Arquivo da tag: festival de cinema em Canoa Quebrada

Começou o CURTA CANOA

Oitava edição do Festival mobiliza praia cearense até sábado

Com exibição de 30 produções, entre filmes e vídeos de curta-metragem, começou esta noite em Aracati a oitava edição do Curta Canoa – Festival Latino-Americano de Cinema de Canoa Quebrada.

Documentários, ficção e animação estão na Mostra Competitiva reunindo produções de 10 estados, as quais concorrem ao troféu Lua Estrela em diversas categorias. Participam da mostra curtas de SP (10), CE (06), RJ (04), PB (02), PE (02), RS (02), AM (01), DF (01), GO (01) e MG (01).

Com exibições ao ar livre no Polo de Lazer de Canoa Quebrada, a programação foi aberta no início desta noite, destacando-se uma apresentação do Circo Escola Canoa Criança, exibição da Retrospectiva Curta Canoa 2011 e, em seguida, teve início a Mostra Competitiva.

Nesta primeira noite, foram exibidos os seguintes filmes: L (Thaís Fuginaga, SP. 20’40”) e A Obscena Senhora D(Catarina Accioly, DF. 15′); e os vídeos: Anabella(Michelline Helena e Janieire Rocha, CE. 19′), Anachronique (Mario Masseti, SP. 15′), Exilados (Ana Paula Teixeira, PE. 12’20”), A Segunda Balada (Rafael Ramos, AM. 16′) e Todos os balões vão para o céu(Frederico Cabral, RS. 14’44”).

O Curta Canoa inova este ano com uma programação de debates, que começam amanhã, sempre às 10 da manhã, na Tenda Especial armada na praia. Nos debates, serão discutidos os filmes e vídeos da Mostra Competitiva exibidos na noite anterior.

MOSTRA CURTA CATÓLICA

Além da Mostra Competitiva, o festival – que tem direção de Adriano Lima e produção executiva de Virgínia (Vivi) Oriá, terá em sua programação a Mostra Curta Católica, com trabalhos produzidos por estudantes da Faculdade Católica do Ceará – Marista. A mostra será realizada na quinta, dia 13.

Na parte formativa, durante o dia em Canoa Quebrada serão realizadas oficinas ministradas por professores da Faculdade Católica do Ceará: Oficina de Empreendedorismo (prof. Rodrigo Rodrigues), Oficina de Confecção de Capas de CDs (prof. Norton Falcão) e Oficina de Câmera (prof. Fernando Maia), esta voltada para crianças e adolescentes.

HOMENAGEM 

Nesta edição, a homenagem do Curta Canoa vai para Ana Paula Santana, advogada, internacionalista, especialista em Relações Internacionais e Gestão do Entretenimento e Chefe de Cozinha. Trabalha na Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura com dedicação exclusiva desde 2002, onde ocupou os seguintes cargos: Coordenadora de Intercâmbio Internacional, Gerente de Fomento a Projetos Audiovisuais, Chefe de Gabinete, Diretora de Programas e Projetos Audiovisuais e atualmente ocupa o cargo de Secretária do Audiovisual.

MODA CANOA

Uma parceria do Curta Canoa com a Faculdade Católica do Ceará – Marista, resultou em 2011 no evento Moda Canoa. A experiência deu certo e tem nova edição. Por meio de um concurso, estudantes do curso de graduação em Design de Moda apresentam suas criações de moda praia, produzidas especialmente para a apreciação do público do Festival e análise de uma comissão julgadora, com premiação para o vencedor. O desfile no Curta Canoa acontece na sexta, penúltimo dia do Festival.

O Curta Canoa é uma realização da ISACC e J.A.Lima Produções. Patrocínio: Petrobras. Co-Patrocínio: Faculdade Católica do Ceará – Marista. Apoio institucional: Governo do Estado do Ceará, por meio da Casa Civil, eCTAV – Centro Técnico de Audiovisual.Apoio Cultural: Coelce (Endesa Brasil), Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura, CIARIO Brasil – Centro de Infraestrutura de Audiovisual. Parceria: Advocacia Egidio Barreto, Casarão Cultural Dr. Valdir Menezes, Posto Dragão do Mar, ASDECQ e Posto Peixoto.

SERVIÇO

Curta Canoa 2012 – De 11 a 15 de dezembro em Canoa Quebrada, Ceará. Info: 85-3251.1105 / 85-9635.3880 / 88-9951.7070 / Site: www.jalimaproducoes.com.br

Inscrições ao Curta Canoa…

Abertas até o próximo dia 15 as inscrições à oitava edição do Curta Canoa, que será realizado de 27 de novembro a 1ª de dezembro na praia de Canoa Quebrada, Aracati, Ceará.

Realizadores de todo o país podem inscrever filmes e vídeos de documentário, ficção, animação ou experimental, com duração máxima de 20 minutos, concluídos a partir de julho de 2010, versando sobre qualquer tema.

Para inscrever-se, o interessado deve preencher e enviar a ficha de inscrição disponível no site: http://www.jalimaproducoes.com.br . A ficha preenchida deverá ser enviada via e-mail e o original deve ser impresso, assinado e remetido, em anexo, junto com o DVD da obra pelos Correios para:

Rua João Cordeiro, 2391 – A – Altos – Bairro Joaquim Távora – Fortaleza, Ceará CEP: 60.110-301. A inscrição é gratuita.

A seleção será feita por uma comissão integrada por três pessoas, nomeadas pela diretoria do festival. As obras selecionadas serão divulgadas a partir de 10 de novembro.

As categorias a serem agraciadas com o Troféu Lua e Estrela são asseguintes:

Filmes – Melhor Filme, Direção, Roteiro, Fotografia, Trilha Original, Direção de Arte, Melhor Ator, Atriz e Som. Na Categoria Vídeo, Melhor Vídeo, Direção, Roteiro, Fotografia, Trilha Original, Direção de Arte e Som.

Além das mostras competitivas de filmes e vídeos brasileiros de curta metragem, o Curta Canoa 2012 conta ainda com a Mostra Latino-Americana de Curta Metragem, de caráter não competitivo, composta por vídeos e filmes convidados pela direção do festival. A programação terá também oficinas e seminários, além de encontros com especialistas e personalidades do segmento audiovisual.

O VIII Curta Canoa é uma realização da J.A.Lima Produções, com apoio da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará – Lei Estadual Nº 13.811, e Lei Federal de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet.

SERVIÇO

Curta Canoa 2012 – Inscrições abertas até 15 de outubro

Regulamento e ficha de inscrição: www.jalimaproducoes.com.br .

Info: 85-3251.1105 / 85-9635.3880 / 85-3226.0751. E-mail: adrianolima@jalimaproducoes.com.br e curtacanoa@jalimaproducoes.com.br

Curta Canoa começa hoje e promete cinema com lua cheia…

Festival em Canoa Quebrada exibirá vários filmes…

Seis mostras vão compor a programação do 7º Curta Canoa – Festival Latino-Americano de Cinema de Canoa Quebrada, que será aberto esta noite na praia de Canoa Quebrada, litoral leste do Ceará.

Com toda a programação gratuita, o festival terá exibições sempre a partir das 19 horas no Pólo de Lazer. Em Aracati, as projeções acontecerão no Casarão Cultural Dr. Valdir Menezes e no Auditório da Biblioteca da Prefeitura Municipal. Além de exibições, o Curta Canoa terá ainda oficinas, e outras atividades.

O Curta Canoa é uma realização da J.A.Lima Produções, com patrocínio da PETROBRAS e do BNB. Apoio Cultural: COELCE, Centro Técnico Audiovisual (CTAV), Sebrae/CE e Instituto Social de Arte e Cultura do Ceará (ISACC). Apoio do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria de Cultura (Secult) / Lei Estadual Nº 13.811, e do Governo Federal, via Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet). Parceria: Associação dos Empreendedores de Canoa Quebrada (ASDECQ).

MOSTRA COMPETITIVA

Na Mostra Competitiva 19 filmes e 57 vídeos disputam o troféu Lua Estrela em diversas categorias, somando 76 produções. Na Mostra Competitiva de Filmes em Película 35mm, será premiado o melhor nas categorias: Filme, Direção, Roteiro, Fotografia, Trilha Original, Direção de Arte, Ator, Atriz e Melhor Som. Na Mostra Competitiva de Vídeo, o troféu Lua Estrela será concedido ao melhor nas categorias: Vídeo, Direção, Roteiro, Fotografia, Trilha Original, Direção de Arte e Melhor Som.

Foram selecionados trabalhos das cinco regiões brasileiras. Norte: AM (01 vídeo); Nordeste: BA (01 vídeo), CE (01 filme e 08 vídeos), MA (01 vídeo), PB (04 vídeos) e PE (05 vídeos); Centro-Oeste: DF (01 filme e 03 vídeos) e GO (01 vídeo); Sudeste: ES (02 filmes), MG (04 filmes e 01 vídeo), RJ (04 filmes e 12 vídeos) e SP (07 filmes e 15 vídeos); Sul: PR (01 vídeo) RS (03 vídeos), e SC (01 vídeo).

OUTRAS MOSTRAS

O 7º Curta Canoa terá ainda a Mostra Latino-Americana de Curta, que é de caráter não competitivo, composta de onze curtas da Argentina, Paraguai, Bolívia e Venezuela; Mostra do Minuto, realizada em parceria com a Faculdade Católica do Ceará, com produções de alunos, tendo como temática “Praias, usos e abusos”; Mostra Infantil, organizada por Mallú Moraes e Adriano Lima; e as mostras locais Canoa Faz Cinema, realizada pelo Instituto Cultural de Juventude e Capacitação (ICJC) e Associação de Esportes Radicais do Aracati (AERA), através do Departamento de Cultura e Audiovisual, e Majorlândia Faz Cinema, também realizada pela AERA. Ambas são compostas de dez curtas produzidos, respectivamente, por jovens de Canoa Quebrada e Majorlândia, sob a coordenação do cineasta Rodrigo Tasso.

OFICINAS

Na parte formativa, serão realizadas oficinas em Canoa Quebrada e Aracati, parte destas ministradas por professores da Faculdade Católica do Ceará: Oficina de Fotografia, com Chico Gomes, fotógrafo do Núcleo de Prdução Audiovisual (NUPA), da Católica; Pensamento Criativo, com o professor Cláudio Sena; Câmera, com o professor Fernando Maia; e Som de Animação, ministrada por Alexandre Jardim, do Centro Técnico Audiovisual (CTAV), em parceria com Joaquim Eufrazino (Babá). As oficinas têm como foco, em especial, a defesa ao meio ambiente.

PROGRAMAÇÃO EM ARACATI

Diariamente, haverá também programação na cidade de Aracati. O Casarão Cultural Dr. Valdir Menezes vai sediar a Mostra Infantil, de 6 a 9 (terça a sexta-feira) pela manhã, a partir das 8h30. Também no Casarão, serão realizadas as oficinas Som de Animação e Pensamento Criativo.

 No Auditório da Biblioteca da Prefeitura Municipal, o público de Aracati poderá conferir os curtas da Mostra Competitiva a partir de amanhã, às 19 horas. A cada dia, serão exibidos os curtas da noite anterior, vistos em Canoa Quebrada.

MOSTRA COMPETITIVA de FILMES

CE: Doce de Coco (CE. Dir: Alan Deberton);

DF: Ratão (DF. Dir: Santiago Dellape);

ES: 2 e Meio (ES. Dir: Alexandre Serafini) e Ilhas Cayman (ES. Dir: Gabriel Perrone);

Lápis de Cor é um dos fortes concorrentes…

MG: Marambé (MG. Dir: Fernanda Salgado), O Céu No Andar de Baixo (MG. Dir: Leonardo Cata Preta), Sobre O Resto dos Dias (MG. Dir: Alexandre Baxter e Luis Felipe Fernandes) e Taba (MG. Dir: Marcos Pimentel);

RJ: A Casa das Horas (RJ. Dir: Heraldo Cavalcanti), Entre Muros (RJ. Dir: Adriana Tenório), Lápis de Cor (RJ. Dir: Alice Gomes), Uma Noite (RJ. Dir: Daniela Santos);

SP: Boa Noite (SP. Dir: Bel Bechara e Sandro Serra), Cores e Botas (SP. Dir: Juliana Vicente), Fábula das Três Avós (SP. Dir: Daniel Turini), Naiá e a Lua (SP. Dir: Leandro Tadashi), O Último Dia (SP. Dir: Elder Fraga), Pimenta (SP. Dir: Eduardo Mattos) e Pinball (SP. Dir: Ruy Veridiano).

MOSTRA COMPETITIVA de VÍDEOS

AM: Tribos Urbanas (AM. Dir: Dj Mellody);

BA: O Samba: Na Ilha, da Ilha (BA. Dir: Naíra Soares e Quercia Oliveira);

Carlos Normando é o diretor do super popular Babauparatodos, com personagem-ícone do Ceará…

CE: A Bola (CE. Dir: Diego Akel), Água Pra Que Te Quero! (CE. Dir: Nívia Uchôa), BABAUPARATODOS (CE. Dir: Carlos Normando), Comunicando (CE. Dir: Telmo Carvalho), Interurbanos (CE. Dir: Amanda Katiele), 8 Estações (CE. Dir: Célia Gurgel, Cássio Araújo e Karine Egypto), Sucata de Plástico (CE. Dir: Yargo Sousa Gurjão) e Ponto de Parada (CE. Dir: Tiago Pedro de Araújo Pereira);

MA: O Samba dos Bambas (MA. Dir:  Nayra Albuquerque);

Dcumentário do paraibano Leandro Alves também está na programação…

PB: Hoje Tem Espetáculo? (PB. Dir: Leandro Alves), Irmãs (PB. Dir: Gian Orsini), Metafísica (PB. Dir: Eduardo Gomes) e Raízes do Sertão (PB. Dir: Deleon Souto);

PE: A Arte do Barro (PE. Dir: Roberto Belo), Curica (PE. Dir: Hanna Godoy e Márcia Mansur), O Mar de Lia (PE. Dir: Hanna Godoy), Rosário do Sertão (PE. Dir: Hanna Godoy e Márcia Mansur) e Uma Noite Em 68 (PE. Dir: Ionaldo Araújo);

DF: Enfim Sós! (DF. Dir: Rafael de Andrade), I-Juca Pirama (DF. Dir: Elvis Kleber e ítalo Cajueiro) e Imperfeito (DF. Dir: Gui Campos);

GO: Julie, Agosto, Setembro (GO. Dir: Jarleo Barbosa);

MG: (MG. Dir: Elder Barbosa);

RJ: A Dama do Peixoto (RJ. Dir: Douglas Soares e Allan Ribeiro), Afetos (RJ. Dir: Renata Than), A Melhor Idade (RJ. Dir: Angelo Defanti), A Revolução de Trinta (RJ. Dir: Julio Bezerra e Jaiê Saavedra), Laura (RJ. Dir: Thiago Valente), Liberdade em Neves (RJ. Dir: Rodolfo Florentino Vaz), Obsoleto (RJ. Dir: Victor Mendonça dos Santos, Heitor Mendonça dos Santos e Leandro de Souza Henriques), O Diário da Terra (RJ. Dir: Diogo Viegas), O Vermelho de Selarón (RJ. Dir: Rafael Bacelar e Rodolfo Gomes), Revendo o Passado (RJ. Dir: Breno Montenegro), Sofro, Logo Existo (RJ. Dir: Vinicius Melich) e Tentáculos (RJ. Dir: Vinicius Lewer, Beth Soares e Álvaro Victorio);

SP: A Escola de Bambu (SP. Dir: Vinicius Zanotti), Amor de Thanatos (SP. Dir: Helena Guerra), A Passagem (SP. Dir: Marc Dourdin), Aperreio (SP. Dir: Doty Luz e Humberto Capucci), A Saga de Maria Antônia (SP. Dir: Alexandre Estevanato), Com A Mosca Azul (SP. Dir: Cesar Netto), Distantes (SP. Dir: Bruno Peres), D.O.R. (SP. Dir: Leandro Goddinho), É Muita Areia Pro Meu Caminhãozinho (SP. Dir: Ana Paula Guimarães e Eduvier Fuentes Fernandes), Gogó da Ema Futebol Clube (SP. Dir: Caio Vecchio), O Trabalho Final (SP. Dir: Felipe Mendonça), Ponto G – Amor à Flor da Pele (SP. Dir: Marcelo Vogelaar), Rái Sossaith (SP. Dir: Thomate), Tempestade (SP. Dir: Cesar Cabral) e MPB – A História que o Brasil Não Conhece (SP. Dir: André Moraes);

PR: Naquela Noite Ele Sonhou Com Um Mar Azul (PR. Dir: Aristeu Araújo);

Premiado DOC de Felipe Matzembacher, ROCCO está na programação do Curta CANOA…

RS: Dormentes do Tempo (RS. Dir: Boca Migotto), Rocco (RS. Dir: Filipe Matzembacher) e Trocam-se Bolinhos Por Histórias de Vida (RS. Dir: Denise Marchi);

SC: Mais ou Menos (SC. Dir: Alexander Antunes Siqueira). 

MOSTRA LATINO-AMERICANA DE CURTA 

Arbol (Ficção. Argentina. 2010. Dir: Lucas Adrian Schiaroli)

Calle Última (Ficção. Paraguai. 2010. Dir: Marcelo Martinessi)

Karai Norte (Ficção. Paraguai. 2009. Dir: Marcelo Martinessi)

KinOpoÉticaS – Katari Kamina (Documentário. Bolívia/Brasil. 2011. Dir: Pedro Dantas)

Muraña (Ficção. Argentina. 2010. Dir: Sebastian Palacio)

Regreso (Ficção. Peru. 2011. Jano Burmester)

El Silencio de los sapos (Ficção. Venezuela. 2007. Dir: Claudia Pinto Emperator)

Katuche (Venezuela. 2008. Dir Andrea Rios)

Libre (Ficção. Venezuela. 2007. Dir: Gustavo Rondón Córdova)

Titire-we (Venezuela. 2007. Dir: Baiz Juliac Viveca Rose)

Tres hijos y um vestido (Venezuela. 2007. Dir: Ada Hernández Domínguez)

 MOSTRA CANOA FAZ CINEMA

Gazeando Aula – A Última Chance de Júnior (Direção: Lisa de Felice e Italo Alisson), O Meu Ídolo (Rot e Dir: Iara Bartolocci e Gilson M. da Silva), Viagem ao Além (Rot e Dir: Marianna Ariu), Meninos de Rua (Dir: Iara Bartolocci. Rot: Iara Bartolocci, Gilson M. da Silva, Luciana Pinto da Silva e Jéssica dos Santos da Silva), Infância Feliz (Dir: Mirian Pereira. Rot: Mirian Pereira e Mauro Ocean’s), Jura de Canoa (Rot e Dir: Alunos da 1ª Oficina de Documentário Audiovisual Comunitário realizada pelo projeto Canoa Faz Cinema), Minha Nova Vida (Rot e Dir: Kaka Carneiro), Duvidu (Rot e Dir: Gilvan Pereira e Mauro Ocean´s), O Menino Catavento (Rot e Dir: Mauro Ocean´s) e Qual é a Saída (Rot e Dir: Aurivânia Duarte).

MOSTRA MAJORLÂNDIA FAZ CINEMA

Minha Mãe Viu… (Roteiro e Direção: Ariel Santos), O Vencedor (Rot. e Dir: Geovana Roberta), O Grande Sonho (Rot. e Dir: Rabele Andrade), A Vitória (Rot: Ariel Santos. Dir: Edjackson Andrade), A Disputa (Rot: Ariel Santos. Dir: Delmira Lucas), Em Busca de Uma Vida Melhor (Rot: Fenícia Ferreira. Dir: Ariel Santos), A Menina Boazinha (Rot. e Dir: Maria Liciana), A Nossa Areia (Rot. e Dir: Djalma Fonseca, Paulo Roberto e Yago Valente), Mãos que Contam Nossas Histórias (Rot. e Dir: Projeto Majorlândia Faz Cinema) e O Menino Órfão (Rot. e Dir: Joice Oliveira).