Arquivo da tag: os 30

Filmes para curtir como quiser…

O Curta Como Quiser – 1º Festival Multimeios de Curtas-metragens divulga os 30 filmes selecionados para exibição multiplataforma. A veiculação dos curtas será realizada de 1º de novembro a 1º de dezembro, gratuitamente, pelo Sundaytv, Canal Futura, CINEBRASiLTV, BusTV, Cinemark e nos voos nacionais da TAM.

O festival contemplará o melhor curta-metragem de cada categoria com um prêmio de R$ 4.000,00, além do prêmio principal de codireção de um documentário com o renomado cineasta Jorge Bodanzky, patrocinado pela CPFL. A votação será realizada por júri técnico e popular, por meio de votação no canal do festival no Sundaytv.

Os 30 filmes selecionados são:

CATEGORIA: EU E EU MESMO

Dona Herta, 2012 – 15’. Direção: Luís Mário Fontoura A Porta do Quarto, 2012 – 8’. Direção: Olavo Amaral Risco, 2005 – 15’. Direção: Bernardo Gebara De Lá pra Cá, 2011 – 14’. Direção: Frederico Pinto Da Silva, 2012 – 15’. Direção: Patrícia Travassos Omoidê, 2009 – 12’. Direção: Dannon Lacerda

CATEGORIA: EU E O FUTURO

O Dono da Pena, 2005 – 10’. Direção: Cláudia Nunes

Pimenta, 2010 – 13’. Direção: Eduardo Mattor 180°, 2012 – 6’. Direção: Marcelo Galvão Terra Incógnita, 2005 – 15’. Direção: Beto Carminatti e Gil Baroni 49 dias, 2011 – 14’. Direção: Tati Fujimori Volto Logo, 2010 – 10’. Direção: Eduardo Wannmacher

CATEGORIA: EU E O MUNDO

O Garoto Barba, 2010 – 14’. Direção: Christopher Faust Enciclopédia, 2009 – 14’. Direção: Bruno G. Barreto A Terra a Gastar, 2009 – 6’. Direção: Cassia M. Itamoto e Celina Kurihara Quem é Rogério Carlos?, 2012 – 14’. Direção: Pedro Bughay O Fim do Recreio, 2012 – 15’. Direção: Nélio Spréa e Vinicius Mazzon Terminal Santo Angelo, 2011 – 14’. Direção: Camila Lisboa

CATEGORIA: EU E O OUTRO

O Céu no Andar de Baixo, 2011 – 15’. Direção: Leonardo Cata Preta A Grande Viagem, 2011 – 15’. Direção: Caroline Fioratti Meu Avô e Eu, 2010 – 12’. Direção: Caue Nunes Obrigada!, 2011 – 6’. Direção: Giancarlo di Tommaso Obrigado Doutora, 2011 – 5’. Direção: Alan Medina, Gustavo Clive Rodrigues e Victor Simões Folha em Branco, 2011 – 12’. Direção: Iuli Gerbase

CATEGORIA: EU E O TEMPO

3X4, 2010 – 5’. Direção: Caue Nunes Smile, 2009 – 5’. Direção: Bruno Vaks 5 minutos, 2011 – 5’. Direção: Quico Meirelles 147, 2010 – 4’. Direção: Marcelo Tannure Nefelibata, 2010 – 3’. Direção: Antonio Balbino. A Vida Imita a Vida, 2010 – 4’. Direção: Silvio Coutinho

Curta como Quiser recebe inscrições de Curtas-Metragens

Até 13 de setembro, estão abertas inscrições ao Curta como Quiser – 1º Festival Multimeios  de Curtas-Metragens por meio do site www.curtacomoquiser.com.br

Os 30 filmes selecionados competem,  dentro de cada categoria, a um prêmio em dinheiro de R$ 4 mil (quatro mil reais),  sendo que o primeiro colocado entre todos os filmes, independente da categoria,  recebe como prêmio extra a oportunidade de co-dirigir um documentário produzido  pela CPFL Cultura com um grande diretor do mercado audiovisual brasileiro, a ser  anunciado em breve. 

O júri, formado por 4 profissionais do  mercado audiovisual, avaliará os curtas baseado em critérios técnico/artísticos, como roteiro, montagem, trilha sonora e fotografia. O público também poderá  participar da votação por meio do Facebook.  

Idealizado e realizado pela ELO COMPANY (distribuidora de conteúdo audiovisual), com patrocínio da CPFL Energia, apoio da  CPFL Cultura e do Governo do Estado de São Paulo – Secretaria da Cultura,  Programa de Ação Cultural 2011 –, o festival pretende estimular e promover a  expressão artística por meio do audiovisual, contando histórias dentro da  temática Relações Contemporâneas no  formato de curta-metragem. As produções podem ser feitas em qualquer suporte  (câmera, celular, etc), em qualquer formato, seja ficção ou documentário,  animação ou live action, profissional ou amador, inédito ou não. 

O grande diferencial deste festival é  que ele é multiplataforma e acontecerá em diversas mídias. Já nesta primeira  edição, além do SundayTV – exibidor oficial  -, o festival promete outros  exibidores de peso em canais de televisão, cinema e mídias de transporte. Todos  os curtas serão exibidos no período de 1º de Novembro a 1º de Dezembro no canal  exclusivo do Curta Como Quiser no SundayTV

O festival organizará os filmes  selecionados em categorias relacionadas ao tema Relações Contemporâneas. São  elas:

Eu e eu mesmo

Experiências individuais e reflexivas  sobre o eu que existe em cada um. Meu Eu lírico tem a voz que eu quiser. 

Eu e o Outro

Como eu me relaciono com o  outro? Histórias sobre eu e mais alguém, sobre nós. Nossa história, nossa  vida.

Eu e o Mundo

Meu entorno, meu contexto, meu cenário,  meu mundo. Como eu me relaciono com o coletivo ?

Eu e o Futuro

Uma expectativa, um desejo, uma  esperança. O que vem por aí ?

Eu e o Tempo

Pense rápido! O que você conta em 5  minutos ?

A ficha de inscrição está no www.curtacomoquiser.com.br. Os materiais devem ser enviados até 13 de  setembro com a ficha de inscrição e autorização de exibição para o  endereço: Elo Company – Festival Curta Como Quiser. Rua Dona Elisa de Moraes  Mendes, nº 802. Alto de Pinheiros – São Paulo – SP. CEP: 05449-001.

Sobre a ELO COMPANY

Idealizadora e realizadora do Festival Curta como Quiser, a Elo  Company é uma distribuidora brasileira que ,desde 2005, busca valorizar e difundir o audiovisual para mídias como TV e mídias digitais, no Brasil e no exterior. Com projetos inovadores e diferenciados, a Elo Company desenvolve e realiza projetos de difusão audiovisual como Mostras, Festivais,  Lançamentos e outros relacionados à exibição de conteúdo  audiovisual.

Curta como  Quiser nas redes

http://twitter.com/curtacomoquiser

http://www.facebook.com/curtacomoquiser

No Passo do Birim evidencia cultura popular nordestina

Novo Documentário Aurora de Cinema mostra grupo de coco do interior do Ceará em projeto aprovado no edital BNB – BNDES…

No Passo do Birim é o novo curta-metragem da jornalista, atriz e produtora audiovisual, Aurora Miranda Leão – fruto de projeto aprovado no edital Cultura da Gente (parceria BNB-BNDES).

O curta-metragem tem formato digital, com 15m, e marca os 30 anos de atuação ininterrupta do Coco das Mulheres da Batateiras, grupo de cultura popular formado por mulheres, e atuante no interior do Estado do Ceará.

NO PASSO DO BIRIM está sendo lançado em instigante volume, reunindo um CD e um DVD, a partir de trabalho conjunto do selo Equatorial Produções e da produtora Aurora de Cinema (com finalização da Cabeça de Cuia Filmes) – com produção do músico e pesquisador cearense Calé Alencar e Aurora Miranda Leão, no qual é evidenciada a cultura popular nordestina através do grupo Coco das Mulheres da Batateiras.

Brincantes do folguedo no município do Crato (CE), as mulheres que integram o Coco das Mulheres da Batateiras estão no CD-DVD NO PASSO DO BIRIM em voz, ritmo e imagens.

A caixa conjunta reúne um CD com canções gravadas pelo Coco das Mulheres da Batateiras, e um DVD, contendo 5 trabalhos audiovisuais realizados por Aurora Miranda Leão, a saber, os curtas SantAlegria, A Casca Avoa e o Miolo Fica, Resta Um, No Passo do Birim e o videoclip Batuques & Bantos (sobre música homônima do compositor cearense Calé Alencar).

Por enquanto, ainda não há lançamento oficial agendado mas o Aurora de Cinema está organizando uma ida ao Crato para exibir o documentário para suas protagonistas, além de estar recebendo convites para lançar o trabalho em alguns festivais de cinema…