Arquivo da tag: Anápolis faz Cinema

Anápolis prepara terceira edição do Festival de Cinema

Anápolis, uma das cidades mais importantes de Goiás, faz um dos melhores festivais de Cinema do país. Edição 2013 será em maio…

Idealizado e coordenado pela cineasta e produtora-executiva Débora Torres, festival será em maio…

I- As inscrições dos curtas do Centro-Oeste e dos curtas anapolinos estarão abertas de 25 de março a 9 de abril de 2013, podendo a ficha de inscrição ser encontrada no site www.anapolisfestivaldecinema.com.br

Para inscrever-se, o realizador tem de preencher a ficha, imprimi-la e enviá-la, juntamente com o  material descrito no item 6-IV e V para a Coordenação Geral do Festival, na sede da Secretaria Municipal de Cultura de Anápolis, situada na Praça Bom Jesus, nº 101, Centro, Anápolis-GO – 75025 – 050.

II- A ficha de inscrição (ANEXO I), Termo de Cessão de Direitos Autorais (Anexo II) e o Regulamento (ANEXO III) do Edital n° 003/2013, estarão disponíveis no Site: www.anapolisfestivaldecinema.com.br

???????????????????????????????David Cardoso, Carlos Alberto Riccelli e Rubens Ewald Filho na edição 2012…

b)– Filme de curta-metragem do Centro-Oeste de todos os gêneros:

– Melhor curta-metragem do Centro-Oeste –– R$ 7.500,00 (sete mil e quinhentos reais) mais troféu.

c) – Filme de curta-metragem anapolino de todos os gêneros:

– Melhor curta-metragem Anapolino – Prêmio Incentivar Secretaria Municipal de Cultura à Produção de curta-metragem que será destinado à produção de um novo curta-metragem a ser produzido na região de Anápolis e exibido na abertura do 4º ANÁPOLIS FESTIVAL DE CINEMA – R$ 30.000,00 (trinta mil reais) mais troféu;– Melhor Roteiro – R$ 7.500,00 (sete mil e quinhentos reais) mais troféu;

– Melhor Direção – R$ 7.500,00 (sete mil e quinhentos reais) mais troféu.

A, Webb e Deb em AnapAurora Miranda Leão, Walter Webb e Débora Torres na primeira edição do concorrido Festival de Cinema de Anápolis…

HOLLYWOOD VÊ ANÁPOLIS como Capital do Cinema

 

                           

Com a exibição do documentário HOLLYWOOD NO SERRADO, de Armando Bulcão e Tânia Montoro, foi aberta ontem, em solenidade festival (seguida de farto jantar aos convidados) a primeira edição do Festival de Cinema de Anápolis, realização da Prefeitura Mujnicipal da cidade, que apostou e investiu na proposta ousada de Débora Torres de realizar um grande panorama do cinema brasileiro em pleno serrado da região central do país.

Débora Torres e o secretário municipal de Cultura, Augusto César de Almeida: empreendimento para colocar ANÁPOLIS no roteiro dos grandes festivais do país

Uma noite vibrante, repleta de pessoas ávidas por se ver na tela e dizer SIM a este belo capítulo que agora se descortina nas páginas da história anapolina. A platéia riu, aplaudiu e se identificou com o precioso documentário da dupla Tânia Montoro e Armando Bulcão, focando um aspecto da história cultural do país que os brasileiros ainda precisam conhecer.

Na platéia, além de todo o público goiano interesssado na Sétima Arte, a presença dos jurados e convidados como Alice Gonzaga (Primeiro Dama do Cinema Brasileiro), atriz Neuza Borges, Embaixador Lauro Moreira,  roteirista e escritor Alex Moletta, jornalista Cid Nader, atriz Mallu Moraes, os produtores baianos Laurita Pires e Edivaldo, cineasta João Batista de Andrade e a atriz Eliana Lage, além de muitos outros cujos nomes agora me escapam.

Mas ao longo da semana, você vai ficar sabendo muito mais, na sua visita diária ao Aurora de Cinema, sobre esta primeira edição do FESTIVAL DE CINEMA DE ANÁPOLIS.

Jornalista, dramaturgo, professor e crítico de cinema, RUBENS EWALD FILHO é presença das mais aguardadas no Festival de Anápolis