas entregas, disposições, disponibilidades, sintonias. Torço e vibro com as ações de André como se ele carregasse consigo uma parte de mim.

Não há explicação factual para o sentimento que André me provoca. Mas há entre nós uma cumplicidade que se traduz nos pequenos gestos e nos olhares precisos.

Vejo em André da Costa Pinto um dos mais fortes, aguerridos, sensíveis e instigantes Artistas desta contemporaneidade onde é tão comum o apreço pelo passageiro, a adesão a modismos insanos, a aquiescência com valores descartáveis.

Não sou fã de ANDRÉ porque tornei-me amiga dele. Mas sim tornei-me Amiga de André por admirá-lo profundamente e enxergar nele um manancial de luz e som, imagem e magia, força e beleza rara – aquela beleza que encanta porque acontece sem se impor nem seguir parâmetros de espécie alguma.

Este Menino-Artista que conquistou meu coração e ganhou minha cumplicidade e amizade eternas, escreve-me e me comove por dizer-se sentindo falta de minha presença em Cuiabá.

Mal sabe ele que mais falta sinto eu de não estar por lá, absorvendo da encantadora luz que ele espalha, usufruindo dos fluidos energéticos que ele emana, e tendo-o como fiel parceiro para muitas horas se pura alegria, música e dança pra saudar as coisas boas da vida, que são tantas, mas que só gente com o sangue e o astral de André da Costa Pinto sabem aproveitar.

Pois é este André da Costa Pinto, nascido em Barra de São Miguel mas ‘cidadão honorário’ de Campina Grande (ainda ñ oficialmente) que realiza anualmente, desde 2006, o Festival Comunicurtas – Festival Audiovisual de Campina Grande, o qual nasceu e foi sempre realizado no último final de semana de agosto. Com total apoio da Universidade Estadual de Campina Grande, de onde André foi aluno e hoje é respeitado professor.

Pois toda essa digressão é só pra transmitir “recado” de meu querido André : COMUNICURTAS terá nova data em 2012 !

Ao invés do tradicional mês de agosto, MAIO será o mês onde o Cinema viverá seu ápice em Campina Grande, naquele que tem tudo pra se transformar no festival mais concorrido e mais caloroso do Nordeste, o ComuniCurtas, não por acaso idealizado e coordenado por André da Costa Pinto.

Ele, roteirista e diretor dos premiados curtas-metragens A Encomenda do Bicho Medonho e Amanda & Monick, prepara-se para lançar, em breve, seu primeiro longa-metragem.

E, mais uma vez, será a alma doce, sensível, generosa e libertária de André da Costa Pinto que estará refletida na tela.

Um beijo no coração, meu amado André. Que DEUS te proteja e te dê, sempre mais, Saúde, PAZ, LUZ, energia, amigos em volta e muita criatividade pra fazer CINEMA cada vez mais e melhor, levando junto consigo essa legião de seguidores que te admira e acredita no que você faz, e na qual me incluo, grata e feliz..

EM MAIO, TEM COMUNICURTAS !!!

André da Costa Pinto e Aurora Miranda Leão: Amizade, Companheirismo, Cinema…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s