Diversidade sexual na tela: INTERIORES começa dia 25

Cena do curta-metragem paraibano 30 Segundos …

Trinta segundos. Este é o tempo que se leva para ter a uma impressão sobre alguém. Mas quanto tempo se leva para esquecer a última impressão sobre alguém ?  
Esta é a pergunta que motivou o diretor Wagner Pina a criar 30 Segundos, seu novo curta-metragem, que terá avant premiére na noite de abertura da segunda edição da INTERIORES: Mostra de Cinema da Diversidade Sexual. A mostra, que vai acontecer em Rio Preto (SP), começa no p´roximo dia 25 de julho, às 20h30, na unidade do Sesc Rio Preto.
 
30 Segundos fala sobre amor, amizade, felicidade e esperança. Com uma estética inspirada no diretor espanhol Pedro Almodóvar e no fotógrafo Lachapelle, o curta é forte e vibrante, lançando ao público um questionamento que a Bossa Nova já colocava no final dos anos de 1950: É possível ser feliz sozinho? 
 
No elenco do curta, produzido em Campina Grande, os atores Lívio Lopes, Oscar Borges e Ivson Rainero.
 
O diretor Wagner Pina também participará, dia 28 de julho, às 17h30, do bate-papo Possibilidades e pluralidades na ficção e na realidade.
 
Confira o teaser de 30 Segundos, disponível no Youtube.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s