Arquivo da tag: e Aurora de Cinema com apoio da Prefeitura Municipal de Guaramiranga.

Cinema abre 2013 em Guaramiranga

Janeiro de GUARACINE na bucólica cidade serrana cearense

Conhecida por seus belos cenários, suas paisagens encantadoras e sua vocação especial para abrigar novas ideias, a cidade serrana de Guaramiranga, no Ceará, se prepara para receber seu primeiro festival de cinema.

No período de 9 a 12 de janeiro, filmes de várias temáticas e de diversos realizadores do país serão exibidos para a comunidade de Guaramiranga e para os muitos turistas que sempre estão pela cidade e já fazem parte de seu cotidiano.

Em foto de Chiquinho Gadelha, os encantos de Guaramiranga…

A ideia que fez brotar o GUARACINE – Festival de Cinema de Guaramiranga – objetiva contribuir para a discussão sobre meio ambiente, humanidade, respeito às diferenças, inclusão, sustentabilidade e outros conceitos e ações vitais para se pensar o presente e o futuro da humanidade.

Foto
A intenção dos criadores e organizadores do GUARACINE é abrir uma janela no espaço-tempo para um encontro de saberes diversos no qual teremos contato com diversos assuntos através de filmes – selecionados entre tantos trabalhos importantes de curta-metragem realizados no país -, realização de oficinas, palestras e debates, oportunidades para plantarmos sementes e gerarmos novos frutos.

Shows de artistas cearenses, feirinha de artesanato, gastronomia e produtos típicos, palestras, debates, oficinas e filmes de animação, documentário, e ficção integram a diversificada programação do GUARACINE, cuja tela vai exibir filmes do Amazonas, Ceará, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Goiânia, Rio Grande do Sul, e Sergipe.

O Festival GUARACINE é uma realização das produtoras Instituto Bambu, Trupe do Riso, e Aurora de Cinema com apoio da Prefeitura Municipal de Guaramiranga.

Focado no terreno do coração de cada habitante ou visitante de Guaramiranga, o GUARACINE nasce com a intenção de fertilizar o campo das ideias para fazer aflorar o melhor da sensibilidade de cada um, na tentativa de absorver o potencial humanista e criativo, tão forte na cidade, e agregá-lo a outras potencialidades que surgirão durante as atividades do festival, gerando uma capacidade de transformação capaz de deixar sementes a favor da Arte, da Cultura, e de mais carinho e atenção com as riquezas naturais de Guaramiranga.