Arquivo do mês: abril 2019

Pedro Chagas Freitas e o prazer do LIVRO

Imagem relacionada

Poeta português dos mais brilhantes, com legião de seguidores nas redes sociais e público cativo em suas palestras e lançamentos, PEDRO CHAGAS FREITAS faz um depoimento em seu Instagram que é uma bela defesa da leitura ! Confira:

“Visito muitas dezenas de escolas por ano. De todas elas trago leitores, alguns, que já o eram e leitores, muitos, que o passam a ser. Porquê? Porque lhes digo — e só o digo porque acredito mesmo no que digo — que sou só um gajo que escreve cenas. Como eles o são.

E também porque lhes mostro que ler e escrever não são actos sagrados nenhuns. São actos humanos, tão humanos como respirar, e não é necessário nenhum dom para escrever livros. E não é.

É isso, trazer o leitor para junto de nós e mostrar-lhe que ler e escrever podem não ser obrigações, como lhe é inculcado nas escolas e em casa, que faz a diferença. É isso que tem de fazer a diferença.

Imagem relacionada

O livro não está morto, nunca estará. Mas a forma de o comunicar, tal como sempre a conhecemos, está. E tem de nascer de novo. Com criatividade, com inovação, com novas propostas — e sobretudo com mais humildade.

Temos de olhar para o livro como mais uma possibilidade que é colocada diante dos mais jovens (e até dos mais adultos) — no meio dos jogos de computador, no meio dos vídeos para as redes sociais, no meio dos filmes e séries, está lá o texto impresso em papel. Esse objecto estranho.

Resultado de imagem para pedro chagas freitas no instagram

Cabe a nós, profissionais do ofício, vender-lhes a ideia de que este objecto estranho é a melhor opção em muitos momentos. E não, como fazem os iluminados de algibeira, mostrar-lhes que os merdas que escrevem têm a mania de que são os maiores e de que são seres abençoados — e que eles, coitaditos, não têm capacidade para os entender.
São eles, os iluminados, a grande praga que afasta cada vez mais leitores da leitura. São eles que visitam as escolas e são antipáticos e distantes; são eles que fazem apresentações públicas de semblante fechado, como se todos fossem pequenos perante tão grande genialidade; são eles que, com discursos herméticos, e ocos, transmitem a ideia de que a leitura tem de ser só porque sim; são eles que decretam o que é boa ou má leitura; são eles que choram sobre os números e se vitimizam; são eles que fazem com que, ao olhá-los e ao ouvi-los, apeteça tudo menos ler.

É a isso, a uma imposição sem sedução, que se deve o fim de muitas relações. A que se estabelece com os livros não é excepção.Calem-se, suas pragas.”

* Pedro Chagas Freitas

Imagem relacionada

 

Resultado de imagem para pedro chagas freitas no instagram          Imagem relacionada

Resultado de imagem para pedro chagas freitas no instagram  Resultado de imagem para pedro chagas freitas no instagramResultado de imagem para pedro chagas freitas no instagram

* Sobre o mais recente livro do poeta PEDRO CHAGAS FREITAS, falaremos noutro post.

Você, leitor amigo do #blogauroradecinema, pode encontrar os textos e versos do   escritor português nas redes sociais, como Face e Instagram. Posso assegurar que se irão   encantar com a obra de Pedro Chagas Freitas !

    Um grande abraço a todos !

Inscrições ao Cine Ceará

Imagem relacionada

Inscrições abertas para a 29a edição do Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema, que acontecerá em setembro em Fortaleza. Inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 31 de maio, exclusivamente pelo website do festival www.cineceara.com, através do preenchimento e envio eletrônico da Ficha de Inscrição.

Os curtas cearenses inscritos que não forem selecionados para a Competitiva Brasileira serão submetidos à comissão de seleção da Mostra Olhar do Ceará. Uma novidade é que a partir deste ano o Festival reservará para mulheres diretoras no mínimo 30% do total de produções concorrentes nas três mostras juntas: Competitiva de Longa, Competitiva de Curta e Olhar do Ceará.

Com mostras competitivas e paralelas, exibições especiais, debates, oficinas e a forte presença de profissionais das mais diversas áreas do audiovisual, em especial do cinema, local, nacional e internacional, o 29º Cine Ceará reforça seu compromisso de levar ao público cearense uma parcela significativa da produção de cinema e vídeo ibero-americanos.

Quem pode participar das Competitivas

Mostra Competitiva Ibero-americana de Longa-metragem é destinada a filmes de produtores ou diretores ibero-americanos (países da América Latina, Caribe, Portugal e Espanha) nos gêneros de animação, ficção, documentário ou experimental, concluídos a partir de 2018 com duração mínima de 60 minutos.

Podem participar da seleção para a Mostra Competitiva Brasileira de Curta-metragem produtores e/ou diretores brasileiros ou radicados no país há mais de três anos, com filmes nos gêneros ficção, documentário, animação ou experimental de até 25 minutos, concluídos a partir de janeiro de 2018, que não tenham participado do processo seletivo de outras edições do Festival. Para ambas as mostras, a prioridade na seleção será para obras inéditas e os filmes devem ter a classificação indicativa conforme estabelecido pelo Ministério da Justiça.

JÚRI OFICIAL – Os selecionados na Competitiva de Longa-metragemconcorrerão ao Troféu Mucuripe, que será concedido ao vencedor indicado pelo Júri Oficial nas categorias de Melhor Longa-metragem, Direção, Fotografia, Montagem, Roteiro, Som, Trilha Sonora Original, Direção de Arte, Ator e Atriz. Na Competitiva de Curta os selecionados vão disputar o troféu Mucuripe nas categorias de Melhor Curta-metragem, Direção, Roteiro e Produção Cearense.

Também recebem o troféu Mucuripe o melhor longa-metragem e melhor curta das competitivas Ibero-americana e Brasileira eleitos pelo Júri Abracine (Prêmio da Crítica) e pelo Júri Olhar Universitário.

A Mostra Olhar do Ceará também vai premiar com o Troféu Mucuripe o melhor filme cearense. Todos os detalhes sobre as inscrições, processo seletivo e premiação das mostras competitivas, entre outras informações, podem ser consultados no regulamento disponível no site do Festival.

O 29º Cine Ceará é uma promoção da Universidade Federal do Ceará, através da Casa Amarela Eusélio Oliveira, com apoio do Governo do Estado do Ceará por meio da Secretaria da Cultura, e do Ministério da Cidadania – Secretaria Especial da Cultura. A realização é da Associação Cultural Cine Ceará e a Bucanero Filmes e conta com patrocínio de empresas públicas e privadas, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura (SIEC) e da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet).

SERVIÇO

29° Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema – Inscrições abertas até 31 de maio para as mostras competitivas Ibero-americana de Longa-metragem e Brasileira de Curta-metragem desta edição, que acontecerá em setembro. Informações:

www.cineceara.com. E-mail: contatos@cineceara.com. Tel: (85)3055-3465 e 3261-0646.