Arquivo da tag: Festival de Cinema Um Novo Olhar

O Trem de Paranapiacaba

 
 
Instalações da nova plataforma de desembarque do trem turístico de Paranapiacaba; inauguração atrasa
Instalações da nova plataforma de desembarque do trem turístico de Paranapiacaba

Programado para entrar em operação no último dia 4 de julho, o expresso turístico de Paranapiacaba até hoje não entrou nos trilhos.

A história se arrasta desde 2008, quando foi feito o primeiro anúncio de que o trem turístico faria a ligação entre a estação da Luz e a vila ferroviária. Há um jogo de empurra entre a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, o Estado e a Prefeitura de Santo André –Paranapiacaba é distrito do município.

A CPTM diz que o expresso não começou a rodar porque as obras da plataforma provisória de embarque e desembarque na vila não foram concluídas pela prefeitura.

A Folha esteve ontem em Paranapiacaba e constatou que a plataforma de fato está incompleta. Faltam cobertura, piso tátil para evitar quedas e escorregões, gradil de segurança para evitar quedas e obras de paisagismo.

A Prefeitura de Santo André afirmou que a obra de construção da estação “está de acordo com o cronograma de trabalhos”. Disse ainda que houve “incompatibilidade de agendas entre a prefeitura e o governo do Estado”.

Questionada por que o passeio não foi inaugurado sem a presença do governador Alberto Goldman (PSDB), a assessoria disse que o Estado é parceiro no projeto e tem de estar presente à inauguração. Já a assessoria de Goldman diz que o atraso se deve mesmo à não conclusão da plataforma. A nova previsão de entrega, diz o Estado, é até o fim do mês.

* Texto de JAMES CIMINO, da Folha

N.R.: Esta  redatora e a turma que integra o Coletivo Fade to Black temos ótimas lembranças de Paranapiacaba e muitas saudades da adorável Vila… qualquer hora dessas, nós voltamos lá…

 Realizadores chegam à Vila de Paranapiacaba para festival de Cinema, em maio de 2010, vendo-em em primeiro plano Fábio Hassegawa, o queridão do Pará, que trabalha agora em seu novo curta Rosa Ana
 
 
Realizadores do Coletivo Fade to Black num dos inesquecíveis momentos na adorável Paranapiacaba, nosso “abrigo” durante o I Festival de Cinema Um Novo Olhar, realizado em Ribeirão Pires.

Lembrando Paranapiacaba…

 
Saudades da bucólica Paranapiacaba… a foto é do Cacinho, nosso amigo da animação, que fincou âncora em Juiz de Fora…
 
Depois tem mais…

Tela Livre em Ribeirão Pires

Além da festa de Nossa Senhora do Pilar, o Festival do Chocolate é outro evento que atrai muitos turistas a estância mineral de Ribeirão Pires, em São Paulo.

 O Festival do Chocolate de Ribeirão Pires acontece sempre no mês de Julho, levando ao município mais de 350 mil pessoas durante sua realização.

Agora, com a realização do I Festival de Cinema de Ribeirão Pires, os organizadores pretendem criar mais um espaço de grande adesão popular, capaz de tornar o cinema brasileiro conhecido numa região onde são escassas as projeções. Idealiado por Emerson Muzzeli, o Festival de Cinema de Ribeirão Pires – Um Novo Olhar, compõe-se de uma ampla programação, aberta com a presença do ator Carlos Vereza, que inaugurou, emocionado, uma sala de cinema que leva o seu nome, que fica no Teatro Euclides Menato:

“Estou muito feliz. É muito raro uma pessoa ser homenageada em vida”, declarou Vereza.

Paralelamente, a sala de exibição abrigará o programa Escola Vai ao Cinema, em que alunos de 7 a 14 anos do município terão acesso ao cinema. “A proposta é transversalizar os assuntos. Trazer as discussões das telas para a sala de aula”, contou Rosi Ribeiro de Marco, secretária de Educação e Cultura da cidade.

“É o início de um projeto ambicioso de formação de público. A população terá a oportunidade de ir mais ao cinema e, quem sabe, não é o começo para investirmos mais na produção de filmes, como é a ideia da mostra de curtas”, diz o prefeito Clóvis Volpi.