Arquivo da tag: cinema em Goiânia

RESTA UM na noite de Fortaleza

Um filme só acontece depois que chega ao espectador. Por isso, você é a pessoa mais importante desta noite de TERÇA na qual RESTA UM será exibido, pela primeira vez, em Fortaleza.

O CONVITE para esta noite no Centro Cultural Oboé tem a intenção de ser espalhado por aí aos quatro ventos pra que possamos ter uma sessão de cinema com casa cheia.


Aurora Miranda Leão e Rubens Ewald Filho durante o período de gravações em Goiânia…

Vá e leve os amigos ! Se não puder ir, pelo menos recomende a uma porção de parceiros porque, afinal, sempre RESTA UM

Venha você também descobrir porque O Resto é sempre maior que o Principal…

 

FICHA TÉCNICA e ARTÍSTICA RESTA UM 

Argumento, Roteiro, Fotografia e Direção – Aurora Miranda Leão

Trilha: Ricardo Bacelar

Câmera adicional – Julinho Léllis

Imagens de celular: Aurora M. Leão e Ingra Liberato

Contribuição afetiva – Rubens Ewald Filho

Colaboração no Roteiro: Alex Moletta,Miguel Jorge,Rogério Santana 

Estrelando INGRA LIBERATO

 Participação: Rosamaria Murtinho, Sílvio Tendler, Bruno Safadi, Samuel Reginatto, Miguel Jorge, Henrique Dantas, Carol Paraguassu e Patrícia Luciene

Produção: Aurora M. Leão e Julinho Léllis 

Edição: Aurora Miranda Leão e Lília Moema

Filmes citados:  Amanda & Monick, de André da Costa Pinto

                              Aos Pés, de Zeca Brito

                              Áurea, de Zeca Ferreira

                             Harmonia do Inferno, de Gui Castor     

 

Realização: Aurora de Cinema & Cabeça de Cuia Filmes       

                                      

RESTA UM – LANÇAMENTO em Fortaleza
HOJE, 19, 19:30h
COQUETEL no Centro Cultural Oboé – rua MARIA TOMÁSIA, 531

Informações: 3264.7038
ENTRADA FRANCA

RESTA UM… Divulgadas Primeiras Imagens

     RESTA UM… ficou pronto… Filmagens foram realizadas em Goiânia, em novembro passado, por ocasião do VI FESTIVAL NACIONAL DE GOIÂNIA do CINEMA BRASILEIRO…

RESTA UM é uma parceria Aurora de Cinema e Cabeça de Cuia Filmes

INGRA LIBERATO  é a estrela. ROSAMARIA MURTINHO, a ATRIZ especialmente convidada.

FILME é uma declarada HOMENAGEM a Júlio Bressane, nosso cineasta mais singular, o erudito do Cinema Brasileiro, que revolucionou nossa cinematografia a partir dos filmes instigantes e semimais que realizou, como Cara a Cara, O Anjo Nasceu, e MATOU A FAMÍLIA e FOI AO CINEMA…

INGRA LIBERATO: novo trabalho, sob direção de Aurora Miranda Leão, tem declarada inspiração na atriz HELENA IGNÊZ, musa da produtora BELAIR, que fez o maior buchicho no país em 1970…

Parceria BRESSANE x SGANZERLA…

* Depois explicamos melhor… Aguardem novos posts…

RESTA UM…………

INGRA LIBERATO Estrela RESTA UM…

Que ela tem charme e competência, todos sabemos !

Afinal, “estourou” quando fez Ana Raio e Zé Trovão (novamente no ar e com muito boa audiência) e depois vieram outros personagens, mais aplausos e até prêmios como Atriz.

Nós só não sabíamos é que ela é uma pessoa Super ESPECIAL, cheia de graça e simplicidade, uma “pantera” das telas, divertida, alegre, animada, amiga de quem faz Arte e companheira cuja convivência faz bem à alma.

Pois foi esta impressão que ela nos passou quando mais uma vez estivemos juntas, alguns anos depois da época em que ela rodou no Ceará o filme de Florinda Bolkan Eu Não Conhecia Tururu…

Quando INGRA veio a Fortaleza, ao tempo da pré-produção do filme, fizemos uma longa entrevista com ela – eu era então editora de Arte & Cultura do extinto jornal Tribuna do Ceará. Foi então, encantada com o jeito brejeito, simpático e sem nenhum estrelismo da “Pequena Notável Baiana”, que concedemos a INGRA uma página do caderno que editávamos.

Ano passado, colega dela no júri da sexta edição do FestCine Goiânia, tive a oportunidade de privar mais amiúde da agradável companhia de INGRA.

E esta ATRIZ, vocacionada para a Arte e iluminada pelo toque de uma docilidade cativante, dona de impressionante fotogenia, topou na hora (e sem criar nenhum tipo de exigência) nossa idéia de fazermos um curta-metragem sem roteiro pré-definido, do jeito que pudéssemos fazer, inteirinho, ali mesmo, na capital goiana, durante os animados dias do FestCine, tão profissionalmente realizado por nossa adorável amiga-comum, Débora Torres (com luxuoso auxílio do escritor e poeta Miguel Jorge).

E nasceu o RESTA UM

Do qual INGRA LIBERATO é a Protagonista, esbanjando charme e sensualidade.

E vocês, então, hão de concordar comigo.

Aguardem novos posts sobre o RESTA UM

GOIÂNIA Confirma Viajo Porque Preciso, e Olhos Azuis e Consagra o Impactante BELAIR

 

                                                         

Com a exibição do curtametragem Quadro Negro, da diretora Débora Torres, encerrou-se na noite de quarta, dia 10, a semana de realização da 6ª edição do FestCine Goiânia, no Centro Municipal de Cultura Goiânia Ouro. Na sequência, foi exibido o Doc Miguel Jorge: Escritor, do cineasta João Batista de Andrade.

O Júri oficial, presidido pela atriz RosaMaria Murtinho, divulgou o seguinte resultado.

Longametragem (Ficção)

Melhor Longa:Olhos Azuis”, de José Joffily.

Melhor Direção: Jeferson De, por “Bróder”.

Melhor Atriz: Simone Spoladore, por “Élvis e Madona”.

Melhor Ator: Henrique Larré, por “Os Famosos e os Duendes da Morte”, de Esmir Filho.

Melhor Atriz Coadjuvante: Áurea Batista, por “Os Famosos e os Duendes da Morte”.

Melhor Ator Coadjuvante: Irandhir Santos, por “Olhos Azuis”.

David Rasche e Cristina Lago em cena do filme Olhos Azuis, de José Joffily

Melhor Roteiro: Marcelo Gomes e Karim Ainouz, por “Viajo Por Que Preciso, Volto Por Que te Amo”.

Melhor Fotografia: Mauro Pinheiro Jr., por “Os Famosos e os Duendes da Morte”, de Esmir Filho.

Melhor Montagem: Karen Harley, por “Viajo Por Que Preciso, Volto Por Que te Amo”.

Melhor Som: Bruno Fernandes e Álvaro Correia, por “Malú de Bicicleta”, de Flávio Tambellini.

Melhor Música ou Trilha Sonora Original: João Marcelo Boscoli, por “Bróder”, de Jeferson De.

Melhor Direção de Arte: Rafael Targat, por “Élvis e Madona”, de Marcelo Laffite.

Longa-metragem (Documentário)

Helena Ignêz, magnânima em filme de Júlio Bressane

Melhor Documentário:Belair”, de Noa Bressane e Bruno Sáfadi.

Melhor Direção: Henrique Dantas, por  “Filhos de João Admirável Mundo Novos Baianos”.

Melhor Roteiro: Sílvio Tendler, por “Utopia e Barbárie”, de Sílvio Tendler.

Melhor Fotografia: Lula Carvalho e David Pacheco, por “Belair”, de Noa Bressane e Bruno Sáfadi.

Melhor Montagem: Diogo Diniz Garcia, por “Retrato 3X4 de um Tempo”, de Angelo Lima.

Melhor Som: Utopia e Barbárie”, de Sílvio Tendler.

Mensão Honrosa:Nélida Piñon”, de Júlio Lélis.

Curta Goiano

Melhor Curta (Ficção):Ainda Não”, de Paulo Rezende.

Melhor Curta (Documentário): Número Zero”, de Cláudia Nunes.

Melhor Curta (Animação):Rupestre”, de Paulo Miranda.

Mensões Honrosas:Centésimo Daw”, de Orlando lemos e “Diga 33”, de Angelo Lima.

Prêmio Estimulo:Ainda Não”, de Paulo Rezende.

Imagem metafórica em Viajo porque Preciso, Volto porque te Amo

Vídeo Universitário

Melhor Vídeo (Ficção):Enquanto”, de Larissa Fernandes.

Melhor Vídeo (Documentário):Renova Esperança”, Tatiana Scartezini.

Melhor Vídeo (Animação):Verdade Absoluta”, de Guilherme Mendonça e Jordana Prado.

Mensão Honrosa:Neurose”, de Kaco Olímpio e Pedro Caixeta.

Prêmio Estimulo:Enquanto”, de Larissa Fernandes.

Vídeo Caseiro

1° Lugar:Asas”, de Thiago Augusto de Oliviera.

2° Lugar:A Moça do Carro de Boi”, de Flávio Gomes de Oliveira.

3º Lugar:Zumbido”, de Paulo de Melo.

Menções Honrosas:A Chamada”, de Coelho Nunes e “Sobre Meu Irmão,” de Bruno Lino.

FESTCINE GOIÂNIA Será Aberto Dia 3

Convite de Abertura Oficial do FestCine Goiânia 2010

A PREFEITURA DE GOIÂNIA, por meio da Secretaria Municipal da Cultura, convida para a Abertura Oficial do FestCine Goiânia 2010, dia 3 de novembro (quarta-feira) às 19h30, no Centro  Municipal  de  Cultura Goiânia  Ouro, com presença de artistas e personalidades nacionais.
 

Na ocasião, haverá Homenagem ao ator CACO CIOCLER, protagonista do filme de abertura UM DIA DE ONTEM, dos diretores Thiago Luciano e Beto Shultz, pelo conjunto de obras no cinema brasileiro, seguido de coquetel.

Contamos com sua ilustre presença!

 KLEBER ADORNO
 Secretário Municipal de Cultura

(entrada gratuita em todas as atividades do FestCine Goiânia)
 
 
* Quem nos avisa o auspicioso convite é a querida amiga 
DÉBORA TÔRRES

Diretora Cinematográfica
Produtora Executiva do FestCine Goiânia
Diretora do Cine Municipal Goiânia Ouro

 

Como Será a Tela do FestCine Goiânia

Confira a lista de filmes selecionados para a sexta edição, que acontece de 3 a 10 de novembro na adorável capital goiana:

Longas Metragens – Documentários



  1. Cinema de Guerrilha – Dir.: Evaldo Mocarzel – Doc. – 72′ – SP –
  1. Filhos de João, Admiravel Mundo Novo Baiano – Dir.: Henrique Dantas – Doc. – 35mm – 75′ – 2009 – BA
  2.  Nélida Piñon – Mapas dos Afetos – Dir.: Julio Lellis – Doc. – 84′ –

 

  1. Retrato 3×4 de um tempo – Dir.: Angelo Lima – Doc. – 85′ – GO –


  1. Belair – Dir.: Noa Bressane e Bruno Safadi – Doc. – 80′ – RJ –


  1. Utopia e Barbárie – Dir.: Silvio Tendler – Doc. – 35mm – 120′ – 2008 – RJ –

Longas Metragens – Ficção



  1. Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo – Dir.: Karim Ainouz e Marcelo Gomes – Fic. – Dig. – 71′ – 2009 – PE –


  1. Elvis e Madonna – Dir.; Marcelo Lafitte – Fic. – 35mm – 105′ – 2010 – RJ –
  1. Olhos Azuis – Dir.: José Joffily – Fic. – 35mm – 111’- 2009 – RJ –
  1. Malu de Bicicleta – Dir.: Flávio Ramos Tambellini – Fic. – 35mm – 96′ – 2010 – RJ –


  1. Bróder – Dir.: Jeferson De – Fic. Dig. – 93′ – 2010 – SP –


  1. Os Famosos e os Duendes da Morte – Dir.: Esmir Filho – Fic. – 35mm – 100′ – 2010 – SP –