Lucy Barreto receberá homenagem do Cine Ceará

Além do ator Marco Nanini, produtora também estará em Fortaleza

Musicista de formação, Lucy Barreto passou a se dedicar inteiramente ao cinema nos anos 70, exercendo diferentes funções na produção, até se fixar como produtora executiva e, posteriormente, como produtora na empresa Produções Cinematográficas LC Barreto. Participa de todos os aspectos de uma produção, desde o desenvolvimento de um roteiro até a pós-produção e o lançamento.

Lucy Barreto produziu, entre outros, o filme Bye Bye Brasil

Desde seu primeiro trabalho como assistente de cenografia, no filme Os herdeiros (1968), de Cacá Diegues, Lucy Barreto já produziu mais de 50 filmes, entre eles: “Bye bye Brazil” (1980), de Carlos Diegues; “Guerra conjugal” (1975), de Joaquim Pedro de Andrade; “Índia, a Filha do Sol” (1984) e “O quatrilho” (1995), de Fábio Barreto; “Dona Flor e seus dos maridos” (1978), “Amor bandido” (1981), “O que é isso companheiro?” (1996), “Bossa nova” (2000), de Bruno Barreto; “O caminho das nuvens” (2003), de Vicente Amorim; “Grupo Corpo, 30 anos – uma família brasileira” (2006), “Sonhos e desejos” (2007). “O quatrilho” e “O que é isso companheiro?” foram indicados ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, respectivamente, em 1996 e 1998.

Com o marido Luiz Carlos Barreto: parceria de sucesso…

Ao longo da sua trajetória, a empresa LC Barreto produziu mais de 80 filmes de curta e longa-metragem. Muitos deles são atualmente considerados parte do patrimônio artístico e cultural do Brasil e, sem dúvida, também da América Latina, desempenhando nos últimos 50 anos um papel de liderança na indústria cinematográfica brasileira.

Glória Pires com Lucy: atriz estará em novo trabalho com os Barreto…

Além de seu trabalho como produtora, Lucy Barreto é responsável por toda a política externa que a empresa exerce desde os anos 70. Desenvolveu e segue com sucesso negociações com distribuidores internacionais para a comercialização do catálogo de títulos da empresa, assim como a produção de novos projetos. Ultimamente, Lucy vem-se dedicando aos documentários e filmes institucionais. Seu mais recente trabalho, no qual atuou como diretora, foi O Grupo Corpo – uma família brasileira, documentário sobre o famoso grupo de dança brasileiro. Neste momento, está produzindo o filme Flores raras, de Bruno Barreto, com Glória Pires interpretando Lota de Macedo Soares.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s