Arquivo da tag: FESTIVAL SANTISTA DE CURTAS-METRAGENS

Inscrições ao décimo Curta Santos

O Curta Santos – Santos Festival de Cinema recebe inscrições de filmes para suas mostras competitivas até 15 de junho. Como de costume, o festival vai acontecer em setembro, na cidade do litoral paulista, e  além das mostras competitivas de temática livre, haverá outras duas dedicadas ao centenário do Santos Futebol Clube.

 

Qualquer produção audiovisual brasileira pode participar numa das cinco categorias de abrangência nacional: Olhar Brasilis (curtas-metragens de tema livre), Videoclipe Brasilis (videoclipes musicais), Novos Olhares (curtas-metragens captados por meio digital, como câmeras amadoras, celulares e tablets), Mostra Curta Santos FC (curtas-metragens em homenagem ao Santos FC) e Mostra Minuto (curtas de até 1 minuto para que o torcedor santista possa expressar sua paixão pelo clube). 

As inscrições são feitas pelo  www.curtasantos.com.br

Outras três categorias competitivas também estarão em julgamento, mas estas dedicadas à produção da Baixada Santista: Olhar Caiçara, Videoclipe Caiçara e Curta Escola.

Uma das grandes novidades desta edição é que agora o festivale passa a chamar Festival de Cinema de Santos. Isso em razão das mostras especiais de longas-metragens, as quais deverão levar a Santos produções inéditas de diretores e produtores consagrados nacionalmente.  

“O Curta Santos cresceu e partir de agora temos que atender às necessidades do audiovisual brasileiro, sem, é claro, deixar de lado a nossa tradição”, ressalta o diretor-geral do evento, Ricardo Vasconcellos. “Sempre teremos as nossas mostras competitivas de curtas-metragens. É a nossa marca registrada. Realizadores de todo o Brasil esperam o período de inscrições para participar do evento” 

Ricardo Vasconcellos dirige o Festival de Cinema de Santos

O 10º Curta Santos – Festival de Cinema de Santos será realizado em setembro durante 5 dias de programação totalmente gratuita. Além de romper paradigmas, rever conceitos e estimular novos caminhos para o audiovisual – premissas adotadas desde a primeira edição –, o Festival objetiva oferecer ao público sessões de curtas, médias e longas-metragens com produções de qualidade, que estão fora do circuito comercial. Mesas redondas, oficinas e debates com profissionais da área sustentam a proposta.  

O idealizador, querido e saudoso Toninho Dantas, grande agitador cultural…

Em nove anos de trajetória, o Festival já contou com a participação de grandes nomes do cinema nacional, como José Wilker, Matheus Nachtergaele, Paulo César Pereio, Paulo José, Ney Latorraca, Ana Lúcia Torre, Dira Paes, Christiane Torloni, Nuno Leal Maia, Betty Faria, Leona Cavali, Sérgio Mamberti, Bete Mendes e Eva Wilma, além de cineastas como Carlos Manga, Carla Camuratti, Zita Carvalhosa, Eliane Caffé, Ewaldo Mocarzel, Jose Mojica Marins, Beto Brant, Lírio Ferreira, Carlos Reichenbach, Allan Fresnot, Tata Amaral, Allan Sieber e Toni Venturi, entre outros. 

Ney Latorraca, Aurora de Cinema e Luiz Carlos Lacerda na edição 2009

A direção geral do 10º Curta Santos é de Ricardo Vasconcellos, com direção de produção de Júnior Brassallotti. Os dois estiveram ao lado do diretor Toninho Dantas (1948-2010) desde as primeiras edições do evento, contribuindo decisivamente para seu reconhecimento em âmbito regional e nacional. A direção de mostras é assinada por Tássia Albino.

Curta Santos prepara programação e recebe inscrições

O Curta Santos – Festival de Cinema de Santos completa uma década de existência dedicada às produções audiovisuais brasileiras, em especial àquelas produzidas no litoral de São Paulo. Este ano, o tema do evento, um dos mais importantes do país, é Futebol Arte: Centenário do Santos Futebol Clube. As inscrições para as oito mostras competitivas podem ser feitas pelo www.curtasantos.com.br.

Algumas novidades marcam a próxima edição: duas estão relacionadas diretamente ao nome. O Festival Santista de Curtas-Metragens passa a se chamar Festival de Cinema de Santos. Isto em razão das mostras especiais de longas-metragens que devem trazer à região produções inéditas de diretores e produtores consagrados nacionalmente. A terceira é para agradar aos realizadores de curtas: as tradicionais quatro mostras competitivas tornaram-se, ao todo, oito.

As mostras de filmes voltadas à competição dobraram este ano. De quatro, agora serão 8: Olhar Caiçara, Videoclipe Caiçara, Novos Olhares, Mostra Curta Santos F.C. e Mostra Minuto são as nacionais. As mostras direcionadas aos realizadores do Litoral de São Paulo são a Olhar Caiçara, Videoclipe Caiçara e Curta Escola.

A Mostra Olhar Brasilis e Mostra Videoclipe Brasilis são nacionais e de livre temática. A Mostra Curta Santos F.C. e Mostra Minuto, são, por sua vez, comemorativas e voltadas ao Santos Futebol Clube: a primeira para produções com duração de até 10 minutos e a segunda é para o torcedor fanático que quer expressar a paixão pelo time em até 60 segundos (um minuto).

Já a Mostra Novos Olhares, ainda nacional, aceita somente produções realizadas por meio de captação digital (câmeras amadoras, celulares, tablets e semelhantes – em alta ou baixa resolução), com duração máxima de 5 minutos.

As regionais são a Mostra Olhar Caiçara e Mostra Videoclipe Caiçara. Elas são voltadas a realizadores de todo o litoral de São Paulo. E com o intuito de encontrar novos e promissores talentos no audiovisual, chega a nova Mostra Curta Escola, destinada a produções de até 10 minutos, realizadas por alunos do Ensino Fundamental de Escolas da região. Para todos, nesta categoria, a temática é livre.

O 10º Curta Santos – Festival de Cinema de Santos será realizado no mês de setembro e contará com cinco dias de programação totalmente gratuita.

TONINHO DANTAS deixa tristeza e muita SAUDADE…

CHOCADA, TRISTE, DESNORTEADA.

É como estou agora ao saber, pelo querido amigo JUNINHO BRASSALOTTI, da passagem de meu querido e inesquecivel amigo TONINHO DANTAS, o agitador cultural número UM de SANTOS e quiçá do Brasil !

QUE SOEM TROMBETAS NO CÉU para receber TONINHO…

No momento, só consigo falar de tristeza, lágrimas e esparramar um vazio muito grande…

Segue a notícia publicada no jornal O GLOBO…

Tentarei depois, diminuído o choque, escrever algumas linhas sobre o muito que foi IMPORTANTE e o TANTO QUE FOI BOM CONVIVER COM TONINHO, esta Personalide Artística Querida, Admirada, Festejada por todos quanto desfrutavam de sua amizade.

 VAI COM DEUS, TONINHO !!!

Morreu na noite desta sexta-feira, aos 62 anos, em sua casa, no bairro Aparecida, em Santos, Litoral de São Paulo, o dramaturgo e diretor teatral Toninho Dantas, considerado um dos mais expressivos nomes da cultura na região e no País.

O corpo de Toninho foi encontrado nesta noite e seguirá para a Memorial Necrópole Ecumênica, onde deverá ser velado neste sábado. As causas da morte ainda são investigadas.

Nascido em Vicente de Carvalho, Toninho Dantas cursou a Escola de Arte Dramática na USP, trabalhou nas TVs Gazeta e Record; participou de vários espetáculos teatrais e integrou o Centro de Pesquisa Teatral de Antunes Filho.

Fez cinema na famosa Boca do Lixo paulistana; trabalhou com atores e diretores como Adhemar Guerra, Cacá Rosset, Augusto Cesar Vannucci, Silney Siqueira, Ester Góes e Ulysses Cruz, e viajou por 14 estados do País fazendo campanha pela anistia e realizando espetáculos em presídios em São Paulo (Carandiru), Recife (Ilha de Itamaracá) e Salvador, quando acabou sendo preso em Porto Alegre, juntamente com outros atores da Cia. de Ruth Escobar.

Em Santos, produziu duas edições do Festival de Música Popular Brasileira (Festhamar), foi coordenador durante cinco edições do Festival Santista de Teatro Amador (Festa) e, mais recentemente, dirigiu os sete primeiros festivais do Curta Santos, que reúne filmes curta-metragens produzidos em todo o Brasil