Arquivo do dia: 22/11/2011

Documentário com Domingos Oliveira será lançado hoje

O jornal Folha de São Paulo e o Cine Livraria Cultura promovem hoje, dia 22, às 20h, pré-estreia gratuita de Domingos, documentário da atriz e diretora  Maria Ribeiro, seguido de debate com a diretora.

Domingos Oliveira, um dos mais brilhantes artistas de teatro e cinema do país, chega às telas em documentário de Maria Ribeiro…

Autor de mais de 20 textos teatrais e 13 filmes, de Todas as Mulheres do Mundo (1966) ao lindo Juventude (2008), Domingos de Oliveira vive como um menino que estivesse apenas começando a viver. ‘Não tenho 70 anos, tenho 7’, costuma brincar. Um artista inquieto, que resiste a rótulos e que não pára de escrever nem de pensar coisas novas, ele percorre os dias com uma rotina simples, à qual não podem faltar nem o amor, nem a liberdade.

No documentário – lançado há 2 anos, no Festival do Rio -, o diretor/ator/dramaturgo e cineasta fala sobre os cineastas que mais o influenciaram – Truffaut, Godard, Chaplin e Fellini -, enquanto ensaia mais uma peça e reflete sobre o mundo, o Cinema Novo, a esquerda, o movimento hippie e sua negação da morte. Não falta nem mesmo a própria autocrítica: ‘Minha obra é medíocre, a minha visão de mundo é que é linda’.

A sessão é GRATUITA e as senhas poderão ser retiradas na bilheteria do cinema, uma hora antes do início da sessão.

Domingos (Brasil200872’) Direção: Maria Ribeiro Distribuição: Forte Filmes

Cine Livraria Cultura Av. Paulista, 2073 Tel.: (11)32853696

Cine Fantasy será aberto hoje em Sampa

Hoje é a noite de abertura da sexta edição do CineFantasy , evento internacional especialmente criado para o cinema fantástico, a ter lugar no Centro Cultural São Paulo, na  Biblioteca Viriato Côrrea e no CineSesc até 4 de dezembro. 

O festival exibirá curtas e longas de horror, ficção cientifica e fantasia de diversos países como Brasil, Grécia, Nova Zelândia, Croácia, Irlanda do Norte, Itália, Argentina, entre muitos outros.

O CineFantasy é um espaço de incentivo, debates e divulgação da diversidade temática no cinema brasileiro, com sua programação totalmente voltada ao cinema fantástico e seu universo.

Curtas-metragens em competição:

Erik Medeiros nas gravações de seu inusitado A Fábrica de Gravatas

A Fábrica de Gravatas; A Fome; A Janela de Ana; A Maleta; A Noite de Samedi; A Vida da Morte; Agnus; Amy’s in the Attic; Arithmétique; Bastar; Black Suite; Blackout; Bobby Yeah; Bonsai; Bred in Captivity; Brutal Relax; Bunny the Killer Thing; Céu, Inferno e Outras Partes do Corpo; Copia A; Daisy Cutter; Desierto; Dead Happy; Decapoda Shock; Detention; Devourment; Duas Vidas Para Antonio Espinosa; Dystopia St.; El Libro; Ela Só; Employee of the Month; Esencia; Estranha;Eu & a Loira;  Fábula das Três Avós; Famaliá; H. P. Lovecraft en la Cripta; “Hassad al Möta”/ “Envy the Dead”; “Inquérito Policial Nº 0521/09”; “La Gran Carrera”; “Lavagem”; “La Tragedia Del Hombre Hueco”; “Limbo”; “Lucid Dream”; “Memórias do Meu Tio”; “Meu Medo”; “Moby Dick”; “Morte e Morte de Johnny Zombie”; “My Very Own Death”; “Naiá e A Lua”; “Neomorphus”; “No Face”; “O Hóspede”; “O Ogro”; “O Olho do Abutre”; “O Poço e o Tempo”; “O Último Dia”; “Obsoleto”;  “Paranóia”; “Pinball”; “Pode Acreditar”;“Potable”; “Propriedades de Uma Poltrona”; “Protoparticles”; “Scratch”; “The Backwater Gospel”;

A Fábula das três avós, super premiado curta de Daniel Turini…

The Clearing; The Contract; The Doctor’s Wife; The Twin Girls of Sunset Street; Tonrar Yuralria; Tous les Hommes S’appellent Robert; Trinidad; Turno da Noite;  Tutti Maria (Cosco Coifa); Universo de Mya; Velho Mundo; Ven Esta Noche; Vent Solaire;Vicenta; Vontade; Western Movie; Wilt; Y Volveré…; Yuki; Zapping Life; Zorgasm.

Longas-metragens em competição:

#12”; “A Day of Violence”; “A Noite do ChupaCabras”; “Alucardos Retrato de Un Vampiro”;

Die Farbe”; “Entrei em Pânico ao Saber o Que Vocês Fizeram na Sexta-Feira 13 do Verão Passado Parte 2”; “Frost (Aka Psyhos)”; “Habano y Cigarrillos”; “Harold’s Going Stiff”; “Kaydara”;

Krokodyle”; “Los Infectados”;  “Maldito Sean!”; “NevermoreTrês Pesadelos e Um Delírio de Edgar Allan Poe”; “O Barão”; “O Guri”; “Patient 17”; “Planet of the Vampire Women”; “Skew”; “Sudor Frío” ; “The Wisperer Darkness”.

O Guri, primeiro longa inteiramente rodado em Bagé com elenco todo do próprio município, tem direção de Zeca Brito, e muitos elogios da crítica…

* Na torcida pelos filmes de três amigos queridos (se houver mais algum, perdoem-me: não sei de cor o nome de todos os diretores): Daniel Turini (SP) com Fábula das três avós; Erik Medeiros com A Fábrica de Gravatas, de Campina Grande; e Zeca Brito, de Bagé (RS) com seu longa de estréia, O Guri.

Três ótimos filmes, três diretores arretados, três amigos lindos e queridos… Saravá !

Programação completa: www.cinefantasy.com.br

A Semana é de Araribóia Cine

 
A décima edição do Festival de Cinema de Niterói – ARARIBÓIA Cine – será aberta esta noite com a exibição do filme Sudoeste, de Eduardo Nunes, a partir das 20:30h, no CineMark Plaza Shopping.
 

A equipe do filme SUDOESTE estará presente à sessão. 

EMBAIXO, EDUARDO Nunes (à esquerda), cineasta; Hernani Heffner, homenageado  desta edição; Tetê Mattos e Alexandre Guerreiro, diretora e diretor-assistente do festival. Acima, alunos da UFF que participam do evento Foto: Laura Marques

EDUARDO Nunes (à esquerda), cineasta; Hernani Heffner, homenageado desta edição; Tetê Mattos e Alexandre Guerreiro, diretora e diretor-assistente do festival. Acima, alunos da UFF que participam do evento. 
 

Quem convida para curtir a semana de Araribóia Cine é a querida Tetê Mattos, documentarista/professora/idealizadora e coordenadora-geral do Festival …
 
O Aurora de Cinema deseja uma semana cheia de público e bons debates ao ARARIBÓIA !
 
O premiado Sudoeste é a atração de noite de abertura de mais um ARARIBÓIA CINE, em Niterói…