Joelma e Chimbinha terão história contada no Cinema

Eles já venderam 13 milhões de discos, mas trilharam um longo percurso até chegar aqui. E nem sempre foi fácil.

Agora, os criadores da Banda Calypso terão sua história documentada em filme, cuja direção será de Caco Souza. A produção começa em 2012 e vai mostrar como o casal venceu as difíceis condições cotidianas até chegar ao estrelato meteórico.

“Eles passaram fome, eram bem pobres. A Joelma veio de Almerim, uma cidade extremamente precária. Chimbinha é de Marajó, que também não fica atrás. No filme, vamos mostrar esse contraste: a beleza da região amazônica e a falta de estrutura de lá, as dificuldades”, adianta Caco, que esteve com Chimbinha e Joelma segunda-feira, para acertar detalhes do roteiro. “Será um marco comemorativo na nossa carreira e deve mostrar ao público, além da trajetória artística da Banda Calypso, um lado menos conhecido da dupla”, deseja Chimbinha.

Em relato ao diretor do longa, Joelma confessou que era muito difícil ter acesso à música em sua cidade: “Ela me disse que não tinha televisão. Em Almerin não pegava nem rádio. Tudo chegava em fita K7. Era a única forma de ter acesso”, conta Caco.

A peregrinação dos dois em Belém até se conhecerem, também será evidenciada: “Eles já tinham um material bacana. Mas as rádios não davam atenção. Foi uma trilha difícil. A Joelma sabia do trabalho de Chimbinha como produtor e foram apresentados por uma amiga em comum. Essa é uma grande história de amor que deu certo”, diz Caco Souza.

O cineasta não revela o nome da atriz que deverá viver Joelma na telona: “Só posso dizer que é uma atriz que está muito a fim de fazer. Ela tem muitas semelhanças físicas com a Joelma e entende como queremos contar essa história. Está todo mundo muito curioso, mas ainda não posso revelar. Para Chimbinha, temos dois ótimos atores, mas ainda não fechamos”.

Segundo Caco, que dirigiu recentemente o longa 400 Contra 1, o filme vai ser uma superprodução, em parceria com a Playarte. “Ela entrou de cabeça com a gente. Estamos só dependendo da finalização do roteiro para fecharmos o orçamento. Vamos começar a filmar no comecinho de 2013”, revela ele, esperando ultrapassar o sucesso de  Dois Filhos de Francisco (2005), que levou 5,3 milhões de espectadores aos cinemas. “Independentemente de ser sobre alguém famoso, é um bom filme. O nosso também traz uma história muito bonita”.

O guitarrista da banda também quer aproveitar o filme para chamar atenção para questões ambientais com a produção. “Como já fizemos em diversos momentos com nossa música, gostaríamos também de falar dos problemas que afligem a Amazônia, um patrimônio dos brasileiros que serve a toda a humanidade”, diz Chimbinha.

* Com informações de Guilherme Scarpa, jornal O Dia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s