Arquivo da tag: cinema infantil

Mostra de Cinema Infantil de Floripa abre inscrições

Abertas as inscrições para a 12ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis, a qual será realizada de 28 de junho a 14 de julho no Teatro Governador Pedro Ivo Campos, na capital catarinense. Podem participar da seleção curtas-metragens nacionais de todos os gêneros e formatos, direcionados ao público infanto-juvenil e inéditos em Santa Catarina.

Regulamento e ficha de inscrição estão disponíveis no site http://www.mostradecinemainfantil.com.br. Todo o processo é online, incluindo o envio de cópias dos filmes. O prazo de inscrições vai até 21 de março e a relação das obras selecionadas será divulgada a partir de 23 de abril.

O Melhor Filme eleito pelo Júri Oficial e o Melhor Filme escolhido pelo público infantil receberão o prêmio aquisição da TV Brasil no valor de R$ 10 mil cada um. O Fim do Recreio, de Vinicius Mazzon e Nélio Spréa, do Paraná, Disque Quilombola, de David Reeks, de São Paulo, foram os premiados de 2012.

“Desde 2008, os curtas da Mostra Competitiva são também encaminhados para a Programadora Brasil, que seleciona títulos para este projeto do governo federal, e faz circular o cinema brasileiro em escolas, universidades, cineclubes e centros culturais”, diz Luiza Lins, diretora da Mostra.

Além dos curtas nacionais, o festival exibe curtas e longas-metragens internacionais, médias e longas brasileiros nas sessões especiais e de pré-estreias. Na última edição, mais de 120 mil crianças participaram do evento, cujo objetivo é a inclusão social, o fortalecimento e a circulação do cinema infantil brasileiro.

A Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis é uma realização da Lume Produções Culturais com apoio do Núcleo de Ação Integrada e patrocinadores.

Mostra de Cinema de Floripa discute Distribuição

8º Encontro do Cinema Infantil discute distribuição

Falta de leis que priorizem o cinema nacional, exibidores que privilegiam o cinema norte-americano e ocupação do mercado pelas distribuidoras estrangeiras. Essas são algumas questões que impedem uma distribuição mais eficiente do cinema produzido no Brasil e vão estar na pauta do 8º Encontro Nacional de Cinema Infantil, que ocorre sábado, dia 30, das 8h30 às 12h30, no Majestic Palace Hotel, em Florianópolis.

Com apoio do Sindicato da Indústria do Audiovisual de Santa Catarina (Santacine), o Encontro faz parte da programação da 11ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis. Participam os distribuidores Marco Aurélio Marcondes e Abrão Scherer, a diretora da Agência Nacional de Cinema (Ancine), Vera Zaverucha, a Secretária do Audiovisual do MinC, Ana Paula Santana, e a diretora Celia Catunda, que vão debater o tema Desafios Criativos: Distribuição e Conteúdo. A mediação é de Luíza Lins, diretora da Mostra. 

No Encontro, serão apresentadas algumas alternativas que vem-se mostrando eficientes. Uma delas é o edital da Ancine de distribuição internacional de cinema brasileiro, em sua quarta edição. O concurso deste ano, cujas inscrições encerraram dia 3 de junho, vai contemplar dez projetos de U$ 25 mil, sendo que US$ 15 mil são provenientes do Programa Cinema do Brasil e US$ 10 mil do Ministério das Relações Exteriores.Entre os filmes já beneficiados pela premiação em edições anteriores estão Tropa de Elite 2, distribuído na Polônia, Sonhos Roubados, na França, e Estômago, em Portugal, entre outros.

Para Marco Aurélio, “uma das questões-chave da indústria do audiovisual é colocar os filmes ‘viajando’. Exibi-los de forma sistemática mundo a fora’. Ele é um dos organizadores da Nossa Distribuidora, criada por sete produtoras que detém as maiores bilheterias do Brasil e que incluem títulos como Tropa de Elite, Dois Filhos de Francisco, Se eu Fosse Você, e Cidade de Deus. Na política da Nossa Distribuidora, é possível reduzir os custos de comercialização de filmes no mercado nacional e também colaborar para o aumento da competitividade do filme brasileiro e das empresas nacionais.
O quê: 8º Encontro Nacional de Cinema Infantil
Quando: Sábado (30), das 8h30 às 12h30
Onde: Hotel Majestic. Avenida Beira-mar Norte, 2.746, Centro, Florianópolis.
Quanto: Gratuito

A programação do SerCine…

O Sercine – Festival Sergipe de Audiovisual informa modificações em sua programação: as ações pré-festival começaram ontem com a realização da Oficina de Crítica Cinematográfica, ministrada pelo crítico Luiz Carlos Oliveira Júnior.

As atividades continuam no dia 8, no Teatro Atheneu, com o lançamento do curta As aventuras de Seu Euclides – Lambesujo e Caboclinho, do diretor sergipano Marcelo Roque, e a exibição do filme É tudo nosso – O hip hop fazendo história, do diretor Toni C., este em parceria com a Semana do Hip Hop.

Ainda, dias 9 e 10, informa Baruch Blumberg (idealizador e produtor-executivo do Festival), o Sercine continua com suas ações Pré – Festival: na quarta, 9, acontecerá a Mostra de Cinema Infantil – parceria com a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis -, e no dia 10 a Mostra de Cinema com Audiodescrição, em parceria com ABCA e o Dia Internacional da Animação. Ambas as mostras acontecerão na sala de projeção do Museu da Gente Sergipana.

As mostras competitivas, a mostra de longas convidados e mesas que compõem a programação do Sercine acontecerão em julho, assim como a exposição Anotações para um roteiro, do artista plástico Fábio Sampaio, que compõe a programação oficial do festival.

Inscrições para festivais e prêmios pelo Brasil

Vão até dia 11 as inscrições para a seleção do 10° Festival Internacional de Cinema Infantil – FICI 2012, que acontece entre agosto e novembro em São Paulo, Rio de Janeiro, Niterói, Brasília, Campinas, Santos, Belo Horizonte, Aracaju, Salvador e Recife. Continue lendo em www.ancine.gov.br

                        *********

Abertas até dia 20 as inscrições ao Prêmio Brasil de Fotografia. Os interessados podem participar em duas categorias: Ensaios Fotográficos (para séries de 8 a 12 imagens)  e Pesquisas Contemporâneas, que devem se alinhar ao tema deste ano, com foco na história social e estética do olhar contemporâneo. O evento irá conceder prêmios de R$ 10 mil a R$ 40 mil aos vencedores. As inscrições devem ser realizadas via postal ou pessoalmente. Mais informações: www.portoseguro.com.br/fotografia

                *********

Abertas até dia 25, as inscrições ao Edital Nacional Natura Musical 2012. Além das propostas de produção de CD e DVD, podem participar projetos de livros, shows, festivais, documentários e ações educativas, com foco na música. Para concorrer, os inscritos devem ter o registro no Programa Nacional de Apoio à Cultura (PRONAC) ou estar aptos à captação de recursos por meio da Lei Rouanet ou da Lei do Audiovisual. Mais informações: (11) 3146.0970 ou edital@naturamusical.com.br. Regulamento e inscrições estão disponíveis no site http://www.natura.net/patrocinio ou www.naturamusical.com.br

                            *********

A Fundação Nacional de Artes (Funarte) está selecionando para composições inéditas destinadas a conjuntos orquestrais, camerísticos e solistas, a serem executadas nos concertos da XX Bienal de Música Brasileira Contemporânea, no segundo semestre de 2013. Trata-se do Prêmio Funarte de Composição Clássica, que contemplará 30 trabalhos, os quais concorrerão a premiações de R$ 8 mil a R$ 30 mil. Mais informações: http://www.funarte.gov.br

                                         *********

A Unesco está com inscrições abertas para propostas de financiamento de programas e projetos destinados à diversidade cultural, através de seu fundo internacional, até 31 de maio. Serão disponibilizados um total de US$ 100 mil em aporte financeiro para cada proposta. A iniciativa é aberta aos governos dos países em desenvolvimento membros da Convenção, ONGs nacionais da área da cultura, grupos vulneráveis ou outros grupos sociais minoritários. O formulário de inscrição, para ser preenchido em inglês ou francês, assim como mais informações e regulamentos, estão disponíveis no http://www.unesco.org

                                       *********

A Universidade Federal do Maranhão (UFMA), por meio do Departamento de Assuntos Culturais (DAC) da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), está com inscrições para o credenciamento de estudantes, trabalhadores e cinéfilos que querem integrar o Júri Popular do 35º Festival Guarnicê de Cinema. As inscrições podem ser feitas até 8 de junho. Os credenciados terão acesso gratuito às sessões de filmes e direito a voto e certificado de participação. O certificado será emitido somente para os credenciados que obtiverem 80% de participação no Festival. O 35º Festival Guarnicê de Cinema será realizado de 10 a 16 de junho, no Centro Histórico de São Luís. Mais: www.cultura.ufma.br

                                            *********

Abertas até dia 31 de maio inscrições à 10ª Mostra Alagoana de Dança, a ser realizada de 9 de julho a 23 de agosto. Podem participar escolas de dança, grupos amadores ou profissionais, bailarinos profissionais ou não, em todas as modalidades cênicas, residentes em Alagoas. O tema é livre, porém a prioridade será dada aos apoiadores dos movimentos da cultura alagoana e nordestina em geral. Não há taxa de inscrição. Mais informações no site da Secretaria de Cultura de Alagoas (Secult-AL): http://www.cultura.al.gov.br

                                       ********* 

O Núcleo de Atores da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) está com inscrições abertas para atores, com idade mínima de 18 anos, com ou sem experiência, que queiram participar de uma seleção de elenco para novo espetáculo. Os interessados devem se dirigir à recepção do Centro de Arte e Cultura e realizar sua inscrição preenchendo o formulário disponível na Secretaria do local. A participação também pode ser efetuada pela internet, solicitando a ficha de inscrição através do e-mail uepbtetro@gmail.com. Mais informações: (83) 3310-9734 ou 3310-9733.

                                             *********

 O 3º FESTCINE MARACANAÚ – Festival de Cinema Digital e Novas Mídias será realizado na cidade de Maracanaú (CE), no período
de 16 a 21 de Outubro, organizado e coordenado pela empresa Abraham Filmes e Estúdio Digital, sob aa coordenação-geral do produtor e cineasta Afonso Celso.

A programação do FESTCINE MARACANAÚ divide-se em três mostras competitivas: a primeira para longa-metragem em formato digital; a segunda para curtas brasileiros em formato digital; e a terceira para novas mídias. O festival promove ainda uma mostra de curta-metragem, destinada aos realizadores da zona metropolitana de Fortaleza.

As inscrições ao FESTCINE MARACANAÚ – Festival de Cinema Digital e Novas Mídias prosseguem até dia 15. O festival tem premiação em dinheiro, assim estabelecida:

    1. R$ 10.000,00 (Dez mil reais) para melhor produção audiovisual Longa Metragem
    2. R$ 5.000,00 (Cinco mil reais) para melhor produção audiovisual Curta Metragem
    3. FESTCINE MARACANAÚ – Festival de Cinema Digital e Novas Mídias.
      www.festcinemaracanau.com.br – atendimento@festcinemaracanau.com.br 

 

Os Filmes da Mostra Infantil de Floripa

Cresce participação nordestina e temática predominante é meio ambiente 

Dos 127 filmes inscritos, 87 foram selecionados para a 11ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis, a ocorrer de 29 de junho a 15 de julho, no Teatro Pedro Ivo, em Florianópolis. Houve um crescimento de 10% no número de inscritos em relação a 2011. Com 33 curtas selecionados, São Paulo se mantém como o Estado hegemônico na produção de audiovisual para a infância, mas houve crescimento de produções provenientes do Nordeste.


Doce Turminha e o passeio nas nuvens, de Eduardo Drachinski (SC)

Paraná com oito filmes, Minas Gerais com sete, Rio Grande do Sul com seis e Espírito Santo com cinco, tem demonstrado regularidade na produção para o segmento. Santa Catarina tem dois filmes selecionados, Caranga – do outro lado do manguezal, de José Francisco Peligrino Xavier (Chicolam), de Joinville, e Doce Turminha e o passeio nas nuvens, de Eduardo Drachinski, de Florianópolis. Há dois filmes italianos e duas coproduções brasileiras, uma com o Canadá e outra com a Coreia do Sul.

A coordenação da curadoria é da cineasta Melina Curi, com consultoria da professora da rede de educação infantil do Rio de Janeiro,Teca Lins. Com exceção de apenas um filme finalizado em 2008, todos os curtas selecionados foram produzidos nos últimos três anos e predomina a temática ambiental. Para Luiza Lins, diretora da Mostra, este é um sinal de que “os diretores estão se permitindo abordar o mundo com o olhar das crianças, as mais preocupadas hoje com o futuro do planeta”.

Houve também um aumento superior a 10% do número de selecionados. Em 2011 foram 77 e neste ano são 87. Segundo considera Luiza, embora lento, está havendo um crescimento na produção, com avanço de conceitos e da substância dos roteiros, que têm gerado filmes de qualidade em maior quantidade. Este processo, diz ela, se deve à ampliação de oficinas com crianças nas escolas e aos incentivos promovidos pelo MinC e por governos de diversos estados brasileiros à produção destinada à infância.


Disque Quilombola, de David Reeks (SP)

Os selecionados concorrem a dois prêmios aquisição nas categorias Melhor Filme, votado por um Júri Oficial, e Prêmio Especial das Crianças, votado pelo público infantil. Cada uma das produções escolhidas receberá o Prêmio Aquisição no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais) da TV Brasil, e um troféu. A Mostra também é um canal de distribuição via Programadora Brasil e Projeto Curta o Curta, além de divulgar e encaminhar a produção para outros festivais, cineclubes e escolas brasileiras.

FILMES SELECIONADOS 

1.         A galinha ou eu (de Denizia Moresqui, PR, 2011, 15′)
2.         A garça Graça (de alunos EMEF Tânia Pôncio Leite, ES, 2010, 5′)
3.         A grande viagem (de Caroline Fioratti, SP, 2011, 15’45”)
4.         A mula teimosa e o controle remoto (de Helio Villela Nunes, SP, 2011, 15’15”)
5.         Antes que o verão acabe (de Marília Nogueira, MG, 2012, 16′)
6.         A patrulha do xixi no banho (de Michael Valim, GO, 2011, 9’25”)
7.         Arara rara (de Chico Zullo, SP, 2010, 11’20)
8.         As aventuras de Poti &Anda-Luz (de Valu Vasconcelos, RJ, 2011, 4′)
9.         As folhas (de Deleon Souto, PB, 2011, 14’20”)
10.      Até quando (de Cinema Nosso, RJ, 2010, 3’25”)
11.      A varinha mágica (de Ramon Faria, MG, 2012, 5’50”)
12.      A vida no mangue (de alunos EMEF Martim Lutero, ES, 2010, 7’30”)
13.      Banjo e viola (de Thiago Martins, BA, 2011, 3′)
14.      Baratas (de Maíra Bosi, CE, 2012, 18’50”)
15.      Batuta, o ratinho aventureiro (de Rosário Boyer, Alex Teix e Ricardo Gelain, RJ, 2010, 3’25”)
16.      Bud’s songs time (de HélderNóbrega, SP, 2012, 3’50”)
17.      Cadê meu rango? (de George Munari Damiani, SP, 2012, 4’10”)
18.      Caranga – do outro lado do manguezal (de Chicolam, SC, 2011, 5’30”)
19.      Coloridos (de Christopher Faust e Evandro Scorsin, PR, 2011, 10’35”)
20.      Comparativo entre as espécies (de alunos EMEF Euvira Benedita Cardoso da Silva, ES, 2010, 6’50”)
21.      Desabrigados (de Alexandre Costa, MG, 2012, 1’25”)
22.      De saco cheio (de Davi Mello, SP, 2012, 16’30”)
23.      Destimação (de Ricardo de Podestá, GO, 2012, 13’05”)
24.      Disque Quilombola (de David Reeks, SP, 2012, 13′)
25.      Doce Turminha e o passeio nas nuvens (de Eduardo Drachinski, SC, 2011, 1′)
26.      Do lado de fora (de Matheus Peçanha e Paulo Vinicius Luciano, MG,2012, 19’35”)
27.      Dó ré mi zoo em: o sapo surfista (Paulo Pappera, SP, 2012, 2’50”)
28.      Em quadros (de Jackson Farias Teixeira, MG, 2011, 50”)
29.      Flufi (de Carlos Massayuki Takemoto, SP, 2012, 4’50”)
30.      Folha em branco (de Luli Gerbase, RS, 2011, 12’25”)
31.      GonnyonTcheot Drive (de Paula Un Mi Kim, Coréia do Sul /Brasil, 2012, 15’30”)
32.      Gorgon  (de Felipe Khedi, SP, 2011, 3′)
33.      Haina: cineclube (de Arnaldo Galvão, São Paulo/SP, 2011, 1’05”)
34.      Haina: concerto em S maior (de Arnaldo Galvão, São Paulo/SP, 2011,1’05”)
35.      Haina: eco (de Arnaldo Galvão, São Paulo/SP, 2011, 1’05”)
36.      Haina: o bife (de Arnaldo Galvão, São Paulo/SP, 2011, 1’05”)
37.      Haina: o chapéu  (de Arnaldo Galvão, São Paulo/SP, 2011,1’05”)
38.      Haina: o filtro (de Arnaldo Galvão, São Paulo/SP, 2011, 1’05”)
39.      Jornal da criança (de Direção Coletiva, SP, 2011, 6’15”)
40.      Julieta de bicicleta (de Marcos Flávio Hinke,  PR, 2012,10’40”)
41.      Keep out (de Nicolás Taró, SP,2011, 4′)
42.      Lá longe (de Juliano Carpeggiani, RS, 2011, 14’45”)
43.      Lápis  (de Lúcio Mazzaro, SP,2012, 2’25”)
44.      Luz, câmera e animação (de Giovanna Belico Cária Guimarães, MG, 2011, 2’25”)
45.      Malu maluca (de Eudes Lins e Marcos Morce, DF, 2011, 13’10”)
46.      Máquina de sorvetes (de Christopher Faust, PR, 2012, 16”)
47.      Meio a meio (de Danilo Amorim Rabelo, ES, 2012,2’40”)
48.      Memórias do meu tio (de Alexandre Rafael Garcia, PR, 2011, 12’05”)
49.      Meu amigo, meu avô (de Renan Montenegro, DF, 2011, 12’20”)
50.      Missão estelar (de Raphaela Teles, SP, 2011,11’15”)
51.      Mr. Burguer (de Pedro Andrade, SP, 2011, 3′)
52.      O fim do recreio (de Vinicius Mazzon e Nélio Spréa, PR, 2011, 17’25”)
53.      O girassolzinho (de Douglas Soares, RJ, 2012, 3’55”)
54.      O guitarrista no telhado (de Guto Bozzetti, RS, 2011, 11’40”)
55.      Oligoquê  (de Paulo José, SP, 2011, 11’50”)
56.      O cangaceiro e o leão (de Arnaldo Galvão, SP, 2012, 13’10”)
57.      O macaco e o rabo  (de Direção Coletiva, PE, 2011, 8 ’10)
58.      O morro da guerra eterna (de Mauro D`Addio, SP, 2011, 6’20”)
59.      O mundo de Ulim e Oilut (de Caru Alves de Souza, SP, 2011, 13’35”)
60.      O nascimento do poeta (de Riva do Vale e Marcos Carvalho, MA, 2011, 11’36”)
61.      Online: o msn da minha melhor amiga (de Cristiano Trein, RS, 2011, 11’50”)
62.      O que acontece na sala do diretor? (de Paulo Vivan, SP, 2011, 13’05”)
63.      O reino do chocolate (de Rafael Jardim, BA, 2011, 4’40”)
64.      O resgate do Lobisomen (de Direção Coletiva, SP, 2012, 8’30”)
65.      Os sustentáveis (de Lisandro Santos, RS, 2012)
66.      Play (Brincando) (de Eduardo Colgan, PR, 2011, 6’35”)
67.      Por que Heloisa? ( de Ari Nicolosi, SP, 2011, 11′)
68.      Peixe morre pela boca  (de Cinema Nosso, RJ, 2011, 1’45”)
69.      Peixe Frito  (de Ricardo de Podestá, GO, 2011,11’50”)
70.      Pentimentos (de Maria Antônia Dinelli Azevedo e Fabiano Santos Bomfim, MG, 2012, 6’05”)
71.      Pique-salva (de Antonio Balbino, DF, 2011, 6’40”)
72.      Pizzangrillo (de Marco Gianfreda, Itália, 2011, 16’40”)
73.      Rap consciente (de Alunos EMEF Amenóphis de Assis, ES, 2010, 5’40”)
74.      Raspa tacho (de Mauricio Squarisi e Wilson  Lazaretti, SP, 2011, 3’50”)
75.      Realejo (de Marcus Vinicius Vasconcelos,SP, 2011, 12’45”)
76.      Reciclando a vida (de Márcio Emilio Zago, SP, 2008, 8’32”)
77.      Regando bigodes (de Thais Vasconcellos e Katia Lund, RJ, 2012, 11’10´)
78.      Sem energia (de Thiago Rocha, PE, 2011, 4’50”)
79.      Ser criança em Campo Grande: um documentário animado (de Tina Xavier, MS, 2011, 5’55”)
80.      Sonho de guri: caindo na real (de Liliana Sulzbach, RS, 2011, 17′)
81.      Sonho de menina (de Márcio Emilio Zago, SP, 2012, 3’35”)
82.      Thereis no darkness (A escuridão não existe) (de Michele Vannucci,Itália,2012, 8’50”)
83.      Um dia na vida (de Cinema Nosso, RJ, 2011, 2’30”)
84.      Um sol de jacaré (de Rosa Berardo, GO, 2011, 21’35”)
85.      Vovó ta na cozinha (de PG Santiago, SP, 2012, 3′)
86.      Will tofly (Desejo de voar) (de Elisa Baasch de Souza, Canadá/Brasil, 2011, 1’25”)
87.      Zarah (de Rodrigo Bontempo, PR, 2012,15’45”)


Cena do ótimo Máquina de sorvetes, de Christopher Faust, (PR)

SELECIONADOS

Estado/País

São Paulo: 33
Rio de Janeiro: 8
Paraná: 8
Minas Gerais: 7
Rio Grande do Sul: 6
Espírito Santo: 5
Distrito Federal: 3
Goiás: 3
Bahia: 2
Pernambuco: 2
Santa Catarina: 2
Paraíba: 1
Ceará: 1
Maranhão: 1
Mato Grosso do Sul: 1
Itália: 2
Canadá/Brasil: 1
Coreia do Sul/Brasil:1

Gênero

Animação: 51
Ficção: 31
Documentário: 5

Cinema infantil do Brasil na Suécia

Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis estará na Suécia

Tarsilinha, da TV PinGuin

Pelo 4º ano consecutivo, a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis participa do BUFF Film Festival, que começou hoje e vai até dia 17, em Malmo, na Suécia. A parceria entre os dois festivais possibilita a produtores brasileiros participarem do Fórum de Financiamento do Festival, em busca de coprodução internacional com o norte europeu. O pitching que seleciona os projetos de longa-metragem nacionais participantes é realizado desde o ano passado pela Mostra em conjunto com o FICI – Festival Internacional de Cinema Infantil, no Rio de Janeiro.

Já passaram pelo Fórum de Financiamento sueco os projetos dos filmes Eu e Meu Guarda Chuva, de Toni Vanzolini (Conspiração Filmes); As Aventuras do Avião Vermelho, de Frederico Pinto e José Maia (Armazém de Imagens); O Menino no Espelho, de Guilherme Fiúza (Camisa Listrada Produções); e Tainá 3, de Rosane Svartman (Sincrocine). Neste ano, o projeto que participará do evento é o do longa de animação Tarsilinha, inspirado na artista brasileira Tarsila do Amaral, com realização da TV PinGuin.

A delegação brasileira na Suécia tem apoio do Ministério das Relações Exteriores, do Governo do Brasil e é composta por Célia Catunda, da TV PinGuin, Rosane Svartman, diretora dos filmes Tainá 3 e Desenrola, Virgínia Limberger, produtora da Sincrocine, e Luiza Lins, diretora da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis. O grupo apresentará o seminário Olá Brasil, sobre a produção e a direção de cinema voltado para crianças, além das políticas públicas existentes no Brasil para o setor.

A parceria do Brasil com a Suécia  vem crescendo anualmente, e de acordo com Luiza Lins a ideia é que exista um acordo de coprodução entre os dois países. “O cinema infantil brasileiro precisa de mais ações efetivas para deslanchar, e a parceria com um país onde 25% do valor investido no cinema vai para as produções indicadas para o público infantil, pode ajudar muito”, enfatiza. Segundo Annette Brejner, diretora do Fórum, a Suécia tem interesse em conhecer melhor a diversidade cultural brasileira e deseja entrar neste mercado, que considera promissor.

Em Floripa, CINEMA é das Crianças

 

Primeiro final de semana terá também animação indicada ao Oscar, obra-prima de Bollywood, sessões competitivas de curtas, shows, oficina de boneca Abayomi e lançamento de livro
 

 
 

HOJE, 19 de junho, é dada a largada para a 9ª edição da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis, que até 4 de julho apresenta uma programação diversificada e exibe um total de 92 filmes no Teatro Governador Pedro Ivo, na capital catarinense.

 

A abertura do evento está marcada para as 14h, com a pré-estreia nacional do longa-metragem Eu e meu guarda-chuva, de Toni Vanzolini, vencedor do 1º Pitching da Mostra, que tem lançamento comercial previsto para outubro deste ano. A sessão contará com a presença do diretor e de atores que participam de bate-papo com o público.

 

Logo após, às 16h, a Sessão Diversidade Brasil exibe os primeiros curtas da Mostra Competitiva. A sessão inclui os filmes paulistas Ernesto no país do futebol, de André Queiroz e Thaís Bologna; e Godofredo – O rádio de Eva Furnari; Sorria, de Bruno Vaks, do Rio de Janeiro; Garoto Barba, do paranaense Cristopher Faust; Vai dar samba, animação do carioca Humberto Avelar; e Doido Lelé, da baiana Ceci Alves. Este último contará com a presença do ator mirim Vinicius Nascimento (Ó paí Ó e Capitães de Areia), que fará uma performance musical, inspirada no seu personagem. No filme, ele é Caetano, um garoto que deseja ser cantor de rádio na década de 50 e tenta a sorte em shows de calouros.

 
Filme Eu e Meu Guarda-Chuva tem estréia nacional

Outro destaque deste primeiro dia do evento é a pré-estreia internacional do filme indiano Somos todos diferentes (Taare zameen par), de Aamir Khan, que ocorre às 18h. A sessão é indicada para crianças acima de 10 anos e terá legendas em português. Professores têm entrada gratuita na sessão. Considerado uma obra-prima da cinematografia de Bollywood, o filme conta a história de uma criança que sofre com dislexia e custa a ser compreendida.

 

A criançada que for conferir a programação da Mostra neste sábado, também poderá participar gratuitamente da oficina de bonequinhas Abayomi, que inicia às 18h.  O ministrante Luiz A. Dutra Rodrigues ensinará a confeccionar as bonecas negras Abayomi, feitas com sobras de pano, sem uso de costura ou de cola. As inscrições serão realizadas no local. 

 

Às 17h30, no Palquinho da Mostra ocorre o lançamento do livro Cartas entre Marias: Uma viagem à Guiné-Bissau, de Virginia Maria Yunes e Maria Isabel Leite (editora Evoluir Cultural, R$ 25,00). Voltado para o público infantil e juvenil, o livro trata da troca de cartas entre as duas amigas de colégio, iniciada quando o pai de uma delas foi convidado para fazer uma pesquisa sobre plantas medicinais em uma aldeia no interior da Guiné-Bissau, na África. O Palquinho também recebe o grupo Africatarina, formado por 25 crianças das comunidades da Praia da Armação e da Lagoa do Peri que, ao som dos batuques de tambores, homenageiam a música e a cultura africanas.

 

A programação segue no domingo, 20 de junho, com horários especiais, devido ao jogo do Brasil na Copa do Mundo. Inicia às 9h30, com a Sessão Internacional, em que serão exibidos curtas do Irã, Alemanha e da Espanha, na língua original, sem dublagem e sem legendas. Os filmes são de fácil compreensão – tanto que a sessão é indicada para crianças a partir de 4 anos, que poderão ter contato com línguas estrangeiras.

 

Às 10h30, ocorre a segunda sessão Diversidade Brasil, da Mostra Competitiva. Em exibição, os curtas À moda antiga, de Bruno Carvalho, do Rio Grande do Sul; de São Paulo, Os anjos do meio da praça, de Alê Camargo e Carolina Carrossine, e Vivi Viravento, também de Alê Camargo; do Paraná, os filmes O muro e Eu não sei andar de bicicleta, de Diego Florentino; e do Rio de Janeiro, Desentralha de Mauricio Castaño e Direita é a mão que você escreve, de Paula Santos.

 

A pré-estreia Internacional do longa-metragem O segredo de Kells (Brendan et le secret de Kells), de Tomm Moore, coprodução entre Irlanda, França e Bélgica indicada ao Oscar de melhor animação em 2010, encerra a programação deste domingo. O filme é resultado de uma parceria de quatro produtoras, entre elas, a brasileira LightStar, de Marcelo de Moura. Na equipe brasileira trabalharam 50 profissionais, grande parte recém-formados pela ArtAcademia, escola de artes digitais do diretor Moura. A animação, feita de forma tradicional, conta a história de um pequeno monge celta que mora no mosteiro de Kells, cercado por muralhas contra os vikings. Curioso, o garoto faz incursões pela floresta encantada, conhece uma criatura mágica e ajuda a fazer um lendário livro de ensinamentos. 

Durante a semana, a Mostra segue com as Sessões Escola e Mostra Itinerante. A entrada é franca nas sessões durante a semana e R$ 2,00 nas sessões dos finais de semana.

Mais informações: www.mostradecinemainfantil.com,br

Inscrições para Festivais e Prêmios

CURTA-SE
Abertas inscrições ao Festival Iberoamericano de Cinema de Sergipe – Curta-SE 10, para curtas  com até 15 minutos de duração, e longas metragens, a partir de 70 minutos de duração. Os trabalhos devem ser inscritos até 7 de maio através do site www.curtase.org.br, e os filmes em língua espanhola e em português de Portugal devem estar, obrigatoriamente, legendados em português do Brasil. O Curta-Se 10 será realizado em Aracaju, de 14 a 18 de setembro em Aracaju.

Mais informações: mostras@curtase.org.br / (79) 3302-7092.

PRÊMIO DE PESQUISA MEMÓRIAS REVELADAS
Até 30 de julho

Abertas inscrições ao Prêmio de Pesquisa Memórias Reveladas. O concurso de monografias com base em fontes documentais referentes ao período do regime militar no Brasil (1964-1985), está aberto a qualquer pessoa, que pode inscrever, no máximo, 01 (uma) monografia, individualmente ou em grupo. Ao todo serão selecionados três projetos, que serão editorados e publicados, com tiragem de 1000 (hum mil) cópias. O envio das monografias e dos documentos de inscrição deverá ser realizado até 30 de julho. Mais informações: http://www.memoriasreveladas.gov.br ou http://www.arquivonacional.gov.br.


GILBERTO FREYRE
Até 15 de dezembro

Aberto o período de recebimento de trabalhos para o 4o Concurso Nacional de Ensaios, promovido pela Fundação Gilberto Freyre. Este ano o tema abordado é a Alimentação na obra de Gilberto Freyre, tendo como referência obras como Açúcar, Nordeste, Casa Grande & Senzala, Sobrados e Mucambos, entre outras. Os trabalhos podem ser entregues até o dia 15 de dezembro de 2010. Confira: www.fgf.org.br.

CINEMA, JUVENTUDE E DIVERSÃO
Abertas até 1° de abril  as inscrições ao Festival Internacional de Cinema para crianças e jovens (Divercine), que acontece de 12 a 18 de julho em Montevidéu, capital do Uruguai, e em diversos países da América do Latina. Confira: http://www.cultura.gov.br/site/2010/01/29/19%C2%B0-divercine/.

PITCHING SOCIAL FUTURA

Canal Futura abre novo espaço para a produção audiovisual independente com a realização do 1º Pitching Social do Canal. A seleção irá premiar dois programas de TV, com 20 minutos de duração e temática livre. Um deverá ser produção de uma ONG, OSCIP ou Instituto e Associação, e o outro de uma TV Universitária. O Pitching, que recebe inscrições até o dia 09 de abril, contemplará cada um dos selecionados com R$ 30 mil reais. Para baixar regulamento e ficha de inscrição, acesse: www.futura.org.br.

INCENTIVO À LEITURA
Até 23 de abril a Casa da Leitura do Programa Nacional de Incentivo à Leitura (Proler), no Rio de Janeiro, recebe propostas de cursos voltados para formação continuada (prioritariamente) de professores e bibliotecários da rede pública, e outros mediadores de leitura. As propostas de cursos encaminhadas deverão privilegiar as Políticas públicas de incentivo à leitura e à escrita: caminhos de cidadania; as Bibliotecas comunitárias e escolares: formação de mediadores de leitura; e as Leituras literárias do Brasil. Para saber mais acesse www.bn.br. Maiores informações podem ser obtidas via e-mail casadaleitura@bn.br ou telefone (21) 2557- 7437.

AFRICANIDADES E AFRODESCENDÊNCIA

De 11 a 14 de maio será realizado o II Seminário Nacional Africanidades e Afrodescendência na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), em Vitória.

Com o tema Formação de professores e histórias de vida”, o encontro visa a estimular a discussão crítica sobre as políticas educacionais. Inscrições abertas www.multieventos-es.com.br/africanidades ou no blog do Núcleo de Estudos Afro-brasileros da Ufes http://neabufes.blogspot. com/.

MÚSICA REGIONAL
Até 20 de abril, estão abertas inscrições para a seleção de músicas do Festival Regional de Jaboatão dos Guararapes. Os compositores e intérpretes interessados em participar devem enviar e-mail para secev.festivaldemusica@hotmail.com solicitando o envio do regulamento e da ficha de inscrição. O evento, promovido pela Prefeitura de Jaboatão, através da Secretaria de Cultura e Eventos, acontecerá nos dias 19, 20, 21 e 22 de maio. www.jaboatao.pe.gov.br.

IV MOSTRA TEATRAL EU SOU DAQUI
Abertas  inscrições à IV Mostra Teatral Eu Sou daqui, de Teresina, Piauí. Interessados podem enviar material até 09 de abril, serão aceitos materiais de teatro de todo país. Também poderão participar iniciativas em grupos e individuais, nas categorias teatro adulto ou infantil. O regulamento está disponível no site: http://www.luzesciacenica.blogspot.com/. Mais informações: luzesciacenica@hotmail.com e producaoeusoudaqui@hotmail.com ou (89) 9921 2568.