Arquivo da tag: e bahia

KIKITOS consagram Nordeste em Gramado

BLOG AURORA DE CINEMA direto do Festival de Gramado

Maranhão, Pernambuco e Bahia foram os grandes vencedores em Gramado…

O NORDESTE mandou muito bem em Gramado e marcou muitos gols durante a 41ª Edição do mais popular festival de cinema do país. Além das belas e merecidas homenagens aos atores baianos Othon Bastos (que tem 80 anos e 75 filmes na carreira), e Wagner Moura (consagrado no Teatro, na TV e no Cinema, com vários filmes, mas sobretudo com TROPA DE ELITE), o festival homenageou também as 3 décadas do filme ‘Sargento Getúlio’, do cearense Hermano Penna, consagrando três importantes filmes produzidos e filmados no Nordeste. A programação constava de 16 curtas nacionais, seis longas estrangeiros, e oito longas brasileiros. Com a Curadoria elogiadísisma por conta da qualidade dos filmes exibidos, o festival consagrou um curta e dois longas nordestinos: Acalanto, curta de Arturo Sabóia, é do Maranhão, baseado em obra do escritor moçambicano Mia Couto, e levou 6 KIKITOS, sendo um deles o de MELHOR ATRIZ para a Diva Negra LEA GARCIA.

A estatueta mais popular e mais cobiçada do Cinema Brasileiro, o KIKITO…

Os KIKITOS para Acalanto foram MELHOR FILME para o júri popular, Melhor Filme Júri Oficial, Melhor Diretor para Arturo Sabóia, Direção de Arte para Rogério Tavares,  Trilha-sonora para Luiz Oliviéri, e, como já dissemos antes, MELHOR ATRIZ para Lea Garcia.

Tatuagem, filme de Hilton Lacerda, rodado no eixo Recife-Olinda, foi consagrado em Gramado…

Já o longa TATUAGEM, do roteirista HILTON LACERDA (que já ganhou diversos prêmios no BR e no exterior com o belo filme FEBRE DO RATO, do cineasta Claudio Assis), arrastou 4 KIKITOS e revelou novos talentos do teatro pernambucano e levou os Kikitos de Melhor trilha musical, de autoria do Dj Dolores; MELHOR LONGA para a Crítica, e Melhor Filme para o júri técnico, consagrando o monumental ator IRANDHIR SANTOS como MELHOR ATOR do Festival.

Conforme previu o blog Aurora de Cinema, Irandhir Santos sagrou-se MELHOR ATOR…

O outro longa que veio do Nordeste e ganhou 3 KIKITOS foi o belo A Coleção Invisível, com roteiro do francês-baiano Bernard Attal, do baiano Sérgio Machado, e da cearense Iziane Mascarenhas.

Este filme tem na ficha técnica um nome muito querido deste blog Aurora de Cinema: o de Elson Rosário, cineasta e competente produtor de elenco, que esteve em Gramado coordenando entrevistas, ciceroneando a equipe, e contribuindo para a boa repercussão do filme baiano.

Clarice Abujamra, Vladimir Brichta e Walmor Chagas no filme A Coleção Invisível

A Coleção Invisível, vencedor este ano do Festival Itinerante da Língua Portuguesa – FESTIN -, realizado em abril, em Lisboa, levou os troféus de Melhor Ator Coadjuvante – para o saudoso Walmor Chagas; Melhor Atriz Coadjuvante para Clarice Abujamra; e Melhor Filme para o Júri Popular, dividindo este último troféu com o filme longa-metragem de animação gaúcho, Até que a Sbórnia nos Separe, de Otto Guerra e Ênio Torresan Júnior.

IMG_9589

Arturo Sabóia, Léa Garcia e Aurora Miranda Leão…

Tela de futebol no Rio e Sampa: CineFOOT divulga Selecionados

 

Entre brasileiros e estrangeiros, 28 filmes concorrem à Taça Cinefoot

Para a Mostra Competitiva de Longa-Metragem, foram selecionados 10 filmes, sendo 6 brasileiros e 4 internacionais. Assim, cresce a presença de competidores estrangeiros no festival comandado pelo boa praça Antônio Leal.  Entre os brasileiros, estão escalados filmes do Rio, São Paulo e Bahia. No time internacional, representantes do Uruguai, Ucrânia, Dinamarca e Alemanha.

Integram a Mostra Competitiva de Curta-Metragem 18 filmes: 9 brasileiros e 9 internacionais. Esta mostra apresenta expressivo crescimento em relação a 2011, quando 11 curtas estiveram competindo. O Brasil está escalado com curtas oriundos de São Paulo, Espírito Santo, Bahia e Rio Grande do Sul. O scratch estrangeiro apresenta curtas da Alemanha, Espanha, França, Itália, Ilhas Mauricio e Estados Unidos.

O CINEFOOT- FESTIVAL DE CINEMA DE FUTEBOL será realizado no Rio de Janeiro, de 24 a 29 de maio, no Espaço Itaú de Cinema (Praia de Botafogo), enquanto de 31 de maio a 5 de junho acontecerá em São Paulo, no Museu do Futebol e no Cine Reserva Cultural.

Ainda no Rio de Janeiro, o CINEFOOT realizará uma mostra não competitiva denominada PRORROGAÇÃO, de 31 de maio a 3 de junho, com programação específica, no Centro Cultural da Justiça Federal.

ENTRADA FRANCA EM TODAS AS SESSÕES !

  

FILMES SELECIONADOS 

1- RIO DE JANEIRO – Mostra Competitiva de Longa-Metragem:

1- BAHÊA MINHA VIDA (de Marcio Cavalcante, BA, 2011)

2- COPA UNIÃO (de Diogo Dahl e Raphael Vieira, RJ, 2012)

3- FOOTBALL IS GOD (de Ole Bendtzen, Dinamarca, 2010)

4- MANYAS: LA PELICULA (de Andrés Benvenuto, Uruguai, 2011)

5- MENINOS DE KICHUTE (de Lucas Amberg, SP, 2010)

6- RAÇA RUBRO NEGRA  – PULMÃO DA ARQUIBANCADA (de Marcel Costa e Pedro von Krüger de Freitas, RJ, 2012)

7- ROCK´N BALL (de Dmitri Prikhodko, Ucrânia, 2011)

8- SANTOS, 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE (de Lina Chamie, SP, 2012)

9- SOBRE FUTEBOL E  BARREIRAS (de Arturo Hartmann, Lucas Justiniano, José Menezes, João Carlos Assumpção, SP, 2011)

10- THE OTHER CHELSEA – A STORY FROM DONETSK (de Jakob Preuss, Alemanha, 2010) 

2- RIO DE JANEIRO – Mostra Competitiva de Curta-Metragem:

1- DESATANDO NÓS (de Luciana Queiroz e Roberto Studart, BA, 2010)

2- ESPÍRITO SANTO F.C. (de Andre Ehrlich Lucas e Lucas Vetekesky, ES, 2011)

3- GAÚCHOS CANARINHOS (de Rene Goya Filho, RS, 2007)

4- HARAM (de Benoit Martin, França, 2010)

5- HOME AWAY (de Wassim Sookia, Ilhas Mauricio, 2011)

6- I DON`T BLAME THE BEAUTIFUL GAME (de Christopher Arccella, EUA, 2010)

7- LÄNDERSPIEL (de Sven e Nadine Schrader, Alemanha, 2011)

8- L´EQUIP PETIT (de Roger Gómez e Davi Resines, Espanha, 2011)

9- LIBRE DIRECTO (de Bernabé Rico, Espanha, 2011)

10- LOS CERVECEROS DE QUILMES (de Andreas Geipel, Franz Sickinger, Shooresh Fezoni, Alemanha, 2011) 

11- TEMPI SUPLEMENTARI (de Margherita Ferri, Itália, 2012)

12- TRAINERBANK (de Martin Emmerting, Alemanha, 2010)

13- VAI PRO GOL (de Felipe D´Andrea, SP, 2012)

14- ZIMBÚ (de Marcos Strassburger Souza, SP, 2011) 

3- SÃO PAULO – Mostra Competitiva de Longa-Metragem:

1- BAHÊA MINHA VIDA (de Marcio Cavalcante, BA, 2011)

2- FOOTBALL IS GOD (de Ole Bendtzen, Dinamarca, 2010)

3- ROCK´N BALL (de Dmitri Prikhodko, Ucrânia, 2011)

4- MENINOS DE KICHUTE (de Lucas Amberg, SP, 2010)

5- SANTOS, 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE (de Lina Chamie, SP, 2012)

6- SOBRE FUTEBOL E BARREIRAS (de Arturo Hartmann, Lucas Justiniano, José Menezes, João Carlos Assumpção, SP, 2011) 

4- SÃO PAULO – Mostra Competitiva de Curta-Metragem:

1- GAÚCHOS CANARINHOS (de Rene Goya Filho, RS, 2007)

2- HOME AWAY (de Wassim Sookia, Ilhas Mauricio, 2011)

3- I DON`T BLAME THE BEAUTIFUL GAME (de Christopher Arccella, EUA, 2010)

4- JUVENTUS RUMO A TÓQUIO (de Rogério Zagallo, Andrea Kurachi e Helena Tahira, SP, 2009)

5- LÄNDERSPIEL (de Sven e Nadine Schrader, Alemanha, 2011)

6- L´EQUIP PETIT (de Roger Gómez e Davi Resines, Espanha, 2011)

7- LIBRE DIRECTO (de Bernabé Rico, Espanha, 2011)

8- RIVELLINO (de Marcos Fabio Katudjian, SP, 2011)

9- SER CAMPEÃO É DETALHE: DEMOCRACIA CORINTHIANA (de Gustavo Forti Leitão e Caetano Tola Biasi, SP, 2011)

10- UM JOGO, UMA PAIXÃO (de Otávio Paranhos, SP, 2009)

11- VAI PRO GOL (de Felipe D´Andrea, SP, 2012)

12- ZIMBÚ (de Marcos Strassburger Souza, SP, 2011)

Os selecionados do CineFOOT

Brasileiros e estrangeiros somam 29 filmes disputam a Taça Cinefoot

Para a Mostra Competitiva de Longa-Metragem foram selecionados 11 filmes, sendo 6 brasileiros e 5 internacionais. Com isto, cresce a presença de competidores estrangeiros nesta Mostra. Entre os brasileiros estão escalados filmes do Rio, São Paulo e Bahia. No time internacional, aparecem representantes do Uruguai, Ucrânia, Dinamarca, Alemanha e uma co-produção Índia/Inglaterra.

Integram a Mostra Competitiva de Curta-Metragem 18 filmes: 9 brasileiros e 9 internacionais. Esta mostra apresenta um forte crescimento em relação ao ano de 2011, quando 11 curtas estiveram competindo. O Brasil está escalado com curtas-metragens oriundos de São Paulo, Espírito Santo, Bahia e Rio Grande do Sul. O scratch estrangeiro apresenta curtas da Alemanha, Espanha, França, Itália, Ilhas Maurício e Estados Unidos.

O CINEFOOT – FESTIVAL DE CINEMA DE FUTEBOL será realizado no Rio de Janeiro, de 24 a 29 de maio, no cine Arteplex/Praia de Botafogo, e de 31 de maio a 5 de junho, em Sampa, no Museu do Futebol e no cine Reserva Cultural.

Ainda no Rio, o CINEFOOT realizará uma mostra não competitiva denominada PRORROGAÇÃO, de 31 de maio a 3 de junho, com uma programação específica, no Centro Cultural da Justiça Federal. 

FILMES SELECIONADOS 

1- RIO DE JANEIRO

Mostra Competitiva de Longa-Metragem 

1- BAHIA MINHA VIDA (de Márcio Cavalcante, BA, 2011)

 2- COPA UNIÃO (de Diogo Dahl e Raphael Vieira, RJ, 2012) 

3- FOOTBALL IS GOD (de Ole Bendtzen, Dinamarca, 2010) 

4- MANYAS: LA PELICULA (de Andrés Benvenuto, Uruguai, 2011) 

5- MENINOS DE KICHUTE (de Lucas Amberg, SP, 2010) 

6- RAÇA RUBRO NEGRA  – PULMÃO DA ARQUIBANCADA (de Marcel Costa e Pedro von Krüger de Freitas, RJ, 2012) 

7- ROCK´N BALL (de Dmitri Prikhodko, Ucrânia, 2011) 

8- SANTOS, 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE (de Lina Chamie, SP, 2012) 

9- SOBRE FUTEBOL E BARREIRAS (de Arturo Hartmann, Lucas Justiniano, José Menezes, João Carlos Assumpção, SP, 2011) 

10- THE OTHER CHELSEA – A STORY FROM DONETSK (de Jakob Preuss, Alemanha, 2010) 

 2- RIO DE JANEIRO

 Mostra Competitiva de Curta-Metragem 

1- DESATANDO NÓS (de Luciana Queiroz e Roberto Studart, BA, 2010) 

2- ESPÍRITO SANTO F.C. (de Andre Ehrlich Lucas e Lucas Vetekesky, ES, 2011) 

3- GAÚCHOS CANARINHOS (de Rene Goya Filho, RS, 2007) 

4- HARAM (de Benoit Martin, França, 2010) 

5- HOME AWAY (de Wassim Sookia, Ilhas Mauricio, 2011) 

6- I DON’T BLAME THE BEAUTIFUL GAME (de Christopher Arccella, EUA, 2010) 

7- LÄNDERSPIEL (de Sven e Nadine Schrader, Alemanha, 2011) 

8- L´EQUIP PETIT (de Roger Gómez e Davi Resines, Espanha, 2011) 

9- LIBRE DIRECTO (de Bernabé Rico, Espanha, 2011) 

10- LOS CERVECEROS DE QUILMES (de Andreas Geipel, Franz Sickinger, Shooresh Fezoni, Alemanha, 2011) 

11- TEMPI SUPLEMENTARI (de Margherita Ferri, Itália, 2012) 

12- TRAINERBANK (de Martin Emmerting, Alemanha, 2010) 

13- VAI PRO GOL (de Felipe D´Andrea, SP, 2012) 

14- ZIMBÚ (de Marcos Strassburger Souza, SP, 2011) 

 3- SÃO PAULO 

Mostra Competitiva de Longa-Metragem 

1- BAHIA MINHA VIDA (de Márcio Cavalcante, BA, 2011) 

2- FOOTBALL IS GOD (de Ole Bendtzen, Dinamarca, 2010) 

3- INSHALLAH FOOTBALL (de Ashvin Kumar, India / Inglaterra, 2011) 

4- MENINOS DE KICHUTE (de Lucas Amberg, SP, 2010) 

5- SANTOS, 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE (de Lina Chamie, SP, 2012) 

6- SOBRE FUTEBOL E BARREIRAS (de Arturo Hartmann, Lucas Justiniano, José Menezes, João Carlos Assumpção, SP, 2011) 

 4- SÃO PAULO 

Mostra Competitiva de Curta-Metragem 

1- GAÚCHOS CANARINHOS (de Rene Goya Filho, RS, 2007) 

2- HOME AWAY (de Wassim Sookia, Ilhas Maurício, 2011) 

3- I DON’T BLAME THE BEAUTIFUL GAME (de Christopher Arccella, EUA, 2010) 

4- JUVENTUS RUMO A TÓQUIO (de Rogério Zagallo, Andrea Kurachi e Helena Tahira, SP, 2009) 

5- LÄNDERSPIEL (de Sven e Nadine Schrader, Alemanha, 2011) 

6- L´EQUIP PETIT (de Roger Gómez e Davi Resines, Espanha, 2011) 

7- LIBRE DIRECTO (de Bernabé Rico, Espanha, 2011) 

8- RIVELLINO (de Marcos Fabio Katudjian, SP, 2011) 

9- SER CAMPEÃO É DETALHE: DEMOCRACIA CORINTHIANA (de Gustavo Forti Leitão e Caetano Tola Biasi, SP, 2011) 

10- UM JOGO, UMA PAIXÃO (de Otávio Paranhos, SP, 2009) 

11- VAI PRO GOL (de Felipe D´Andrea, SP, 2012) 

12- ZIMBÚ (de Marcos Strassburger Souza, SP, 2011)