Arquivo da tag: pernambucano

WEBJET, TÔ FORAAAAAAAA !!!

Este AURORA DE CINEMA é, essencialmente, um espaço para divulgar filmes, eventos, personalidades e questões ligadas à Sétima Arte, sobretudo quando se trata de Cinema Brasileiro.

Por isso, você leitor, que me acompanha com regularidade, sabe que estes 3 posts anteriores fugiram ao nosso tema principal porque há horas em que a notícia se impõe e é preciso não silenciar, e ajudar na divulgação de fatos que se inscrevem na pauta do inaceitável, do descalabro, da falta de respeito ao próximo.

Por isso, dividimos a grave denúncia contra o absurdo e irresponsável procedimento da companhia aérea WEBJET – registrado ontem no aeroporto de Fortaleza – em vários posts para que a notícia fique ecoando e possa fazer mais, percorrer muitas trilhas e amealhar possíveis adesões à causa contra o tipo de procedimento inconsequente e aético de uma companhia aérea com seus legítimos mantenedores: os que empregam dinheiro em passagens aéreas e, esperam, no mínimo, ser tratados com respeito e a devida reverência. 

Assim, voltando ao caso ocorrido ontem com o voo 5745 da WEBJET, que faria o trajeto FORTALEZA-RECIFE-SÃO PAULO:

Além da ameaça sofrida por meus amigos, os artistas Michelle Monteiro e Rafael Saar, houve ademais um prejuízo sério e grave para Michelle que, sendo cantora, estava com show agendado para a cidade de Gravatá. Portanto, Michelle precisava estar em Recife no começo da noite, daí sua opção para a compra da  passagem segundo o horário escolhido. Michelle desceria no aeroporto de Recife, onde lá uma pessoa da produção do show de Gravatá já estaria esperando-a para seguirem direto rumo ao município pernambucano.

Em seu descaso, desrespeito e aviltante descompromisso com os acordos firmados com os passageiros, a companhia aérea WEBJET prejudicou Michelle Monteiro e, por certo, todos os demais passageiros, que ficaram horas infindas e desgastantes esperando, sem qualquer explicação plausível ou confiável da WEBJET, no saguão do aeroporto Pinto Martins.

MICHELLE MONTEIRO – e mais a querida Aline Moraes, Rafael Saar, e Hanna Godoy precisam ser ressarcidos do prejuízo moral e profissional sofrido por causa da ação da WEBJET. Urge que a Justiça se faça.

SERIEDADE, CONFIANÇA, COERÊNCIA, RESPEITO, DIGNIDADE, GENTILEZA e EXPLICAÇÕES PLAUSÍVEIS é o mínimo que qualquer  passageiro espera ao adquirir uma passagem áerea.

Cláudio Assis faz vigorosa poesia imagética e arranca aplausos no CineCE

Cine CE chega ao fim hoje. Noite de conhecer vencedores de curta e longa-metragem. Cinema Brasileiro e Iberoamericano. Não acompanhei o festival de forma presencial desde o início pq estava no OLHAR DE CINEMA – Festival Internacional de Cinema de Curitiba -, mas acompanhei via Blog Aurora de Cinema e do programa Cultura & Música (toda segunda na Universitária FM).

Claudio Assis: Theatro José de Alencar lotou para ver Febre do Rato

O que vi do Cine CE na ida ao Theatro José de Alencar foram ótimos curtas exibidos na noite de ontem, e o premiado longa de Cláudio Assis – Febre do Rato.


Casa cheia, silêncio respeitoso, atenção colada na tela, aplausos ao final.
O filme foi o grande vencedor do Festival de Paulínia, em julho passado, e lembro que, à época, o diretor ganhou destaque na imprensa por conta de suas declarações sempre pertinentes e sua inteligência afiada.
Li comentários positivos a respeito do filme e meu querido amigo Rubens Ewald Filho também me falou muito bem do filme em Curitiba. Enfim, fui ver Febre do Rato já munida de muitos aspectos que me fazem renovar uma sintonia com mais um trabalho do arretado pernambucano Cláudio Assis.

Matheus e Irandhyr: atuações magnânimas em filme forte e necessário…

Ademais, o filme conta com dois Atores Espetaculares, queridos do coração: MATHEUS NACHTERGAELE e IRANDHYR SANTOS.

Ambos, são um capítulo à parte nesta obra vigorosa de Cláudio Assis…

FEBRE DO RATO – Um Filme para ser visto e recomendado.

Heitor Dhalia estreia em Hollywood com 12 horas

 

Cineasta conversou com a Rolling Stone Brasil de março sobre o convite para dirigir o thriller 12 horas nos Estados Unidos

 

Há oito anos, o cineasta pernambucano Heitor Dhalia estreava atrás das câmeras com o longa Nina. Mas só agora Hollywood abriu as portas para o diretor. Depois da repercussão de O Cheiro do Ralo e do sucesso de À Deriva, Dhalia foi convidado para dirigir o thriller de suspense 12 horas, protagonizado por Amanda Seyfried e que estreia este mês no país.  Foi a primeira vez que ele apenas dirigiu, sem ter escrito o roteiro. “Você tem que tentar tornar seu o material que você recebeu pronto. Achar um ângulo pessoal de alguma maneira”, contou à edição de março da Rolling Stone Brasil, nas bancas a partir do dia 12. 

Amanda Seyfried protagoniza o thriller dirigido por Dhália em Hollywood…

Mesmo com a dificuldade de não ter o controle total do filme, como está acostumado a fazer no Brasil, Dhalia explica que a experiência foi bastante produtiva e pretende repeti-la. “Quero filmar lá de novo, sim. Já estou conversando sobre isso. Sou movido a novos desafios. Cada vez mais sou uma pessoa do cinema. E isso passa por Hollywood também”.

À parte da carreira internacional, Dhalia prepara o seu próximo filme em terras brasileiras, batizado de Serra Pelada. “Vai ser meu grande filme. Adoro esse projeto. É um grande épico brasileiro. Brasil na veia. Um filme de pegada, cheio de sabores. Estou super na pilha de começar”, finaliza.

Outros destaques

A Rolling Stone Brasil de março traz na capa Dave Grohl. Prestes a chegar ao Brasil, o vocalista do Foo Fighters falou com exclusividade à revista e revela estar ansioso para se apresentar no país. A edição conta ainda com o Especial Mulher, com entrevistas com Gaby Amarantos, Pitty, Joan Jett, Leticia Bufoni e Lana Dey Rey, além do Arquivo RS com Whitney Houston. 

Sobre a Rolling Stone

Fundada em 1967 por Jann Wenner (editor até hoje) e Ralph J. Gleason, a Rolling Stone nasceu no fervor da contracultura hippie dos anos 60. Numa época em que as revistas em circulação desprezavam a cena musical, foi o primeiro veículo a tratar o assunto seriamente. Logo se tornou conhecida por permitir a livre expressão, tanto do artista quanto de seus jornalistas, fazendo história com artigos pungentes sobre sexo, drogas, comportamento e política sem rabo preso. No Brasil a publicação está sob a responsabilidade da Spring Publicações.

Começa hoje o Festival de Verão Internacional do Rio Grande

Panda Filmes abre hoje 8ª edição

Com exibições especiais em várias cidades do Rio Grande do Sul,  palestras, aulas magnas e workshops concentrados na Casa de Cultura Mário Quintana, começa hoje mais uma edição do Festival de Verão do RS de Cinema Internacional.

A abertura do Festival promete ser um grande evento no centro da capital gaucha, com sessão de cinema ao ar livre e gratuita, às 21h. O filme de abertura é o longa Xingu, do diretor Cao Hamburger, que estará na sessão de lançamento, ao lado de um dos atores do filme, o pernambucano João Miguel. Na tela, a história dos irmãos Villas Bôas durante a expedição que deu origem ao Parque Nacional do Xingu.

TRUFFAUT: 80 anos do cineasta francês serão evidenciados…

O festival vai exibir cerca de 50 filmes, em mostras que vão destacar o cinema produzido em Portugal, na França e em países da América Latina. Entre os destaques, está o ciclo que celebra os 80 anos do cineasta François Truffaut.

A programação completa e outros destaques estão no site:www.festivalverars.com.br.