Arquivo da tag: aprender música

Interpretação para Cinema e TV, Carnaval, Beatles e Grafologia

 

Para quem gosta de Cinema, TV, Música, Samba e Carnaval , e ainda para os que querem saber mais sobre os BEATLES e sobre GRAFOLOGIA, a hora é esta:

A CINÉDIA – Centro Cultural de Santa Tereza – está oferecendo um leque de novos e ótimos cursos nas áreas Música, Cinema, Televisão, Samba, Grafologia. Com um time de professores de Primeira Linha: Carlos Prazeres, Luis Carlos  Lacerda, Marcel Gootlieb, Ricardo Oiticica e Elisabeth Romar.

Tem alguma dúvida ? Quer saber mais ? Confira neste post endereço e telefones CINÉDIA.

E APROVEITE esta excelente e rara oportunidade !

Newsletter cursos de fevereiro.JPG 

Com Ensino Musical, Aprendizagem Melhora

Aprender a tocar um instrumento pode mudar o cérebro, segundo artigo científico lançado nos Estados Unidos. E mais: aulas de música podem ajudar a melhorar a fala e a capacidade de se aprender um idioma estrangeiro.

 

Pesquisa da Universidade de Northwestern, nos EUA, cruzou estudos que associam o ensaio musical com a aprendizagem, incluindo a melhora de habilidades na linguagem, fala, atenção, memória e até na emoção vocal.

A pesquisadora Nina Kraus, que coordenou o estudo, declarou: os dados indicam que as conexões neurais criadas durante aulas de música também preparam o cérebro para todos os aspectos da comunicação humana.

“O efeito do ensaio de música mostra que, de forma similar aos benefícios que um exercício traz para o corpo, a música é um recurso que tonifica o cérebro para a linguagem”, dizem os pesquisadores. Kraus explicou que aprender os sons musicais pode fortalecer a habilidade de adaptação e de mudanças do cérebro e também permite que o sistema nervoso crie bases importantes para a aprendizagem.

O estudo, publicado na Nature Reviews Neuroscience, constatou: aprender a tocar um instrumento condiciona o cérebro a escolher o que é relevante em um processo complexo que envolve a leitura da partitura, a memória, os cálculos dos tempos e a coordenação com outros músicos.

“A seletividade cerebral de um músico realça as informações contidas em cada som. É uma ótima relação entre os processos sensoriais e os processos cognitivos. O sistema nervoso dessas pessoas faz associações complexas entre sons e o que eles significam”, diz Kraus. O estudo mostrou que músicos são mais bem sucedidos em incorporar os padrões de sons de um novo idioma do que indivíduos que não são músicos.

Segundo a pesquisa, as crianças que recebem aulas de música são melhores em detectar as mudanças de tom na fala, tem um vocabulário mais amplo, além de apresentarem maior capacidade de compreensão de textos.