Arquivo da tag: Oscar Niemeyer

Campina Grande celebra ATOR em Seminário de Cinema

Seminário deve servir de exemplo para cidades que querem ver atores seguindo profissão com dignidade e condições de prosperar… 

IMG_6304

Campina faz acolhida calorosa a participantes do Seminário que discutiu a carreira do Ator e os desdobramentos do ofício…

IMG_6588

Orquestra Sinfônica de Campina Grande fez bonito na abertura do I Seminário para Construção da Carreira do Ator

Animação

Aurora de Cinema, Marlene Alves, André Costa, Prazeres Barbosa e Arly Arnaud…

Foi com uma roda de boa música – do chorinho à Bossa Nova, passando pelo forró e o samba – que a Orquestra Sinfônica de Campina Grande abriu o I Seminário Campinense de Construção do Ator para Vídeo e Gerenciamento de Carreira na tarde do último dia 28 de maio, nos jardins da Secretaria de Cultura da querida cidade paraibana, sede do antigo Museu Assis Chateaubriand (obra de Oscar Niemeyer).

IMG_6586

Prazeres Barbosa e Marlene Alves caem no samba e no forró em Campina Grande…

David e Secretária

David Cardoso super animado com a recepção calorosa em Campina Grande…

Eles

Marlene Alves Souza Luna, a exemplar Secretária de Cultura de Campina Grande, e o cineasta André da Costa Pinto (idealizador do evento) recebiam os convidados e muitos estudantes e profissionais do teatro e do cinema com alegria e coração abertos !

Mulheres animadas

Mulheres animadas na festiva abertura do I Seminário sobre o ATOR em Campina Grande…

David e Zé

David Cardoso e José Dumont: encontro de dois ícones do Cinema Brasileiro…

Por lá estavam, entre outros, os atores David Cardoso, Leo Rosa e José Dumont, as atrizes Arly Arnaud e Prazeres Barbosa, o produtor Daniel Nigri, e uma galera super animada que faz Campina Grande ferver culturalmente e ser, seguidas vezes, citada como exemplo de lugar onde a efervescência artística é um diferencial evidente e pulsante.

Marlene e André

Depois de muitos dançarmos ao som da Orquestra campinense, foi a vez de seguirmos para o auditório da SecultCG, onde Marlene Alves saudou a plateia com calorosas Boas Vindas (sendo também homenageada pelo enorme grupo de atores que vem sendo beneficiado por suas meritórias ações em prol da Arte e da Cultura, desde quando era Reitora da UEPB), seguindo-se as palavras de saudação de André da Costa Pinto.

plateia

Plateia atenta e receptiva impressionou nos dois dias de Seminário em Campina Grande…

Seminário 1

Aurora Miranda Leão, Zezita Matos, Arly Arnaud e Soia Lira na mesa inicial…

A primeira mesa-redonda foi As Mulheres Paraibanas do Cinema Nacional – reunindo as atrizes Arly Arnaud, Zezita Matos e Soia Lira -, com mediação da atriz e jornalista cearense Aurora Miranda Leão.

IMG_7043

Na segunda noite, teve palestra do ator/produtor/diretor David Cardoso, seguindo-se concorrido lançamento de sua autobiografia. Depois foi a vez da atriz Prazeres Barbosa (apresentada por Aurora Miranda Leão) falar sobre sua trajetória de lutas e conquistas.

IMG_7031

A atriz, que se diz antes de tudo ‘Uma Educadora’ (a primeira profissão foi o magistério), contou as muitas dificuldades pelas quais precisou passar mas encorajou a plateia repleta de estudantes afirmando “Não abandonem seus sonhos por nada”. Ao final, Prazeres emocionou com trecho de um monólogo da dramaturga Lourdes Ramalho, ícone do teatro nordestino. A interpretação de Prazeres Barbosa foi tão visceral que a atriz deixou o auditório ovacionada, provocando choros e recebendo muitos aplausos, emocionada e fazendo emocionar.

Prazeres e fãs

Jovens aprendizes cercaram a atriz Prazeres Barbosa de carinho e aplausos…

IMG_7080

Ao fim de sua apresentação, Prazeres Barbosa foi cumprimentadíssima pelo público campinense…

IMG_7091

Prazeres Barbosa e Aurora Miranda Leão: unidas a partir do Cinema…

David palestra

David Cardoso em noite de palestra e lançamento de sua autobiografia…

Daniel fala

Ator e produtor Daniel Nigri ea experiência como preparador de elenco…

E assim correram os dias 28 e 29 de maio com o I Seminário Campinense de Construção do Ator para Vídeo e Gerenciamento de Carreira revestindo-se de pleno êxito, tendo plateia sempre atenta e lotada nos dias de sua realização, impressionando todos os convidados presentes em Campina Grande por conta do interesse, participação e permanência do público em todas as atividades, mesmo quando o horário de palestras e debates ultrapassava a zero hora…

Dumont fala

José Dumont fez uma fala brilhante e comovente, recebendo longos minutos de efusivos aplausos…

plateia D, D, Leo, Arly

David Cardoso, Daniel Nigri, Leo Rosa e Arly Arnaud em momento no qual foram plateia…

Daniel Nigri, produtor e preparador de elenco carioca; Leo Rosa, ator gaúcho do Rio; Prazeres Barbosa, atriz pernambucana; José DumontDavid Cardoso (ator, diretor e produtor) que lançou seu livro e fez palestra; além de Arly Arnaud, Zezita Matos e Soia Lira, entre outros; todos tiveram audiência lotada e permanente, e deixaram Campina Grande encantados com a determinação artística que hoje pulsa no município com uma força impressionante.

A Chico Valeska e André

Quando atores se encontram: Aurora Miranda Leão, Chico Oliveira, Valquíria Gonçalves e André da Costa Pinto…

E o que se observou também, no subtexto, é o quanto mais e mais cidades deveriam seguir o construtivo exemplo da Secretaria de Cultura de Campina Grande e ensejar evento de igual teor. Porque é através de iniciativas como a do I Seminário Campinense de Construção do Ator para Vídeo e Gerenciamento de Carreira que as trocas acontecem, que se dimensionam as dificuldades, carências, demandas e necessidades da carreira do ATOR, e que é possível se promover uma salutar e benfazeja troca de experiência que só o contato ao vivo permite.

fãs e nós

Jovens atores nordestinos com Márcia Lohss, Prazeres Barbosa e Aurora de Cinema…

David e nós

E as coisas fluem com alegria e partilha, gerando cumplicidades e sintonias, porque assim, no encontro ao vivo para partilha e troca de vivências, é possível se constatar que as dificuldades da carreira de um ator/atriz são as mesmas em qualquer parte: os obstáculos, as incertezas e as inseguranças apenas mudam de endereço. E as Alegrias também !

Marcel, Ana e David

Os paraibanos Marcel Henriques e Ana Célia Gomes com o ator David Cardoso…

Portanto, PARABÉNS a todos quanto tornaram possível este I Seminário de Cosntrução do Ator e Gerenciamento de Carreira, tão oportunamente realizado – e com tanta proficiência – em Campina Grande. Parabéns a André da Costa Pinto, a Marlene Alve Souza Luna, a toda a equipe envolvida na realização, aos atores participantes, e aos convidados, os quais deram brilho e reforço ao intenso movimento cultural que vem movimentando a adorável cidade paraibana, conhecida como A Rainha da Borborema.

Visita

O Cinema vai ao TEATRO  – Visita à dramaturga Lourdes Ramalho: Daniel Nigri, Aurora Miranda Leão, Lourdes Ramalho, Prazeres Barbosa, André da Costa Pinto e Leo Rosa…

Prazeres, A e David

Prazeres Barbosa, Aurora de Cinema e David Cardoso celebram encontro feliz…

O Blog AURORA DE CINEMA estava lá e APLAUDE aos que lá estiveram e contribuíram, de todas as formas possíveis, para o êxito do I  Seminário Campinense de Construção do Ator para Vídeo e Gerenciamento de Carreira.

Leo comigo

Leo Rosa e Aurora Miranda Leão: encontro de Cinema em Campina Grande…

Que venham mais e mais eventos do mesmo porte e com igual dimensão !

Arly, Ira e Praz

Arly Arnaud, Ira de Guadalupe e Prazeres Barbosa: mulheres poderosas !

Tropicália chega aos cinemas em setembro

O filme Tropicália, que abriu o festival É Tudo Verdade deste ano, em São Paulo, chega às telas dos cinemas no próximo dia 14 de setembro e acaba de ganhar o trailer oficial.

Um dos maiores movimentos artísticos do Brasil ganha vida no documentário. Numa época em que a liberdade de expressão perdia força,  Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa, Sérgio Dias, Arnaldo Baptista, Rita Lee, e Tom Zé, entre outros, misturaram desde velhas tradições populares a muitas das novidades artísticas ocorridas pelo mundo e assim criaram o Tropicalismo, mexendo com vários conceitos e estruturas da vida social, e influenciando  várias gerações.

Com depoimentos reveladores, raras imagens de arquivo e embalado por algumas das mais festejadas canções do período, Tropicália apresenta panorama diversificado de um dos mais lendários movimentos culturais do Brasil.

Onda tropicalista espalhou-se e inspirou look AURORA DE CINEMA

Dirigido por Marcelo Machado (Ginga), Tropicália é uma produção da  BossaNovaFilms e tem como coprodutores a Mojo Pictures (EUA), a Record Entretenimento, a VH1 no Brasil, a DLA, além da associação da Americas Film Conservacy, da inglesa Revolution Films e do coprodutor executivo Fernando Meirelles (360). A distribuição é da Imagem Filmes.

Marcelo Machado iniciou sua carreira em 1981 quando lançou a Olhar Eletrônico Vídeo, produtora pioneira na produção independente. Ali codirigiu “Marly Normal” com Fernando Meirelles; e dentre vários trabalhos, em 2004, codirigiu o documentário de longa-metragem “Ginga – a alma do futebol brasileiro”; em 2007, dirigiu o documentário “Oscar Niemeyer – O Arquiteto da Invenção”; e desde 2007 Marcelo vinha se dedicando à pesquisa e levantamento das condições para a produção do longa Tropicália, realizado em 2010-11.

Rosária e a Animação de Niemeyer

Estudantes da rede pública iniciam segunda-feira (07) os desenhos das cenas de um curta-metragem de animação, a ser ue será apresentado na noite de encerramento do  17º Vitória Cine Vídeo.  

Estela, uma estudante de ensino fundamental de Vitória, embarca numa nave do tempo para uma aula diferente sobre história. Acompanhada de um dos mais importantes arquitetos  contemporâneos do mundo, Oscar Niemeyer, ela passeia pelas curvas das principais obras do artista ao mesmo tempo em que assiste a acontecimentos históricos. 

O roteiro orientará um grupo de alunos da rede pública na produção das primeiras cenas do curta-metragem da nova edição do Projeto Animação. A atividade faz parte da oficina de animação a se realizar de segunda-feira a sexta (11/06), na Escola Municipal de Ensino Fundamental Neusa Nunes Gonçalves, de Nova Palestina, em Vitória. 

Esta será a segunda de cinco oficinas em preparação ao filme de animação que será apresentado na noite de encerramento do 17º Vitória Cine Vídeo, marcado para o final do ano. A realização é do Instituto Marlin Azul e conta com parceria da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura. 

Roteiro

 Durante a primeira oficina, realizada em maio, os alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental José Áureo Monjardim, de Fradinhos, discutiram e desenvolveram o roteiro da obra audiovisual com o acompanhamento da cineasta Luelane Corrêa

A inspiração para o desenvolvimento da história foi o arquiteto Oscar Niemeyer, um dos mais reconhecidos profissionais da arquitetura contemporânea internacional, responsável por criar novas formas de utilização do concreto armado, redesenhando o espaço urbano. 

Nascido no Rio de Janeiro, em 1907, o artista elaborou projetos como os edifícios públicos de Brasília (Congresso Nacional, Palácio do Planalto, Palácio Alvorada); o Memorial da América Latina; o Museu de Arte Contemporânea e a sede da Organização das Nações Unidas (ONU); entre várias outras obras espalhadas pelo Brasil e pelo Mundo.

A fundação ligada ao arquiteto autorizou o desenvolvimento do filme a partir das informações disponibilizadas no site da instituição (www.fundacaooscarniemeyer.com.br). Os estudantes capixabas homenagearão o arquiteto percorrendo uma linha do tempo para lembrar as principais obras do artista e alguns acontecimentos da história do Brasil e do Mundo ocorridos ao longo destes 102 anos de vida de Niemeyer, que completa 103 anos em 15 de dezembro.

 Animação 

Nesta segunda fase, os estudantes de Nova Palestina darão forma e cores à história criada pela primeira turma do projeto. Para montar as cenas, eles aprenderão técnicas de animação como desenho em papel, animação em massinha, recorte e pixilation (técnica de animar pessoas através do uso da fotografia digital).

Tem um Dragão no meu Baú, criação da carioca Rosária

Os alunos serão orientados pela animadora Rosária, do Rio de Janeiro. Dentre seus trabalhos, a produção de vinhetas, videoclipes e campanhas institucionais para televisão. No cinema, além de animar várias sequências de filmes, escreveu, dirigiu e animou o premiado curta Tem um Dragão no Meu Baú (2005) e o recém-lançado A Menina da Chuva, ambos com roteiros premiados pelo Ministério da Cultura. 

As próximas oficinas serão desenvolvidas, entre os meses de julho e setembro, na EMEF Juscelino Kubitschek de Oliveira, em Maria Ortiz; EMEF Eliane Rodrigues dos Santos, na Ilha das Caieiras; e novamente na EMEF José Áureo Monjardim, em Fradinhos.

Finalizado em 35 mm, o curta terá roteiro, desenho, animação e direção de 150 alunos do 6º ao 9º ano (5ª a 8ª série) do ensino fundamental de quatro escolas públicas da capital.

 Saiba mais 

Criado em 2001, o Projeto Animação tem por objetivo desenvolver as formas de expressão e promover o resgate cultural e artístico, democratizando o acesso aos bens culturais pela população infanto-juvenil local. A cada ano, um novo filme é produzido por novas turmas de alunos, possibilitando a inclusão e o desenvolvimento do saber audiovisual para turmas de crianças e adolescentes.

Desde a criação do projeto foram realizados os seguintes curtas-metragens: Mangue e Tal (2002); Portinholas (2003); Zen ou Não Zen? Eis a questão (2004); Vitória pra Mim (2005); Albertinho (2006); Ele (2007); Mestre Vitalino e Nós no Barro (2008) e Um Fio de Esperança (2009).