Arquivo do dia: 18/10/2012

FECIM: Aguinaldo Silva apóia festival de Muqui

Autor de novelas consagradas, Aguinaldo Silva apóia FECIM desde o início…

Confira entrevista do autor Aguinaldo Silva à TV FECIM, que já funciona para incrementar ainda mais o I Festival de TV e Cinema Independente de MUQUI

http://www.youtube.com/watch?v=HSljpzH951A&feature=youtu.be

Ceará mostra sua Holliúdy em Sampa

Novo longa do cineasta cearense HALDER GOMES está na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo…


Após a boa receptividade nos festivais de Brasília (Mostra  Panorama Brasil) e  Cine Ceará,  o longa CINE HOLLIÚDY, do cineasta Halder Gomes, será exibido na 36ª Mostra  Internacional de Cinema de São Paulo. Único representante do cinema  cearense, CINE HOLLIÚDY vai concorrer ao Prêmio Itamaraty.

Roteiro  vencedor do Edital do Ministério da Cultura para Filmes de Baixo Orçamento, CINE HOLLIÚDY  foi inspirado no curta-metragem O Astista Contra o Caba do Mal. O curta, obra do próprio Halder, participou de mais de 70 festivais em 20  países, vencendo cerca de 40 prêmios.

No eclético elenco de CINE  HOLLIÚDY , destacam-se Edmilson Filho, Miriam  Freeland, Roberto Bomtempo, Fiorella Mattheis e Angeles Woo, filha do cineasta  John Woo. Uma curiosidade: por ser fiel ao “cearensês”, o filme apresenta  legendas em português.

Ainda em 2012, o longa – uma declaração de amor ao cinema – representará o Brasil no 10th The World Film Festival of Bangkok, em novembro. CINE  HOLLIÚDYestreia comercialmente no primeiro semestre de 2013, com distribuição da Downtown Filmes.

Miriam Freeland tem participação em Cine Holliúdy

ELENCO

Edmilson  Filho, Miriam Freeland, Joel Gomes, Roberto Bomtempo, Angeles Woo, Fiorella  Mattheis, Fernanda Callou, João Netto, Karla Karenina, Marcondes Falcão, Haroldo  Guimarães, Rainer Cadete, Márcio Greyck, Jorge Richie, João Pedro Delgado,  Jesuíta Barbosa.

FICHA  TÉCNICA

2012, ficção, 90 minutos, cor.

Diretor/produtor/roteirista:  Halder Gomes

Produtores  executivos: Halder Gomes, Dayane Queiroz

Produtor  Associado: Edmilson Filho

Diretora  de Fotografia: Carina Sanginitto

Diretora  de Arte: Juliana Ribeiro

Figurino:  Jô Fontelles

Som  direto: Alfredo Guerra

Mixagem:  Érico “Sapão” Paiva

Montagem:  Helgi Thor

Efeitos  visuais: Márcio Ramos

Música  original: Herlon Braz

Coreógrafo:  Edmilson Filho

Edmilson Filho: ator cearense radicado nos EUA, protagonista de Cine Holliúdy…

 

Cine Holliúdy – Pequeno Glossário de Cearensês

AÍ DENTO – RESPOSTA A QUALQUER PROVOCAÇÃO.

ABESTADO – APALERMADO,  IMBECIL, IDIOTA, ESTÚPIDO. PESSOA QUE NÃO ENTENDE DE NADA. EM NOTÓRIA ALUSÃO AO  ANIMAL, OU SEJA, UMA BESTA.

ALFININ – ESPÉCIE DE RAPADURA.

ANDE TONHA! – YESSSSSSS!

ARRE ÉGUA! – INTERJEIÇÃO QUE PODE SIGNIFICAR QUALQUER COISA, A DEPENDER DO TOM DE VOZ E DA OCASIÃO (ALEGRIA,  IRRITAÇÃO…).

BAITOLA – GAY. (A PALAVRA TEM ORIGEM NA CONSTRUÇÃO DA PRIMEIRA ESTRADA DE FERRO  DO CEARÁ. O CHEFE DA OBRA ERA UM  ENGENHEIRO INGLÊS, COM UM JEITO AFEMINADO, QUE REPETIA “ATENÇÃO PARA A BAITOLA” , REFERINDO-SE A BITOLA.

BILOTO – BOTÃO.

CANGAPÉ – CHUTE RODADO.

CATREVAGE – COISA VELHA.

CU  DO MUNDO – LUGAR  MUITO DISTANTE.

DIABÉISS? – QUE DIABO É ISSO?  QUE É ISSO ?

EXPRESSÃO, DEBOCHADA, DE ESPANTO: “DIABÉISS MENINA, QUE SAIA CURTA É  ESSA?”.

ISPILICUTE – DO INGLÊS “SHE’S PRETTY CUTE”: ENGRAÇADINHA, MULHER MUITO  FACEIRA.

MACHO OU MACHO RÉI – CARA, AMIGO: “OLÁ MACHO  RÉI!”

MEUZÓVO – EXPRESSÃO DE DISCÓRDIA, “UMA OVA”.

“JUCA É UM POLÍTICO HONESTO — HONESTO MEUZÓVO!”

ÔI DA GOIABA – TERMINAL DO TUBO DIGESTIVO.

MÓI DE CHIFRE (OU CHÍFI) – CORNO.

TIRA A MACAÚBA DA BOCA ! – QUANDO ALGUÉM FALA DE FORMA ININTELIGÍVEL, VOCÊ DIZ ISSO PARA ELA.

INDARRAI – PALAVRA INDIANA, AINDA INÉDITA NA INDIA, QUE SUGERE UMA NOVA TENTATIVA A QUEM ACABOU DE SE ESTREPAR.

MAH – CONTRAÇÃO PRA MACHO. USADO EM QUALQUER CONVERSA  ENTRE HOMENS PRA COMECAR E TERMINAR QUALQUER FRASE.

DAR O PREGO – (NO  INFINITIVO) QUEBRAR, DESMANTELAR, PIFAR. “O CARRO  DEU O PREGO”.

COISAR – VERBO QUE SERVE COMO SUBSTITUTO DAQUELE QUE A PESSOA ESQUECE OU NÃO QUER,  EXATAMENTE, USAR. “ACHO QUE ESSA MENINA TÁ COISANDO COM O NAMORADO!…”. “ACHO  QUE ESTE LEITE TÁ COISADO (ESTRAGADO)!”. “MULHER QUE NÃO SABE COISAR ACABA  PERDENDO O MARIDO !…”.

COISATIVO– DO VERBO COISAR.

LEROWHITE– LERO,LERO, EM  INGLÊS. QUER DIZER, EM CEARENSÊS.

JOIADO– ALGO MUITO BOM, BACANA.

AMUFINADO– MURCHO, TRISTE, SEM VONTADE PRA NADA.

SE  AMOSTRAR– SE EXIBIR PARA OS OUTROS.

CHIBATA– CHICOTE. TAMBÉM UMA ALUSÃO AO ÓRGÃO SEXUAL MASCULINO.

TABACUDA– BUCETUDA.

PERISTÔNIO– ÓRGÃO PRÓXIMO DA PLEURA CENTRAL DA PERIDURAL.

PEGAR  O BÊCO– SAIR FORA.

SOLA  NO ESPINHAÇO– PÊIA MUITA.

MÃO  DE PÊIA– COBRIR DE PORRADA.

AMILTON  MELO– UM DOS MAIORES CRAQUES DO FUTEBOL CEARENSE.

CARNIÇA– AGREMIAÇÃO DO CEARÁ SPORTING CLUBE.

DO  TEMPO QUE O KING KONG ERA SOIM– ALGO MUITO ANTIGO.

FRANGA  DE URUBU– COISA MUITO FEIA. UM ASSOMBRO.

MAIS  INVOCADO DO QUE CORRIDA DE PATO ! – ALGO PRA LÁ DE  IMPRESSIONANTE.

FROGOIÓ– MULHER RUIVA.

PIRANGUEIRO– SUJEITO FOLGADO QUE QUER TUDO DE GRAÇA.

RUMA– UM MONTE DE QUALQUER COISA.

Halder Gomes: cineasta faz bela homenagem à sua terra, o Ceará, e provoca risos na plateia com uma comédia onde o Cinema é o grande foco…

Para saber mais, acesse: http://cineholliudy.wordpress.com/

E veja na web: Cine Holiúdy – O Astista Contra o Caba do Mal

http://www.youtube.com/watch?v=pHqb2AsD9e4

Mostra de São Paulo começa nesta quinta

A cerimônia de abertura da 36ª Mostra Internacional de Cinema será realizada nesta quinta-feira, 18 de outubro, às 20h, no Auditório Ibirapuera, com a presença de personalidades do meio cinematográfico, autoridades, patrocinadores e convidados do evento.

Na ocasião, será exibido o filme chileno No, de Pablo Larrain, exibido na Quinzena dos Realizadores de Cannes e vencedor do Prêmio CICAE (Confederação Internacional dos Cinemas de Arte).

No fala do período no qual o ditador chileno Augusto Pinochet, diante da pressão internacional, convoca um referendo sobre o seu mandato em 1988. Os líderes da oposição convencem o jovem publicitário René Saavedra a liderar sua campanha. Com pouquíssimos recursos e permanente vigilância dos guardas de Pinochet, Saavedra e sua equipe criam um audacioso plano para vencer a eleição e libertar seu país da opressão.

O elenco é encabeçado por Gael Garcia Bernal

Inscrições ao Festival de Petrópolis

Abertas até 12 de novembro inscrições ao 3º Festival Nacional de Cinema de Petrópolis, que acontecerá entre 10 e 17 de dezembro, na cidade de Petrópolis, no Rio de Janeiro.

Serão exibidos, gratuitamente, diversos filmes entre longas e curtas-metragens de ficção, documentários, animações e experimentais.

Como nos anos anteriores, haverá exibição dos filmes concorrentes na Mostra Competitiva onde o público vota para eleger o melhor filme, melhor direção, atriz, ator, fotografia, cenografia, figurino, som direto, edição, montagem e o melhor roteiro.

O público terá acesso ainda a debates, abordando temas atuais ligados à cinematografia e à política cultural.

Sempre buscando ir ao encontro do público, o festival estará em até 4 bairros da cidade com unidades móveis de cinema. São estruturas equipadas com tela de cinema, projetor, aparato sonoro, cadeiras e equipe especializada.

As inscrições para a Mostra competitiva estão abertas pelo site www.festcinepetropolis.com.br.

Todos os filmes selecionados passarão por uma primeira seleção, quando sairão os filmes que comporão a mostra competitiva oficial.

Filmes para curtir como quiser…

O Curta Como Quiser – 1º Festival Multimeios de Curtas-metragens divulga os 30 filmes selecionados para exibição multiplataforma. A veiculação dos curtas será realizada de 1º de novembro a 1º de dezembro, gratuitamente, pelo Sundaytv, Canal Futura, CINEBRASiLTV, BusTV, Cinemark e nos voos nacionais da TAM.

O festival contemplará o melhor curta-metragem de cada categoria com um prêmio de R$ 4.000,00, além do prêmio principal de codireção de um documentário com o renomado cineasta Jorge Bodanzky, patrocinado pela CPFL. A votação será realizada por júri técnico e popular, por meio de votação no canal do festival no Sundaytv.

Os 30 filmes selecionados são:

CATEGORIA: EU E EU MESMO

Dona Herta, 2012 – 15’. Direção: Luís Mário Fontoura A Porta do Quarto, 2012 – 8’. Direção: Olavo Amaral Risco, 2005 – 15’. Direção: Bernardo Gebara De Lá pra Cá, 2011 – 14’. Direção: Frederico Pinto Da Silva, 2012 – 15’. Direção: Patrícia Travassos Omoidê, 2009 – 12’. Direção: Dannon Lacerda

CATEGORIA: EU E O FUTURO

O Dono da Pena, 2005 – 10’. Direção: Cláudia Nunes

Pimenta, 2010 – 13’. Direção: Eduardo Mattor 180°, 2012 – 6’. Direção: Marcelo Galvão Terra Incógnita, 2005 – 15’. Direção: Beto Carminatti e Gil Baroni 49 dias, 2011 – 14’. Direção: Tati Fujimori Volto Logo, 2010 – 10’. Direção: Eduardo Wannmacher

CATEGORIA: EU E O MUNDO

O Garoto Barba, 2010 – 14’. Direção: Christopher Faust Enciclopédia, 2009 – 14’. Direção: Bruno G. Barreto A Terra a Gastar, 2009 – 6’. Direção: Cassia M. Itamoto e Celina Kurihara Quem é Rogério Carlos?, 2012 – 14’. Direção: Pedro Bughay O Fim do Recreio, 2012 – 15’. Direção: Nélio Spréa e Vinicius Mazzon Terminal Santo Angelo, 2011 – 14’. Direção: Camila Lisboa

CATEGORIA: EU E O OUTRO

O Céu no Andar de Baixo, 2011 – 15’. Direção: Leonardo Cata Preta A Grande Viagem, 2011 – 15’. Direção: Caroline Fioratti Meu Avô e Eu, 2010 – 12’. Direção: Caue Nunes Obrigada!, 2011 – 6’. Direção: Giancarlo di Tommaso Obrigado Doutora, 2011 – 5’. Direção: Alan Medina, Gustavo Clive Rodrigues e Victor Simões Folha em Branco, 2011 – 12’. Direção: Iuli Gerbase

CATEGORIA: EU E O TEMPO

3X4, 2010 – 5’. Direção: Caue Nunes Smile, 2009 – 5’. Direção: Bruno Vaks 5 minutos, 2011 – 5’. Direção: Quico Meirelles 147, 2010 – 4’. Direção: Marcelo Tannure Nefelibata, 2010 – 3’. Direção: Antonio Balbino. A Vida Imita a Vida, 2010 – 4’. Direção: Silvio Coutinho

Os Selecionados do FestCine Amazônia

O Festival Latinoamericano de Cinema e Video – FestCineAmazônia anunciando filmes selecionados para concorrer na mostra competitiva de curta-metragem e reportagem ambiental. São 51 produções cinematográficas de todas as regiões do Brasil e da América do Sul a concorrer nas categorias de animação, ficção, documentário e experimental.

Mais de 350 filmes foram inscritos nesta décima edição do festival, que será realizado de 6 a 10 de novembro, em Porto Velho (Rondônia).

Os filmes selecionados passaram por uma comissão integrada pelo professor e cineasta Alexandre Guerreiro, mestre em Comunicação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), graduado em Cinema pela UFF e em História pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ); o jornalista e produtor Délcio Teobaldo; e o editor Pablo Ribeiro, que tem no currículo vários trabalhos no cinema, na televisão e na música, como o documentário Raul Seixas – O Início, O Fim e o Meio, “Alô, Alô Terezinha”, o filme “Budapeste”, o programa Esquenta, da Regina Casé (TV Globo), entre outros.

O FestCineAmazônia se consagrou como o maior festival de audiovisual da região, integrando o circuito nacional de festivais de cinema e vídeo. O festival tem patrocínio do BNDES, Governo Federal, Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, Secretaria do Audiovisual, apoio cultural do Centro Técnico Audiovisual – CTAv e Governo de Rondônia através da Secretaria dos Esportes, da Cultura e do Lazer – SECEL.

Confira os selecionados

FILME/VÍDEO DIREÇÃO CATEGORIA ESTADO
SILENCIO ALBERTO BELLEZIA / CID CÉSAR AUGUSTO DOCUMENTÁRIO RJ
PROIBIDÃO LUDMILA CURI E GUILHERME ARRUDA DOCUMENTÁRIO RJ
CICLO MARCELO GALVÃO FICÇÃO SP
JAÇANÃ E O ADONIRAN ROGÉRIO NUNES DOCUMENTÁRIO SP
DI MELO – O IMORRÍVEL ALAN OLIVEIRA E RUBENS PÁSSARO DOCUMENTÁRIO PE
LINEAR. AMIR ADMONI ANIMAÇÃO SP
L THAIS FUJINAGA FICÇÃO SP
A GALINHA QUE BURLOU O SISTEMA QUICO MEIRELLES FICÇÃO SP
QUANDO O CÉU DESCE AO CHÃO MARCOS YOSHI FICÇÃO SP
O FIM DO FILME ANDRÉ DIB FICÇAO SP
O CANGACEIRO MARCOS BUCCINI ANIMAÇÃO PE
VISÕES DA FLORESTA VICENTE RIOS DOCUMENTÁRIO GO
ANTES QUE O VERÃO ACABE MARÍLIA NOGUEIRA FICÇÃO MG
UMA, DUAS SEMANAS FERNANDA TEIXEIRA FICÇÃO RJ
INVISÍVEIS ANDERSON FREGOLENTE FICÇÃO PR
ARTISTAS NO CENTRO SIMONE ELIAS DOCUMENTÁRIO SP
ACORDA POVÃO JOAO GABRIEL FICÇÃO BA
ISSO NÃO É O FIM JOAO GABRIEL FICÇÃO BA
MATINTA FERNANDO SEGTOWICK FICÇÃO PA
NIGERIA FIM DA LINHA ELDER FRAGA FICÇÃO SP
DESFRONTEIRA THIAGO BRIGLIA DOCUMENTÁRIO SP
FEIJOADA COMPLETA ANGELO DEFANTI FICÇÃO RJ
RATTUS RATTUS ZÉ BRANDÃO ANIMAÇÃO RJ
EU NUNCA DEVERIA TER VOLTADO EDUARDO MOROTÓ, MARCELO MARTINS SANTIAGO E RENAN BRANDÃO EXPERIMENTAL RJ
DULIA MARIANA MUSSE E TOMYO COSTA ITO DOCUMENTÁRIO MG
VESTIDO DE LAERTE CLAUDIA PRISCILLA E PEDRO MARQUES FICÇÃO SP
FUNERAL À CIGANA FERNANDO HONESKO FICÇÃO SP
BARBEIROS LUIZ FERRAZ E GUILHERME AGUILAR DOCUMENTÁRIO SP
NOITE PERDIDA FILIPPO CAPUZZI LAPIETRA FICÇÃO SP
A DESCOBERTA RNESTO MOLINERO FICÇÃO BA
KOPECK JAIME LEMER FICÇÃO RS
UM DIÁLOGO DE BALLET FILIPE MATZEMBACHER E MARCIO REOLON DOCUMENTÁRIO RS
O CÉU NO ANDAR DE BAIXO LEONARDO CATA PRETA ANIMAÇÃO MG
MÁSCARA NEGRA RENE BRASIL FICÇÃO SP
SUEÑOS EM LA FRONTERA EDINÉS SILVA DE ARAUJO (BRASIL) MAYRA CÁDIZ ARGANDOÑA (BOLIVIA)

RENATO CASTRO DE ALNUIDO (BRASIL) PATRICIA PERALES YABAR (PERÚ)

DOCUMENTÁRIO PERU
O CASAMENTO DE MARIO E FIA PAULO HALM FICÇÃO RJ
COWBOY TARCISIO LARA PUIATI DOCUMENTÁRIO RJ
O PAU DA BANDEIRA FILIPI WECESLAU E AUGUSTO PESSOA DOCUMENTÁRIO PB
MBYÁ REKO PYGUÁ, A LUZ DAS PALAVRAS. KATIA KLOCK E CINTHIA CREATINI DA ROCHA DOCUMENTÁRIO SC
ANGELI 24HS BETH FORMAGGINI DOCUMENTÁRIO RJ

 

CATEGORIA – VIDEO REPORTAGEM AMBIENTAL

 

FILME/VÍDEO DIREÇAO ESTADO/PAÍS
NO RUMO DO UÇÁ. WLADYMIR LIMA AL
MEDIÇÃO EXATA DO PICO DA NEBLINA. ORLANDO JUNIOR AM
O NOVO GARIMPO JOEL TEIXEIRA MT
TARTARUGAS DA AMAZÔNIA. PAULO PAIXÃO AM
OURO PARAIBANO. WENDELL RODRIGUES PB
BOMBA-RELÓGIO. LUDMILA CURI E NATANAEL DAMASCENO RJ
FAÇO DIFERENTE: UM INVENTOR DE MÃO CHEIA WENDELL RODRIGUES PB
SÉRIE ÁGUA CARLOS ALBERTO MARTINS DA ROCHA PR
A MAIOR PRAIA DO MUNDO “ORIGEM, PIRATARIAS E NAUFRÁGIOS PENA CABREIRA RS
FIM DO MUNDO – O POVO DO SILÊNCIO PAULO NASCIMENTO, VOLTAIRE DANCKWARDT / LEONARDO MACHADO RS
GUARDIÕES DA AMAZÔNIA JEAN CARLA COSTA RO

www.cineamazonia.com