Arquivo da tag: Alinne Moraes

Reserva Cultural inicia programação nova hoje

 
 

 

Programação de 30 de março a 5 de abril

Eleita pela terceira vez a “Melhor Programação” do Guia da Folha,

em votação promovida pela Folha de São Paulo 

SALA 1  

HABEMUS PAPAM (102’) (Exibição Digital) –  13h00 – 15h00 – 17h00 – 19h10 – 21h10*

*Sábado (31) haverá uma sessão de Habemus Papam às 23h10

*Terça-feira não haverá a sessão de Habemus Papam às 21h10
SALA 2  
ALBERT NOBBS (113’) – 13h00

A SEPARAÇÃO (Exibição Digital, 123’) – 17h10

PINA (2D) (Exibição digital) (103´) –15h10 – 19h30 – 21h30

*Sábado (31) haverá uma sessão de pré-estreia de As Neves do Kilimanjaro às 23h30

SALA 3  
HELENO (116’) –  14h10 – 16h30 – 18h45 – 21h00

*Sábado (31) haverá uma sessão de Heleno  às 23h20

SALA 4  

O ARTISTA (100’) – 13h15

CAIRO 678 (105) 15h10

O PORTO (92’) – 19h50

RAUL – O INÍCIO, O FIM E O MEIO (130´) – 17h20 – 21h35

*Sábado (31) haverá uma sessão de Raul às 23h55 

SOBRE OS FILMES 

ESTREIAS 

HELENO (Heleno)

Brasil, 2010, 116 min

Distribuição: Downtown Filmes

Elenco: Rodrigo Santoro, Alinne Moraes, Othon Bastos, Herson Capri, Angie Cepeda, Erom Cordeiro, Orã Figueiredo, Henrique Juliano, Duda Ribeiro. 

Heleno de Freitas foi o primeiro galã do futebol, defendia o Botafogo e tinha tudo para ser o maior jogador do Brasil. No entanto, a guerra mundial da época e a libertinagem que guiava sua vida mudaram seu brilhante destino, abandonado em um sanatório e vítima da sífilis aos 39 anos de idade. 

Saiba mais:

-Filme baseado no livro Nunca houve um homem como Heleno, do jornalista Marcos Eduardo Neves.

– As filmagens do longa foram feitas entre 2008 e 2012.

– Heleno era formado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito do Rio de Janeiro.

– Rodrigo Santoro emagreceu 12 quilos para interpretar Heleno nos seus dias finais. 

PRÉ-ESTREIA 

AS NEVES DO KILIMANJARO  ( Les Neiges Du Kilimandjaro)

França, 2011, 90 min

Distribuição: Imovision

Direção: Robert Guédiquian

Elenco: Ariane Ascaride, Jean-Pierre Darroussin, Grégoire Leprince-Rinquet, Anaïs Demoustier, Adrien Jolivet, Robinson Stévenin, Karole Rocher.

Michel (Jean-Pierre Darroussin) e Marie-Claire (Ariane Ascaride) são casados há 30 anos e vivem em paz, rodeados pelos familiares e amigos. Até que, um dia, o casal é abordado com violência e assaltado. Todo o dinheiro que eles vinham juntando para conhecer o monte Kilimanjaro, um sonho dos dois, é levado. Quando os autores do crime são descobertos, Michel e Marie-Cllaire agem de forma inesperada, diante do histórico que possuem. 

Saiba mais:

– Do mesmo diretor de O Último Miterrand.

– Participou da Mostra Internacional de São Paulo de 2011.

– Melhor Filme pelo júri e pelo público no Festival de Valladolid.

– Ariane Ascaride indicada ao César de Melhor Atriz. 

EM CARTAZ 

HABEMUS PAPAM (Habemus Papam)

Itália/ França, 2011, 102 min

Distribuição: Vinny Filmes

Direção: Nanni Moretti

Elenco: Michel Piccoli, Nanni Moretti, Jerzy Stuhr, Renato Scarpa, Margherita Buy 

O novo papa eleito (Michel Piccoli) sofre um ataque de pânico no momento em que deveria aparecer na varanda da Praça de São Pedro para saudar os fiéis, que esperaram pacientemente o veredito do conclave. Seus conselheiros, incapazes de convencê-lo de que é o homem certo para o cargo, procuram a ajuda de um conhecido psicanalista ateísta (Nanni Moretti). Mas o medo da responsabilidade que a confiança que lhe foi depositada representa é algo que só ele mesmo poderá enfrentar. 

Saiba Mais:

– Indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes 2011

– Vencedor do prêmio de Melhor Filme pela Associação da Imprensa Estrangeira na Itália

– Do mesmo diretor de O Quarto do Filho e Caro Diário

– Seleção Oficial do Festival de Toronto e da 35ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo 

CAIRO 678 (678)

Inglaterra/ França, 2011, 105 min.

Distribuição: Imovision

Direção: Mohamed Diab

Elenco: Boshra, Nelly Karim, Maged El Kedwany 

Seba é uma jovem moderna que é violentada durante um jogo de futebol. A partir de então, ela se torna ativista dos direitos femininos e ensina autodefesa para mulheres. Fayza é uma dona de casa obediente aos costumes, mas não escapa de ser assediada no ônibus que pega diariamente. Nelly é uma aspirante a comediante que se torna a primeira mulher no Egito a processar alguém por abuso sexual. Apesar das diferenças de classe e idade, essas três mulheres revelam traços em comum por serem vítima da violência e do preconceito contra mulher. 

Saiba Mais

– Melhor Filme – Festival de Chicago 2011

– Melhor Ator (Maged El Kedwany) – Festival de Chicago 2011

– Melhor Filme – Festival de Dubai 2011

– Melhor Atriz (Boshra) – Festival de Dubai 2011

– Seleção Oficial do Festival do Rio 2011 

O PORTO (Le Havre)

Finlândia/França/Alemanha, 2011, 93 min.

Distribuição: Imovision

Direção: Aki Kaurismäki

Elenco: André Wilms, Kati Outinen, Jean-Pierre Darroussin, Blondin Miguel 

Marcel Marx (André Wilms) é um homem que vive como engraxate nas proximidades do porto e, com o pouco dinheiro que ganha, tenta sustentar sua casa. Vivendo com dificuldades, ele vê sua rotina mudar quando sua esposa (Kati Outinen) subitamente adoece e um garoto africano chega ao país dentro de um cargueiro. Com o auxílio de alguns vizinhos, resolve esconder o menino e encontrar sua família, enquanto tenta despistar o detetive encarregado de localizar o imigrante ilegal.

Saiba Mais:

– Filme indicado pela Finlândia ao Oscar 2011 de Melhor Filme Estrangeiro

– Vencedor do prêmio FIPRESCI no Festival de Cannes 2011

– Melhor Filme do Festival Internacional de Cinema de Chicago

– Melhor Filme do Festival de Munique 2011

– Um dos 5 melhores filmes estrangeiros de 2011 segundo a National Society of Film Critics – EUA 

A SEPARAÇÃO (Jodaeiye Nader az Simin)

Irã, 2011, 123 min, Distribuição: Imovision

Direção: Asghar Farhadi

Elenco: Peyman Maadi, Leila Hatami, Sareh Bayat 

Nader é abandonado por sua esposa e contrata uma jovem mulher para cuidar do seu pai, mas ele não imaginava que a mulher está grávida e trabalhando sem a permissão de seu marido. 

Saiba Mais:

– Vencedor do Urso de Ouro do Festival de Berlim 2011

– Vencedor do Globo de Ouro de Melhor Filme Estrangeiro

– Indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Roteiro Original.

– Ursos de Prata de Melhor Ator (Peyman Maadi, Shahab Hosseini) e Melhor Atriz (Sareh Bayat, Leila Hatami) do Festival de Berlim 2011

– Melhor Filme Estrangeiro Independente do British Independent Film Awards 2011

– Melhor Filme Estrangeiro – Associação de Críticos de Chicago

– Melhor Filme Estrangeiro – Associação de Críticos de Nova York

– Melhor Filme Estrangeiro – National Board of Review, EUA 

ALBERT NOBBS

Inglaterra/ Irlanda, 2011, 113 min.

Distribuição: Paris Filmes

Direção: Rodrigo Garcia

Elenco: Glenn Close, Antonia Campbell-Hughes, Mia Wasikowska, Pauline Collins, Maria Doyle Kennedy, Mark Williams 

Uma mulher se passa por um homem, Albert Nobbs, para trabalhar e sobreviver na Irlanda do século XIX. Trabalhando como mordomo em um dos melhores hotéis de Dublin, ela conhece um belo pintor e tenta escapar da mentira que tem vivido. 

Saiba Mais

– Indicado a três Oscars (Maquiagem, Atriz – Glenn Close e Atriz Coadjuvante – Janet McTeer)

– Indicado a três Globos de Ouro (Música Original, Atriz – Glenn Close e Atriz Coadjuvante – Janet McTeer)

– Indicado a dois Screen Actor’s Guild Awards (Melhor Atriz – Glenn Close e Atriz Coadjuvante – Janet McTeer)  

O ARTISTA (The Artist)

França/ Bélgica, 2011, 100 min.  Distribuição: Paris Filmes

Direção: Michel Hazanavicius

Elenco: Jean Dujardin, Bérenice Bejo, John Goodman, James Cromwell, Penelope Ann Miller

Na Hollywood dos anos 20, George Valentin (Jean Dujardin) é uma das maiores estrelas do cinema mudo, participando de dezenas de aventuras ao lado de seu cão da raça Jack Russel Terrier. Inveja de muitos homens, ele lentamente começa a se defrontar com o ostracismo após a invenção e chegada do cinema falado, que tem um desastroso efeito na vida do astro. Enquanto sua amiga Peppy Miller ganha notoriedade com essas mudanças, Valentin é cada vez mais relegado ao esquecimento. 

 Saiba Mais:

– Grande vencedor do Oscar 2012.

– Indicado a 10 Oscar, entre eles Melhor Filme, Direção, Ator (Dujardin), Atriz (Bejo), Roteiro Original, Direção de Arte.

– Vencedor do Globo de Ouro 2012 nas categorias Melhor Filme (Comédia/Musical), Trilha Sonora, Ator (Dujardin)

– Melhor Ator do Festival de Cannes 2011 (Dujardin) 

RAUL – O INÍCIO, O FIM E O MEIO

Brasil, 2011,  130 min, Distribuição: Paramount

Direção: Walter Carvalho 

Documentário premiado que investiga a vida e a carreira de Raul Seixas, verdadeira lenda do rock brasileiro. Através de raras imagens de arquivo, encontros com familiares, e entrevistas com artistas, produtores e pessoas do relacionamento de Raul, o diretor Walter Carvalho radiografa a trajetória deste ídolo que permanece no imaginário popular, mesmo após mais de 20 anos de sua morte.  

Saiba mais:

– Melhor Documentário pelo Júri Itamary e pelo público da 35ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

– Filme de encerramento do Festival de Cinema do Rio de Janeiro 2011.

– Entrevistas gravadas na Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, EUA e Genebra.  

PINA (Pina)

Alemanha/ França/ Reino Unido, 2011, 103 min

Distribuição: Imovision

Direção: Wim Wenders 

A coreógrafa, dançarina e diretora de balé Pina Bausch (1940-2009) tem sua vida, obra e processo criativo radiografados pelo premiado diretor Wim Wenders, o mesmo de “Paris, Texas”. Mais que um simples documentário, o filme é uma viagem sensorial pelo mundo muito particular criado por Pina. Depoimentos poéticos de profissionais que trabalharam com Pina enriquecem ainda mais o filme quem vem sendo elogiado no mundo inteiro, até por quem não é particularmente fã da dança.

Saiba mais:

– Primeira produção européia totalmente produzida em 3D.

– Melhor Documentário pelo European Film Awards.

– Melhor Documentário pelo German Film Awards.

– Indicado ao Oscar de Melhor Documentário.

– Indicado ao BAFTA de Melhor Filme em Língua não Inglesa.

– Indicado pela Alemanha para a disputa do Oscar de Filme Estrangeiro.

– A direção de arte contou com a participação dos grafiteiros brasileiros “osgemeos”. 

SIGA A RESERVA CULTURAL NO TWITTER:
http://twitter.com/reserva_oficial
@reserva_oficial

Reserva Cultural
Avenida Paulista, 900 – Térreo Baixo (Prédio da Fundação Casper Líbero – entre as estações Brigadeiro e Trianon-MASP do metrô).
Tel.: (11) 3287-3529.

Horário de Funcionamento: 

Cinemas
Segunda a domingo: 13h às 24h
Bilheteria: 12h30 às 22h 

Área Gastronômica* 
Boulangerie Pain de France: das 10h às 22h / Sábado até 24h* 
Reserva Bistrô: das 12h às 22h (de domingo a 5ª feira); até 23h (6ª feira); até 24h (sábado)* 
Bombonière: segunda a domingo: das 12h às 24h 

Preços:
Inteira: R$ 24,00
Meia (Estudante): R$ 12,00
De segunda a quinta, até 17h: R$ 19,00 / R$ 9,50 (estudante)
Quarta-feira: R$ 17,00 / R$ 8,50 (estudante)
Crianças: até 3 anos – gratuito/ até 12 anos – meia-entrada 

Vendas pela internet: www.ingresso.com.br 

Sobre a Reserva Cultural

O mais inovador complexo cultural de São Paulo, inaugurado em junho de 2005, tem a proposta de ser mais do que um espaço para projeção de filmes. O frequentador de cinema ou quem busca um programa charmoso unindo lazer (cinema, música, exposições de arte) e gastronomia conta com um local diferenciado e charmoso.

O espaço abriga a Boulangerie Pain de France; o Reserva Bistrô, com ampla vista para Avenida Paulista, que oferece pratos variados da cozinha internacional (risotos, massas, saladas, carnes, sopas e sanduíches). Com design arrojado, o bar conta com atendimento de barman e drinques variados.

O lobby multimídia é composto por três monitores de plasma, exibindo entrevistas, trailers de filmes, imagens de making of e outras novidades do mundo do cinema. O espaço oferece acesso à web sem fio (Wi-Fi). Em junho de 2006, foi inaugurada a Livraria e Revistaria Lima Barreto, que apresenta um perfil autoral, voltada para literatura (brasileira e estrangeira), atualidades, história, cinema, artes e comunicação e conta com uma sofisticada revistaria repleta de títulos nacionais e estrangeiros, dos segmentos de informação, cinema, moda e cultura.

A programação é dedicada a filmes independentes, brasileiros e estrangeiros e as projeções podem acontecer em película ou pelo sistema digital, já que as quatro salas estão capacitadas para isso.

A Reserva Cultural está localizada no ‘marco zero’ da Avenida Paulista, no prédio da Fundação Casper Líbero.

* Com informações de Celso Sabadin, do PLANETA TELA

www.reservacultural.com.br

HELENO: Rodrigo Santoro em mais um papel marcante

FIlme será lançado dia 30 e tem Trailer e Fanpage no ar

 

O longa Heleno, de José Henrique Fonseca, protagonizado por Rodrigo Santoro, ganhou trailer oficial e fanpage. A estreia está grifada para 30 de março.

O filme conta a história do jogador Heleno de Freitas (Rodrigo Santoro), dos anos 1940, auge de sua carreira, ao fim da década de 1950, quando morre em um sanatório. No elenco também estão Alinne Moraes, Angie Cepeda, Erom Cordeiro, Othon Bastos e Herson Capri. 

O trailer está disponível na fanpage www.helenofilme.com.br e é possível fazer download através do link: files.me.com/duda/wbcx4s.mov

 A fanpage www.helenofilme.com.br irá reunir conteúdo exclusivo sobre o filme, como vídeos inéditos dos bastidores das filmagens com entrevistas dos atores e equipe técnica, além de promoções e sorteios de brindes, tais como camisetas do figurino e bolas retrô, autografadas por Rodrigo Santoro, kits de jogo de botão e ingressos. Os internautas também poderão acompanhar a cobertura de todos os eventos relacionados ao filme. 

Heleno teve sua premiere mundial no Festival de Toronto, em setembro passado. Também foi exibido no Festival de Cinema Latino-Americano de Havana, em Cuba, em dezembro, quando Santoro recebeu o prêmio de Melhor Ator. Em fevereiro de 2012, o longa foi exibido no Festival Internacional de Cartagena e terá sessão de gala no Festival de Miami, dia 4 de março.

Alinne Moraes faz par com Rodrigo Santoro no filme sobre o grande craque do Botafogo, HELENO…

 SINOPSE: 

Heleno de Freitas era o príncipe do Rio de Janeiro dos anos 40, quando a cidade era um cenário de sonho, cheio de glamour e promessas. Nos salões elegantes, Heleno era um homem bonito e charmoso. Nos campos de futebol, era um gênio explosivo e apaixonado. Ídolo do Botafogo, Heleno tinha certeza de que seria o maior jogador brasileiro de todos os tempos. Mas a guerra, a sífilis e as desventuras de sua vida desviaram seu destino em direção a um jornada de glórias e tragédias. 

FICHA TECNICA: 

Direção e Produção                                       José Henrique Fonseca 

Roteiro                                                           José Henrique Fonseca

                                                                         Felipe Bragança

                                                                         Fernando Castets

Produção       Rodrigo Teixeira   Eduardo Pop  Rodrigo Santoro

Direção de Fotografia e Câmera                   Walter Carvalho, ABC

Montagem                                                     Sergio Mekler

Produção Executiva                                      Beto Bruno                Eliane Ferreira

Música                                                             Berna Ceppas

Direção de Arte                                             Marlise Storchi

Figurino                                                         Rita Murtinho

Maquiagem                                                    Martín Macías Trujillo

Cabelereira                                                     Sara Jane

Produção de Elenco                                      Marcela Altberg

                                                                          Guilherme Gobbi

Desenho de Som                                           Waldir Xavier

Som Direto                                                    Jorge Saldanha

                                                                          Yan Saldanha

Mixagem                                                        Michael Semanick

                                                                            Rodrigo Noronha

Diretor Assistente                                          André Monteiro de Barros

Pesquisa                                                         Antônio Venâncio

                                                                          Frederico Coelho

 

Rodrigo Santoro revive o jogador HELENO em filme de José Henrique Fonseca, que marca estreia de André Monteiro de Barros como Assistente de Direção

Rodrigo Santoro estréia HELENO em Toronto

 Heleno, longa de José Henrique Fonseca, filmado em preto e branco, com Rodrigo Santoro no papel-título, foi exibido ontem no Festival Internacional de Cinema de Toronto,  no Canadá. e terá outras sessões: hoje e no sábado, dia 17.

O longa narra a história de Heleno de Freitas (1920/1959), jogador-ídolo do Botafogo, nos anos 1940, cuja brilhante carreira foi marcada pela tragédia.

Além de Santoro, o elenco conta com participação de Angie Cepeda, Aline Moraes, Othon Bastos, Herson Capri e Orã Figueiredo, entre outros.

A previsão de estréia no Brasil é para novembro próximo.

Alinne Moraes é a Mais Bela em Cannes…

Alinne Moraes: beleza extrapola parâmetros… BENZA DEUS ! 

 Alinne Moraes está na cidade para uma ação promocional de uma marca de cosméticos

 
Alinne Moraes esbanja em Cannes beleza e glamour que nós, seus fãs, já conhecemos e aplaudimos

A atriz, que não concorre no festival de cinema francês, esteve por lá para uma ação comercial e fez a festa de fotógrafos e público…

 

Aline Moraes despertou olhares trajando Reinaldo Lourenço no tapete de Cannes

A estonteante beleza e o elegante charme da atriz e modelo Alinne Moraes não poderiam passar despercebidos pelo red carpet francês na noite de ontem (18 de maio). E olhe que a atriz brasileira (ótima, diga-se de passagem)  não concorre com nenhum filme nesta edição.

Alinne esteve em Cannes apenas para uma ação promocional da marca de produtos de beleza L’Oreal e foi à première do filme “La Conquête”, de Xavier Duringer. Para a ocasião, Alinne escolheu um longo do festejado estilista mineiro Reinaldo Lourenço e sapatos de Christian Loubotin.  

O Homem do Futuro…

PRIMEIRO TEASER DE O HOMEM DO FUTURO

 

A Conspiração Filmes e a Paramount Pictures divulgaram o primeiro teaser do longa-metragem O Homem do Futuro, de Claudio Torres, que estreia a 2 de setembro.

Estrelado por Wagner Moura e Alinne Moraes, O Homem do Futuro é uma comédia romântica sobre amor e escolhas. A trama é regada a rock and roll e temperos de ficção científica. Também estão no elenco Maria Luiza Mendonça, Gabriel Braga Nunes e Fernando Ceylão. 

Link para fazer download do teaser: http://www.sendspace.com/file/v2p0d9

 SINOPSE

Zero é um cientista brilhante e solitário que acredita ser infeliz porque 20 anos atrás foi humilhado pelo grande amor da sua vida. Ao tentar criar uma forma revolucionária de energia, volta acidentalmente ao passado e se vê diante da chance de encontrar a si mesmo (20 anos mais jovem) e “corrigir“ os erros de sua própria vida.

Tentar manipular os caminhos do tempo é mais difícil e confuso do que possa parecer.  

Beleza e sensualidade de ALINNE MORAES deve levar muita gente aos cinemas

FICHA TÉCNICA 

ESCRITO E DIRIGIDO POR | Claudio Torres

PRODUZIDO POR | Claudio Torres | Tatiana Quintela

PRODUÇÃO EXECUTIVA | Eliana Soarez | Pedro Buarque de Hollanda

DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA | Ricardo Della Rosa, ABC

DIREÇÃO DE ARTE | Yurika Yamasaki

FIGURINO | Marcelo Pies

MAQUIAGEM | Martin Macias Trujillo

MONTAGEM | Sergio Mekler

SUPERVISOR DE EFEITOS | Claudio Peralta

MÚSICA ORIGINAL | Luca Raele | Maurício Tagliari

SOM DIRETO | Jorge Saldanha

SUPERVISÃO DE SOM | Miriam Biderman, ABC

MIXAGEM | Rodrigo Noronha

PRODUTORA DELEGADA | Valéria Amorim

SUPERVISORA DE PÓS-PRODUÇÃO | Mônica Siqueira

COORDENADORA DE PRODUÇÃO | Jenifer Marques

COORDENADORA PRODUÇÃO EXECUTIVA | Mirela Girardi

DIRETORA ASSISTENTE | Isabel Valiante

COLORISTA | Sergio Pasqualino

ASSISTENTE DE MONTAGEM | Mariana T. Becker

PRODUÇÃO DE ELENCO | Cibele Santa Cruz

PRODUÇÃO| Conspiração Filmes

COPRODUÇÃO | Globo Filmes | Lereby Produções

Enfim, As Cariocas de Stanislaw na Telinha

 

Dia 19, a Rede Globo passa a exibir uma nova minissérie. Baseada na obra do lendário Lalá – jornalista carioca Sérgio Porto – o Stanislaw Ponte Preta –, As Cariocas reúne, de uma só vez, dez das maiores beldades da TV e Daniel Filho, que, desde 1999 (depois de dirigir a novela Suave Veneno), trocou a telinha pela telona e se tornou um dos maiores campeões de bilheteria do país: são dele os sucessos Se Eu Fosse Você e Chico Xavier.

Com As Cariocas, o diretor comemora o retorno aos seriados. Em 1998, ele foi o responsável por Malu Mulher; em 1997 por A Justiceira; e, em 1996, por A Vida Como Ela É…. A nova incursão tem episódios independentes, sem trama fechada, mas que dialogam por meio do cenário e das temáticas: amor, ciúme, sensualidade, traição.  

AS  BELDADES  CARIOCAS

ALINNE MORAES, A Noiva do Catete  

Nádia não lava roupa para não estragar a pele. Sua maior qualidade é o altruísmo: ela adora fazer homens felizes. No caso, o marido e o amante. A atriz contracena com Ângelo Antônio e Nelson Baskerville.  

PAOLA OLIVEIRA, A Atormentada da Tijuca  

Clarissa não mede esforços para afastar os homens. O pavio curto, no entanto, funciona como um verdadeiro ímã para o sexo oposto. Na produção, a atriz faz par romântico com Gabriel Braga Nunes, que retorna à Globo depois de uma temporada na Record.  

 

DEBORAH SECCO, A Suicida da Penha  

Alice é como a Lapa: intensa, sensual e, à primeira vista, um pouco sombria. Só quem já sofreu algum desgosto pode entender o humor afiado – desta moça envolvente que ainda não decidiu o que quer da vida.  

GRAZI MASSAFERA, A Desinibida do Grajaú  

Ex-gordinha que virou um mulherão, Michelle é também ex-moradora do Grajaú que tomou gosto pelo requinte da zona sul. Mas ela precisa voltar para o bairro de origem e descer do salto. Agora ela quer ver quem se atreve a mexer com ela. Em cena com Grazi está Marcelo D2.  

ADRIANA ESTEVES, A Vingativa do Méier

Celi passa tanto tempo na casa dos pais que nem parece que casou há cinco anos. Suspeita das traições do marido, mas, em vez de fazer um barraco, paga na mesma moeda. E com juros e correção monetária. Aílton Graça interpreta o marido. O amante é Joaquim Lopes, namorado da atriz Paola Oliveira, estreando na TV.

ANGÉLICA, A Traída da Barra  

Maria Teresa leva uma vida perfeita até descobrir que era traída pelo marido. Sua forma de lidar com o baque foi a decisão de se vingar da mesma maneira. A curiosidade do episódio é que Angélica contracena com Luciano Huck e que o casal, na vida real, mora na Barra. É o retorno da loira à ficção, que atuou em Caça Talentos e Um Anjo Caiu do Céu.

SÔNIA BRAGA, A Adúltera da Urca  

Júlia é esposa exemplar até descobrir um passatempo um tanto quanto problemático: seduzir homens que não eram seu marido. O episódio marca o retorno de Sônia Braga à TV brasileira, quatro anos depois de fazer Páginas da Vida. Também é o reencontro emocionado do trio que abalou em Dancin’ Days: Sônia, Antônio Fagundes e Daniel Filho, que registra a felicidade batizando os personagens do casal como na novela. Eles são, de novo, Júlia e Cacá. Regina Duarte também está em cena. 

FERNANDA TORRES, A Invejosa de Ipanema  

Cris é linda, rica e mora de frente à Praia de Ipanema. Sua vida, no entanto, não é perfeita. Equilibrar desejos, negócios, amantes, marido e o horário no salão de beleza é mais complicado do que parece.  

ALESSANDRA NEGRINI , A Iludida de Copacabana  

Marta faz questão de vender uma imagem perfeita. É casada, mora na Zona Sul e sua rotina é a de boa mãe de família: passear no calçadão e lembrar, ocasionalmente, do marido. No episódio, Alessandra contracena com Eriberto Leão.   

CINTIA ROSA
A Internauta da Mangueira Gleicy é como as mulatas dos sambas da Mangueira, desejada por todos os homens da Estação Primeira. O defeito é o marido. Bem casada, mantém as aparências de boa moça, mas, na Internet… Eduardo Moscovis é o marido, Preta Gil, a irmã, e Marcos Winter é um detetive.  

O ORIGINAL E O NOVO

 
Há 43 anos, As Cariocas, de Sérgio Porto, era publicado. Do livro de crônicas, apenas dois textos foram utilizados na adaptação de Daniel Filho para o século XXI: A Desinibida do Grajaú e A Noiva do Catete. Os outros oito episódios foram escritos por Euclydes Marinho, Gregório Duvivier e a jovem Adriana Falcão, mas com o cuidado de manter o humor cínico e a verve do escritor.    

STANISLAW PONTE PRETA Jornalista com os dois pés no humor, Sérgio Porto começou a publicar suas primeiras piadas e crônicas no final dos anos 1940 sob o pseudônimo Stanislaw Ponte Preta. Especialista em mulheres, sexo, futebol e boemia, o autor contava, com acidez, o cotidiano no Rio de Janeiro. Publicou As Cariocas em 1967, um ano antes de ser assassinado, aos 45 anos. Escreveu 13 livros.  

Com Alinne, Basta Uma Palavra para Mudar

25 filmes, entre curtas, longas e ocumentários estã ona programação do Cinema Mostra Aids, cuja sexta edição acontece em Sampa no Espaço Unibanco Augusta e no Cine Olido (ambos no centro), de hoje até dia 19 de agosto.

Divulgação
Alinne Moraes (foto) participa do filme "Flordelis - Basta uma Palavra para Mudar", que integra a sexta edição do Cinema Mostra Aids
Alinne Moraes participa do filme Flordelis – Basta uma Palavra para Mudar

A intenção é despertar o interesse do público sobre o impacto da Aids na sociedade e na vida das pessoas. Na programação, obras como Flordelis – Basta uma Palavra para Mudar, a história real de uma mulher que desafiou a justiça brasileira por amor aos filhos. O elenco conta com Reynaldo Gianecchini, Alinne Moraes, Letícia Sabatella e Deborah Secco.

O francês Clara e Eu — sobre um ator que precisa decidir se mantém a relação com a mulher que ama, e cujo teste de HIV deu positivo– e o longa O Jardim do Outro Homem também fazem parte da mostra.

Os ingressos custam R$ 5 (Espaço Unibanco) e R$ 1 (Cine Olido), mas quem quiser pode imprimir um vale-ingresso no site do festival e assistir aos filmes de graça. A página também contém toda a programação.

Cinema Mostra AidsEspaço Unibanco Augusta – r. Augusta, 1.470 e 1.475, Consolação, centro, São Paulo, SP. Tel.: 0/xx/11/3288-6780. Cine Olido – av. São João, 473, República, centro, São Paulo, SP. Tel.: 0/xx/11/3331-7703. 12 a 19/8. Ingr.: R$ 5 (Espaço Unibanco Augusta) e R$ 1 (Cine Olido).

Alinne Moraes e Wagner Moura Filmam em Paulínia

Alinne Moraes, que terminou há poucos dias de gravar participação no longa HELENO (ao lado de Rodrigo Santoro), prepara-se para voltar ao estúdio neste sábado (24). A  atriz vai gravar no Polo de Cinema de Paulínia (SP) o filme O Homem do Futuro, no qual vai contracenar com Wagner Moura. 

 

O papel de Alinne, Helena, uma top model internacional que é o objeto de desejo de Zero, o “Homem do Futuro”, inicialmente seria de Ana Paula Arósio, que deixou o filme para dedicar-se a essa nova fase.  “Ela alegou problemas pessoais”, explicou Vanessa Freitas, assessora de imprensa da Conspiração Filmes.

 

Alinne Moraes: beleza, charme e competência de volta à telona

O Homem do Futuro é um projeto do cineasta Cláudio Torres, filho de Fernanda Montenegro, que tem no currículo a direção dos filmes Redentor e A Mulher Invisível. A trama, uma ficção científica misturada com comédia, conta a história de Zero (Wagner), um cientista frustrado e amargurado. Quando, sem querer, ele faz uma viagem no tempo que o leva de volta ao passado, decide correr trás das oportunidades que deixou passar, como um romance com Helena (Alinne), uma linda mulher por quem era apaixonado vinte anos atrás.

Alinne Moraes em mais um Filme

Atores Pedro Neschling  e Bruno Mazzeo já estão confirmados para o filme O Jardim Perfumado, adaptação do livro Corrida do Membro, do jornalista Ubiratan Muarrek.

A participação da bela e competente Alinne Moraes está sendo cogitada para um dos papéis. O longa começa a ser filmado somente em 2011.

A direção é de Johnny Araújo (O Magnata) e o roteiro é assinado por Lusa Silvestre e Marcos Jorge.

A história narra as dores do macho em um mundo dominado pelas mulheres.

ALINNE e SOLANO: MELHORES no DOMINGÃO

Mateus Solano, que conjuga em igualdade de condições Beleza e Competência, vence na escolha anual do programa Domingão do Faustão, como Melhor Ator na votação do público x funcionários da TV Globo, ao lado de ALINNE MORAES, que venceu na categoria MELHOR  ATRIZ.

O público, penhorado, bate palmas e consagra a sensacional dupla de VIVER A VIDA.

MATEUSsolando completamente , na pele de dois gêmeos que – faz com impressionante maestria – e ALINNE – esbanjando charme, beleza, simpatia, espontaneidade e qualificação interpretativa -, SÃO DUAS GRANDES CONFIRMAÇÕES da telinha neste semestre.

E podem aguardar: muitos outros prêmios, na mesma categoria, ainda virão para estes dois FABULOSOS ATORES !

VIVAAAAAAAAA !!!