Arquivo da tag: TEATRO EUCLIDES MENATO

Tela Livre em Ribeirão Pires

Além da festa de Nossa Senhora do Pilar, o Festival do Chocolate é outro evento que atrai muitos turistas a estância mineral de Ribeirão Pires, em São Paulo.

 O Festival do Chocolate de Ribeirão Pires acontece sempre no mês de Julho, levando ao município mais de 350 mil pessoas durante sua realização.

Agora, com a realização do I Festival de Cinema de Ribeirão Pires, os organizadores pretendem criar mais um espaço de grande adesão popular, capaz de tornar o cinema brasileiro conhecido numa região onde são escassas as projeções. Idealiado por Emerson Muzzeli, o Festival de Cinema de Ribeirão Pires – Um Novo Olhar, compõe-se de uma ampla programação, aberta com a presença do ator Carlos Vereza, que inaugurou, emocionado, uma sala de cinema que leva o seu nome, que fica no Teatro Euclides Menato:

“Estou muito feliz. É muito raro uma pessoa ser homenageada em vida”, declarou Vereza.

Paralelamente, a sala de exibição abrigará o programa Escola Vai ao Cinema, em que alunos de 7 a 14 anos do município terão acesso ao cinema. “A proposta é transversalizar os assuntos. Trazer as discussões das telas para a sala de aula”, contou Rosi Ribeiro de Marco, secretária de Educação e Cultura da cidade.

“É o início de um projeto ambicioso de formação de público. A população terá a oportunidade de ir mais ao cinema e, quem sabe, não é o começo para investirmos mais na produção de filmes, como é a ideia da mostra de curtas”, diz o prefeito Clóvis Volpi.

RIBEIRÃO PIRES de Cinema

Começa domingo em Ribeirão Pires, na Grande São Paulo, o primeiro Festival de Cinema – Um Novo Olhar, o qual consiste em mostra popular, mostra competitiva de curtas-metragens e quatro oficinas gratuitas, cujas inscrições podem ser feitas através do site Festival de Curtas até o final de março.

Memórias do Cárcere, de Nelson Pereira dos Santos, será exibido em Ribeirão Pires

A primeira etapa do projeto consiste na mostra de filmes nacionais exibidos gratuitamente todos os domingos, até 2 de maio, no Paço Municipal da Cidade.

Passam pela sala ao ar livre cópias em 35mm de Memórias do Cárcere, Bezerra de Menezes, Bicho de Sete Cabeças, A Via Láctea, Chega de Saudade, Deus É Brasileiro e Mistéryos. O teatro Euclides Menato também irá exibir longas da mostra dias 22, 23, 24, 25, 26 e 29 de março, entre eles Vlado 30 anos Depois, de João Batista de Andrade e Fluidos, de Alexandre Carvalho.


 

Tônia Carrero e Leonardo Villar em Chega de Saudade, um dos longas da programação

“Fotografia & Cinema”, “Música & Cinema”, “Curta & Celular” e “Animação” são as quatro oficinas que integram a programação, ministradas respectivamente por Alziro Barbosa, Victor Pozas e Alex Molleta.

A mostra competitiva de curtas começa em 3 de maio e irá contemplar as seguintes categorias: melhor filme, melhor diretor, melhor roteiro/argumento, melhor ator, melhor atriz, melhor montagem, melhor desenho de som, melhor arte e melhor música original. A premiação e o encerramento do 1º Festival de Cinema – Um Novo Olhar acontecem dia 8 de maio. Foram inscritos cerca de 300 trabalhos e 160 foram selecionados pela curadoria.

PROGRAMAÇÃO DA MOSTRA POPULAR
PAÇO MUNICIPAL (Rua Miguel Prisco, 288)

21/3 às 19h – “Memórias do Cárcere”, de Nelson Pereira dos Santos
21/3 às 21h – “Bezerra de Menezes” – Glauber Filho e Joel Pimentel
28/3 às 21h – “Bicho de Sete Cabeças”, de Laís Bodanzky
04/4 às 21h – “Deus é Brasileiro”, de Cacá Diegues
11/4 às 21h –  “A Via Láctea”, de Lina Chamie
18/4 às 21h – “Chega de Saudade”, de Laís Bodanzki
25/4 às 21h – “Mistéryos” , de Beto Carminatti e Pedro Merege

TEATRO EUCLIDES MENATO (Avenida Brasil, 193)

22/3 às 19h – “Vlado, 30 anos depôs”, de João Batista de Andrade
23/3 às 19h – “Fluidos”, de Alexandre Carvalho
24/3 às 19h – “Manhã Transfigurada”, de Sérgio de Assis Brasil
25/3 às 19h – “Canção de Baal”, de Helena Ignez
26/3 às 19h – “Senhores do Vento”, de Isabella Nicolas
29/3 às 19h – “Heróis da Liberdade”, de Lucas Amberg