Arquivo do dia: 30/04/2012

Museu do Amanhã terá visitação dia 2

Conteúdo e design expositivo do Museu do Amanhã
serão apresentados pela primeira vez

 

Empreendimento audacioso, o Museu do Amanhã tem projeto criado pelo arquiteto espanhol Santiago Calatrava…

O Museu do Amanhã, um dos principais equipamentos culturais erguidos na Operação Urbana Porto Maravilha, terá seu conteúdo apresentado pela primeira vez na próxima quarta, dia 2 de maio, às 10h, no Palácio da Cidade – Rio de Janeiro. 

Além do físico e doutor em cosmologia Luiz Alberto Oliveira, que assina a curadoria, participam do encontro o diretor artístico Andres Clerici, que fala sobre o design expositivo, e o renomado arquiteto espanhol Santiago Calatrava, que dá detalhes do projeto arquitetônico e suas características sustentáveis. O evento contará com a presença do secretário-geral da Fundação Roberto Marinho, Hugo Barreto, e do prefeito do Rio, Eduardo Paes.

 

O Museu do Amanhã é uma iniciativa da Prefeitura do Rio de Janeiro e da Fundação Roberto Marinho, com o Banco Santander como Patrocinador Master e apoio do Governo do Estado, por meio de sua Secretaria do Ambiente, do Governo Federal, por meio da Finep, e da Secretaria Especial de Portos. Sua construção foi incluída no pacote de obras executado pela Concessionária Porto Novo, por meio da maior Parceria Público-Privada (PPP) do país, com gerenciamento da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp). 

Com previsão de inauguração para 2014, o Museu do Amanhã será um museu de ciências diferente. Por meio de uma narrativa original, o visitante percorrerá ambientes audiovisuais, instalações interativas e jogos, para que possa examinar o passado, entender as várias tendências do presente e simular cenários possíveis para os próximos 50 anos. Desta forma, será estimulado a entender seus impactos e sua responsabilidade no futuro da humanidade e do planeta. 

Apresentação do conteúdo e design expositivo do Museu do Amanhã
Local:
Palácio da Cidade – Rio de Janeiro.
Rua São Clemente, 360. Botafogo.
Data: Quarta-feira, 2 de maio, às 10h.

Maio de livros em Votuporanga

Evento terá oficinas, mesas de debates, encontros

com autores, exposição, grupos de danças e shows

 

A segunda edição do Festival Literário de Votuporanga (FLIV) começa amanhã, 1 de maio, e vai até dia 6, com programação bem diversificada. O FLIV terá, ao longo dos seis dias, oficinas, mesas de debates, encontros com autores, exposição, grupos de danças e shows.  

Haverá apresentações musicais de Jair Rodrigues, Luciana Melo, Ed Mota e da banda Black Rio, além de bate-papo com os escritores Mário Prata, Ferréz, William Nacked, Márcia Tiburi, Cláudio Daniel, Élson Froés e Frederico Barbosa, e de uma exposição intitulada O Livro Concreto, que apresentará algumas das principais publicações da Poesia Concreta em edições originais. 

No total, os expositores do FLIV irão comercializar 20 mil títulos, dos mais variados gêneros, como romances, contos e poesia. O Festival tem como patrono o escritor e jornalista Ignácio de Loyola Brandão, autor de cerca de 30 livros.

Outra atração do Festival será o Fórum Internacional de Dança, com a participação de grupos dos Estados Unidos, Israel, Togo, Bolívia, França e Argentina. Haverá também sarau literário e oficinas de dança, modelagem, escultura com papel, pipa e Chi Kung. 

Os visitantes poderão conferir também os espaços Senac, Livraria Premier, Livraria Espaço, Editora Abril, Atol Espaço Cultural, Caravana da Leitura, com o escritor Laé de Souza; Bookcafé Livraria e Café, TV TEM, Loja do FLIV e Loja do Artesanato Local. 

Votuporanga vai viver semana de Capital Literária…

Outra ação importante do FLIV é o Cheque-Livro, que oferecerá, gratuitamente, aos quatro mil alunos do ensino fundamental da rede pública, com idade entre 6 e 14 anos, um cheque-livro no valor de R$ 10 para que eles possam comprar livros dentro das livrarias montadas no Festival. As crianças participarão ainda de atividades ligadas à literatura, como sessões de contação de histórias e oficinas. 

A organização do FLIV espera que, durante os cinco dias, mais de 30 mil pessoas visitem o evento. A iniciativa tem como parceiros Secretaria de Estado da Cultura, Governo do Estado de São Paulo, Abaçai Organização Social de Cultura, Fundação Itaú Social, Clube de Autores, Unifev, Marão Máquinas Agrícolas, Fiat Camilla, TV TEM (afiliada Rede Globo) e Sescoop-SP 

Mais informações: www.flivotuporanga.com.br