Arquivo da tag: futebol

CINEFOOT prorrogou inscrições

Esta é a última oportunidade para quem quiser inscrever filme no 4° CINEfoot-Festival de Cinema de Futebol. O prazo está prorrogado até 11 de março.

São aceitos curtas e longas-metragens tendo como abordagem principal o tema FUTEBOL. As obras podem ter sido produzidas em qualquer suporte ou gênero e não há restrições quanto ao ano de realização. A quarta edição do CINEfoot acontecerá de 23 a 28 de maio, no Rio, e de 6 a 11 de junho, em São Paulo.
O CINEfoot é o primeiro e único festival de cinema do Brasil e da América Latina dedicado à promoção e exibição de filmes de futebol. Sua programação inclui mostras competitivas internacionais, mostras especiais, debates, oficinas, concursos de vídeos, homenagens, dentre outras atividades.

Idealizado e coordenado por Antônio Leal, o CINEfoot é chancelado pelo Ministério do Esporte para integrar a Programação Oficial do Governo Federal para a promoção do Brasil durante a Copa do Mundo 2014. Esta indicação resultou de uma Chamada Pública para Seleção de Projetos, que recebeu mais de 200 inscrições de várias partes do Brasil. A Chancela do Ministério do Esporte destaca o CINEfoot como projeto prioritário no conjunto de ações culturais previstas para a Copa do Mundo 2014.

Saiba mais:  www.cinefoot.org

MESSI: exemplo de competência e humildade …

O atacante argentino Lionel Messi, do Barcelona, disse que não joga para ser o melhor do mundo e que o técnico Josep Guardiola é mais importante para o time do que ele próprio.

O camisa 10 está a cinco gols de se tornar o maior artilheiro da história do clube catalão. O posto é ocupado pelo ex-atacante César Rodríguez, que fez 235 tentos pela equipe entre as décadas de 1930 e 1950.

  Miguel Riopa/France Presse  
Messi comemora gol pelo Campeonato Espanhol
MESSI comemora gol pelo Campeonato Espanhol

“Não jogo para ser o melhor da história. Jogo para as coisas saírem bem. Primeiro, eu atuo para a equipe, depois para a torcida e, por último, para mim”, falou ao site oficial do Barça.

“Guardiola é mais importante para o Barcelona. Seria muito difícil encontrar outro treinador que consiga ganhar e fazer a equipe jogar como vem atuando”, elogiou.

O argentino também falou que será difícil conquistar o Campeonato Espanhol. A diferença do time, segundo colocado da competição, para o líder e rival Real Madrid é de 10 pontos. (70 a 60). Faltam 11 rodadas para o fim do Nacional.

Porém, mesmo assim, ele acredita que a equipe deva continuar com a mentalidade vencedora. “Temos que tentar ganhar todas as partidas que nos faltam. Ainda faltam coisas importantes para jogar e, para o nosso bem, devemos continuar com esta mentalidade”, opinou.

MESSI confraterniza com os companheiros do campeoníssimo Barcelona

MESSI reclamou da arbitragem do Espanhol. Segundo o atleta, “os árbitros têm prejudicado o Barcelona” e completou: “Ganhamos vários títulos com merecimento. Somos reconhecidos como o melhor time do mundo e, para alguns, o melhor da história”.

Além de estar perto de se tornar o maior goleador do Barça, MESSI, que fez sete gols nos últimos dois jogos, foi o primeiro jogador a fazer cinco gols em única partida da Copa dos Campeões, desde que o torneio adquiriu o formato atual, em 1993.

O craque argentino também igualou a marca histórica de Di Stéfanno (49 gols no torneio continental) e se torna o quarto maior artilheiro da competição europeia, atrás de Raúl (71), Van Nistelrooy (56) e Henry (50).

Argentino antena da raça, MESSI reafirma sua excelência a cada jogo

 

Lionel Messi deu sequência à sua ótima fase neste domingo ao marcar os dois gols da vitória do Barcelona sobre o Racing Santander, por 2 a 0, fora de casa, pela 27.ª rodada do Campeonato Espanhol. O argentino chegou à incrível marca de 50 gols em 43 jogos na atual temporada com a camisa da equipe catalã. 

 
 
 

Messi comemora seu primeiro gol sobre o Racing. Ele fez os dois do Barça no triunfo de 2 a 0 – Foto: Getty Images
 

Os números de MESSI são cada vez mais impressionantes. Com os dois gols marcados em Santander, ele chegou a 230 pelo Barcelona e ficou a cinco de se tornar o maior artilheiro da história do clube. Nos últimos três jogos que fez, balançou as redes 10 vezes (são 15 gols nas últimas cinco atuações). Também chegou a um mês completo marcando em todas as partidas. 

O primeiro gol foi aos 29 minutos, Fabregas recebeu na área pela direita e bateu cruzado. Messi se jogou de carrinho, desviou no meio do caminho, e abriu o placar. Já na etapa final, aos 10, Fabregas foi derrubado na área por Cisma. O argentino foi para a cobrança do pênalti e converteu.

O mundo se curva aos pés da genialidade de MESSI: argentino vai fazendo sua trajetória de brilhantismo como o Melhor do Mundo ficar cada vez mais gloriosa… Benza Deus !

A vitória fez o Barcelona voltar a deixar em 10 pontos a distância que o separa do Real Madrid, o líder do Campeonato Espanhol – os madrilenhos têm 70, os catalães 60. O terceiro, com 44, é o Valencia, que apenas empatou em 2 a 2 com o Mallorca, em casa, neste domingo.

Tino Costa e Aduriz colocaram o Valencia na frente no primeiro tempo, quando o time da casa teve diversas oportunidades de marcar. Na segunda etapa, porém, o Mallorca conseguiu se recuperar e chegou ao empate com gols de Nsue e Victor.

MESSI vira tatuagem no corpo do irmão …

Irmão de Messi faz tatuagem em homenagem ao camisa 10 do Barça

Avô do “Pulga”, Antonio Messi, diz à imprensa argentina ter um neto ‘mais jovem’ que atua como Lionel

Lionel MESSI pode ser adorado e idolatrado pela torcida do Barcelona. Mas não mais do que um dos seus irmãos. Em entrevista ao portal argentino “Perfil.com”, Matías Messi revelou que sua admiração pelo camisa 10 vai além das palavras: ele tatuou uma foto do “Pulga” no braço esquerdo.

Ele é de outro planeta. Sempre digo isso a ele: “você é de outro planeta, Leo”. Eu sou o fã número 1 dele – disse Matías, que ficou empolgado com o show de Messi diante do Bayer Leverkusen na última quarta-feira (assista no vídeo mais abaixo).

Matías Messi, irmão de Lionel tatua rosto do camisa 10 do Barça (Foto: Reprodução Perfil.com)Matías Messi, irmão do genial craque argentino, tatua rosto do camisa 10 do Barça (Foto: Reprodução Perfil.com)

Por outro lado, o avô de Lionel, Antonio Messi, disse que o atacante tem um primo que joga igual a ele. 

 – Tenho um (neto) mais jovem, que tem 13 (anos), e se vocês vissem como ele joga… Atua como o Lionel! – disse Antonio à rádio argentina Mitre.

O primo do jogador do Barcelona se chama Bruno Biancucchi (irmão de Maxi, ex-jogador do Flamengo e atualmente no Olimpia-PAR), é destro e atua nas divisões de base do clube Renato Cesarini, conhecido no futebol argentino como formador de jogadores.

Sobre Bruno, o avô disse não pensar que seja hora dele ir para a Europa, seguindo os passos de seu primo mais famoso.

– Ele tem medo que lhe aconteça o mesmo que aconteceu com Lionel, que o levem tão pequeno para a Europa. Ele hoje está muito apegado à sua mãe – contou.

Por GLOBOESPORTE.COM Buenos Aires
 

Herrera, D’Alessandro, Montillo, Barcos… argentinos brilham nos campos brasileiros

Seguindo a natural vocação argentina para o bom futebol, jogadores hermanos fazem seus times brasileiros conquistarem adeptos e arrancarem elogios da imprensa.

O domingo foi do craque HERRERA, levando o BOTAFOGO à Vitória ! 

Foto: Gazeta Press
 
Com dois gols de Herrera e um de Antonio Carlos, o BOTAFOGO venceu por 3 a 1 o Volta Redonda, hoje, e manteve os 100% de aproveitamento na Taça Rio. Os alvinegros desperdiçaram muitas oportunidades, principalmente na etapa inicial, mas saíram de campo em São Januário com os três pontos.

O resultado deixou a equipe na liderança do grupo A no segundo turno do Campeonato Carioca. Já a equipe da Cidade do Aço segue com três pontos, mas fora da zona de classificação do grupo B. 

 
 

Os botafoguenses foram superiores durante quase toda a partida e abriram o placar com Herrera na primeira chance de gol. No entanto, o Volta Redonda conseguiu ir para o intervalo com a igualdade após gol contra de Márcio Azevedo.  Na etapa final, os alvinegros sofreram, mas chegaram à vitória com gols de Herrera e Antônio Carlos.

Na próxima rodada, o vai até Moça Bonita para encarar o Bangu, no sábado.

Mais um show nos gramados: MESSI prova porque é o Melhor do mundo

 

Melhor jogador do mundo promove vitória Argentina sobre a Suécia

Como diz o poeta Carpinejar: “Qualquer lance dele cheira a milagre. Ele não corre, aparece; ele não chuta, coloca; ele fundiu balé com futebol de salão”… Saravá, MESSI !!!

 
O Lionel Messi que todos os argentinos sonhavam apareceu. Melhor do mundo nos últimos três anos, o excepcional jogador teve hoje mais uma atuação exemplar: marcou 3 gols fantásticos com sua camisa 10, sendo dois deles belíssimos – o outro foi de pênalti -, a Argentina derrotou a Suíça, por 3 a 1, no Estádio Wankdorf, em Berna, e estreou em 2012 com o pé-esquerdo de seu grande nome.

O meia-atacante Xherdan Shaqiri, uma das promessas do Basel, sensação das oitavas de final da Liga dos Campeões, e da seleção que irá disputar as próximas Olimpíadas de Londres, descontou para os donos da casa. Aos 20 anos, o jogador já foi negociado com o Bayern de Munique, para onde irá na abertura do próximo mercado de transferências.

Assim, MESSI contraria sua própria média de gols na seleção. Foi a primeira vez em toda a sua carreira, desde 2006, que atingiu o hat-trick (três gols em um só jogo) defendendo sua pátria. Agora são 24 em 73 confrontos (0,32), contra 223 tentos em 310 jogos pelo Barcelona (0,71). O craque está a 12 gols de se igualar a César como o maior artilheiro do clube catalão, fato que deve ocorrer ainda nesta temporada, antes de completar 25 anos.

A Argentina voltará a campo no próximo dia 2, contra o Equador, pelas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014. Uma semana depois, o adversário será o Brasil de Mano Menezes, em amistoso disputado em Nova Jersey. Fora da Eurocopa, a Suíça também jogará amistosos, no fim de maio, contra Alemanha e Romênia.

messi argentina x suíça (Foto: EFE)

Sensacional: Lionel Messi em atuação brilhante faz 3 pela Argentina…

O técnico Alejandro Sabella já havia avisado na véspera: os argentinos são muito passionais. Este seria o grande motivo para o que considerava exagero nas críticas a Lionel Messi. Com a bola e a camisa da seleção, o melhor do mundo respondeu. Se não tinha Xavi e Iniesta no mesmo time, contava com Agüero para dar um toque de brilho em um time ainda com carência técnica.

MESSI com o conterrâneo Agüero: maestria invejável em campo…

Foi graças ao talento da dupla que os hermanos foram para o intervalo com a vitória. O golaço saiu aos 19 minutos, em lance no qual MESSI arrancou e tabelou com Agüero antes de concluir no canto. Detalhe: o atacante do Manchester City devolveu o passe de calcanhar.

A Argentina já havia assustado antes. Aos 5, em falta cobrada por Messi, e aos 15, com Maxi Rodríguez. A Suíça, por sua vez, só foi acordar depois de um outro lance de perigo dos visitantes, aos 30, novamente com o artilheiro do Barcelona.

Com as promessas do Basel liderando o time e chamando a responsabilidade, os suíços partiram para cima. Aos 37, Rodríguez chutou cruzado e viu a bola passar perto. Quatro minutos depois foi a vez de Xhaka, em boa trama com Shaqiri e Mehmedi, finalizar de primeira para fora.

Suíça empata com promessa

messi argentina x suíça (Foto: EFE)
Inler, do Napoli, vigiou Messi de perto e até demorou
para levar o cartão amarelo (Foto: EFE)

A pequena pressão se transformou em gol no início da segunda etapa. Aos quatro, Xhaka fez boa jogada pela esquerda e cruzou forte. Derdiyok, que havia entrado no intervalo, furou de forma bisonha. Ao menos a bola sobrou limpa para Shaqiri fuzilar o gol de Romero.

Como diz o cronista Antero Greco: ‘Os gols de Messi são obras-primas, são clássicos’ …

Os donos da casa incomodavam principalmente na base da velocidade. Em novo contra-ataque, aos 10, Derdiyok voltou a vacilar após cruzamento de Lichtsteiner. A Argentina também mostrou não estar morta e, apesar da queda de ritmo de Messi, quase marcou em duas oportunidades. Aos 29, Agüero aproveitou bate e rebate na grande área e chutou de bico. Woelfli fez grande defesa. Na cobrança de escanteio, o próprio centroavante desviou de cabeça e viu a bola passar rente ao travessão.

MESSI Decide

Era Messi, no entanto, quem chamava a partida. Ele se consagraria mais uma vez, aos 43 minutos, aproveitando falha de Affolter na saída de bola. O craque recebeu, driblou Senderos com facilidade e encobriu o goleiro Woelfli. A bola ainda tocou no travessão antes de entrar.

Agüero, Higuain e Messi festejam vitória mais que merecida…

O camisa 10 chegaria ao hat-trick nos acréscimos, mas desta vez praticamente sem esforço. No último lance do jogo, aos 47, Affolter cometeu pênalti em Higuaín. MESSI se encarregou da cobrança e balançou as redes. Uma atuação para calar quaisquer críticos.

Com informações do GLOBOESPORTE.COM Berna, Suíça

MESSI faz passeio em campo e dá novo Show pelo Barça

O bicampeão da Fórmula 1, Sebastian Vettel, e sua namorada estavam nas arquibancadas do Camp Nou. Mas em dias de jogos do Barcelona, todos os olhares se voltam para o craque argentino Lionel Messi. Isso é incontestável.

MESSI entra em campo… precisa dizer mais ?

MESSI deu mais um show e, com quatro gols, comandou a goleada de virada por 5 a 1 sobre o Valencia, neste domingo, pela 24ª rodada do Campeonato Espanhol. O também hermano Pablo Piatti abriu o placar para os visitantes, enquanto Xavi fechou o placar nos acréscimos.

Messi comemora gol do Barcelona contra o Valencia (Foto: AP)
Messi segue encantando todo o Planeta Bola e está a 13 gols de se tornar o maior artilheiro do Barça (AP)

Estatísticas impressionam

MESSI, que chegou aos 27 gols na competição, apenas um atrás do português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, também atingiu importante marca, tornando-se o mais jovem a atingir 200 jogos em Campeonatos Espanhóis – com 24 anos e 240 dias de idade. Esta também foi a segunda vez em sua carreira que fez 4 gols num só confronto – a primeira havia sido diante do Arsenal, pelas quartas de final da Liga dos Campeões de 2009/2010.

Messi marca gol do Barcelona sobre Diego Alves do Valencia (Foto: Getty Images)

MESSI venceu Diego Alves no segundo gol e em outra três oportunidades: brasileiro teve boa atuação (Getty)

Na atual temporada, o astro acumula 42 gols em 40 jogos, com direito ainda a 19 assistências, e está próximo de quebrar novo recorde. Com 222 gols no total, a diferença para César, o maior artilheiro da história do clube, é de apenas 13 tentos. A expectativa é de que ele alcance o topo dos goleadores catalães até maio, quando terão fim todos os campeonatos de 2011/2012.

Desta forma, os catalães voltam a ficar a dez pontos do líder Real Madrid na tabela de classificação (61 a 51). Restam agora 15 partidas, entre elas o Superclássico no Camp Nou – e 45 pontos em jogo –, o que ainda alimenta as esperanças de um tricampeonato por parte do time comandado por Josep Guardiola.

Vettel no Camp Nou durante jogo do Barcelona (Foto: EFE)

Vettel e a namorada foram ofuscados pelo show de Messi no Camp Nou (Foto: EFE)

Lionel Messi, ou “a pulga” – como o apelidou alguém da imprensa – por ser baixinho e impossível detê-lo… Benza Deus !

MESSI e Maradona eleitos os Melhores do Mundo… Saravá !

Foi este o resultado de um ranking elaborado pela revista americana ‘Sports Illustrated’ com os 100 melhores jogadores de futebol (soccer) de todos os tempos. Pelé aparece em quarto lugar e é desbancado por Messi, Maradona e Cruyff.

Craque argentino: competência reconhecida mundialmente…

“Será que eu preciso explicar? O júri pode questionar se Messi é o melhor de todos os tempos, mas já houve um ‘melhor jogador’ quando se fala em atitude, altruísmo e ritmo de trabalho?”, indaga o jornalista Raphael Honigstein para justificar seu voto no atual camisa 10 do Barcelona.

Conhecido como El Pibe de Oro, Maradona foi a grande estrela da Copa de 2010…

Para chegar à lista final, a revista reuniu 10 repórteres especializados em futebol para fazer um ‘draft’, no qual, após sorteio, o primeiro escolhe um jogador, que não poderá mais ser citado pelos demais votantes. Segundo na lista, Ben Lyttleton ficou com Maradona por ele “ter liderado a Argentina na Copa de 1986”, enquanto Jonathan Wilson elegeu Cruyff por considerá-lo o mais inteligente de todos os tempos.

MESSI e MARADONA: talentos do futebol argentino, legendas mundiais do futebol…

A lista dos 10 melhores jogadores

1 – Lionel MESSI (ARG)
2 – Diego MARADONA (ARG)
3 – Johann Cruyff (HOL)
4 – Pelé (BRA)
5 – Franz Beckenbauer (ALE)
6 – Lev Yashin (URSS)
7 – Michel Platini (FRA)
8 – Bobby Moore (ING)
9 – Zinedine Zidane (FRA)
10 – Ferenc Puskas (HUN)

MESSI escandaliza… só doido varrido não vê…

Ou Messi fica fora da lista ou a premiação da Fifa vai pro espaço

Análise: Antero GRECO*

 

A festa comedida e quadradinha da Fifa deixou uma ameaça no ar: ou se arruma um jeito de tirar o Messi da lista dos melhores do ano (com um troféu à parte em cada edição) ou a premiação ficará esvaziada. Pense comigo: a não ser que ocorra algo extraordinário, por muito tempo o argentino levará bola, chuteira, calção e o que mais houver de ouro, como já fez por três vezes. Porque é fabuloso, está acima dos demais e, de quebra, joga no melhor time do mundo. Não há sinais de que nem o baixinho nem o Barcelona esgotaram repertório e desejo de conquistas. Azar do resto. 

 

A luz de Messi brilha com tal intensidade que os rivais começam a perceber que não passarão de coadjuvantes nesse tipo de cerimônia. A dica foi dada por Cristiano Ronaldo. O português nem perdeu tempo de aparecer na Suíça. A alegação foi a de que o Real estava concentrado para o jogo de hoje com o Málaga pela Copa do Rei!

Dá pra engolir a desculpa ? Não. Se houvesse esperança de levar o troféu, o clube alugava um jatinho, Ronaldo marcava presença e, duas horas depois, estaria a dormir como um anjo no hotel espanhol. O mesmo ocorreria com José Mourinho, que faltou para não pagar mico para mais um ato de consagração de Guardiola.

Hoje em dia quem curte futebol não tem alternativa, quando se trata de escolher melhor equipe, melhor jogador: crava Barça e Messi.

E alguém contesta? Só doido varrido ou se sofrer de dor de cotovelo crônica e incurável. Sorte temos todos de vivermos a era Messi, candidato à galeria dos mitos da bola de todos os tempos.

* O cronista esportivo escreve no Estadão

E mais uma vez, deu Lionel MESSI… Saraváaaaaa !!!

Essa é a diferença do gênio para o craque, da estrela para o cometa. Messi não diviniza o banal, desembaraça o divino. Amplia o repertório, não permite um mínimo de descuido e desatenção do torcedor. Qualquer lance dele cheira a milagre. Ele não corre, aparece; ele não chuta, coloca; ele fundiu balé com futebol de salão.

Essas são palavras do genial mago das Palavras, o poeta gaúcho Fabrício Carpinejar, em análise sobre o impressionantemente sensacional LIONEL MESSI, excepcional jogador argentino que tem dado ao mundo algumas das mais belas partidas do futebol mundial.

Ontem, 9 de janeiro, a FIFA revelou, em solenidade oficial, quem os analistas de futebol do mundo inteiro apontam como o Melhor Jogador de Futebol de 2011. E mais uma vez deu Lionel Messinós tínhamos certeza disso.

Foi só aguardar os telejornais para confirmar o que o coração já cantava há tempos…

Seu pé esquerdo é uma centopeia delirante. Comprova que os canhotos não surgiram para a mendicância técnica. São reis do ilusionismo. É um centroavante completo e um meia esplêndido, concilia o talento magnético na condução da bola e o oportunismo de matador. Impossível marcá-lo. Há algo de maduro em seu rosto, lampejo de tigre, e só tem 23 anos.

Repare que nem comemora o gol, acena, agradece com sinal da cruz. Sua comemoração nunca é explosiva, parece que não quer diminuir o lance com coreografias animadas; só aceita dançar com a bola, não trai sua parceira de tango.

Deseja o lance seco, curto, sem música de fundo. O futebol essencial, o futebol pelo futebol.

Messi congelou o tempo para encobrir e botou o tempo a correr novamente ao arrematar. A bola sobe com efeito, como se zombasse das mãos do arqueiro. Não há jogo de corpo do atacante, mas jogo de corpo da bola. A bola joga para Messi.

Argentino de talento inegavelmente excepcional para o futebol, Lionel Messi torna-se o único (ao lado do francês Michel Platini) a ser O Melhor do Mundo pela terceira vez consecutiva… Como diz Carpinejar, “a bola joga para Messi”…

VIVAAAAAAAAAAA  MESSIIIIIIIIIIII !!!

Que Deus o conserve assim. Este esportista fundamental, jogador excepcional e cidadão aguerridamente exemplar.

Que MESSI sirva cada vez mais de exemplo, não só pelas jogadas geniais que cria – com a sabedoria de quem conhece profundamente o ofício, e a grandeza de quem sabe que a humildade é o primeiro passo para o êxito -, mas pela sua atuação elegante, tranquila e pacificadora, sem nenhum tipo de empáfia, nos gramados e nas ruas onde trafegam pessoas de todos os quadrantes.

Que venham mais e mais estádios e gramados onde Lionel MESSI possa fazer as torcidas do mundo inteiro se impressionar e vibrar com suas jogadas magníficas, e onde seus dribles mágicos possam mais e mais contribuir para a beleza do futebol-arte, encantando até quem não aprecia o esporte mas o sabe um raro e dignissimo exemplar do melhor que já se viu em campo em muitas décadas.

E novamente nos valemos de CARPINEJAR para exaltar a grandiosidade colossal de MESSI :

Futebol-arte é um milagre. É quando todo o time desemboca num único jogador, e ele passa a ser todo o time.  Não que os outros não existam, os outros são ele e mais ele e mais ele e mais ele…

Ele: aquele que não corre, aparece; não chuta, coloca.

Futebol-arte é quando parece que o torcedor já viveu muito numa única partida e está encabulado. Tenso. Parece que não merece tanto, pagou por um jogo e recebeu um espetáculo. 

É quando um gol já é uma goleada. Quando um drible já é um gol.

Futebol-arte é quando a bola só aceita beijo na boca. Não admite amadores, pede delicadeza maliciosa. Futebol-arte é quando a bola só responde pelo apelido. Feita para ser asa mais do que pata, ser pluma mais do que couro. É preciso bater sem machucar, tocar embaixo para subi-la, sussurrar em seus ouvidos como um amante desinibido.

Convencer a bola que é um balão, uma janela, uma meia-lua, um chuveirinho.

A bola nos pés de um artista é um pássaro durante o chute, um peixe dentro do gol.