Arquivo da tag: ver cinema em Juiz de Fora

Os vencedores do Primeiro Plano Festival


 

A décima edição do Primeiro Plano Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades teve como grandes vencedores os curtas Braxília, de Danyella Proença, na categoria Nacional, e Sobre cinema e diálogos, de Yuri Westermann, na regional. As produções fizeram parte da seleção de 48 curtas, exibidos ao longo de toda a semana no Espaço Alameda de Cinema, nas mostras competitivas.

 

Cerca de 600 pessoas passaram todos os dias pelo festival, lotaando as sessões. Entre as exibições mais concorridas, a estreia do longa Ibitipoca – Droba pra lá, do juiz-forano Felipe Scaldini, acontecida no último dia do evento. Na sexta, a estreia do filme argentino “Las Acacias”, de Pablo Giorgelli, também fez sucesso entre o público.   

Para o coordenador-geral do evento, Aleques Eiterer, o Primeiro Plano 2011 teve entre os destaques o fato de ter sido marcado pela pluralidade de conteúdo. “A edição deste ano configurou uma das melhores seleções que já fizemos. Exibimos filmes de todas as partes do Brasil, com abordagens das mais variadas temáticas.” 

OS PREMIADOS

Mostra Competitiva Nacional 

Melhor filme

“Braxília”, de Danyella Proença

 

Melhor direção

Rafaela Camelo, por “A arte de andar pelas ruas de Brasília”

 

Melhor roteiro

Abel Roland e Emiliano Cunha, por “O cão” 

Melhor atriz

Amélia Bittencourt, por “Qual queijo você quer?” 

Melhor ator

Henrique César, por “Qual queijo você quer?”

 

Melhor direção de arte

Mayra Sergio, por “Lápis de cor”

 

Melhor concepção fotográfica

Vínicios Brum, por “Entre muros”

 

Melhor concepção sonora

Gabriel Motta, por “O cão”

 

Melhor trilha sonora

Mateus Mira, por “Qual queijo você quer?”

 

Melhor montagem

Bruno Lasevicius, por “Cine Camelô”

 

Melhor primeiro lano

“Metafísica”, de Eduardo Gomes

 

Menção honrosa 1

“Metafísica”, de Eduardo Gomes

 

Menção honrosa 2

“Cine Camelô”, de Clarissa Knoll

 

Menção honrosa 3

“Monja”, de Breno Baptista

 

Júri jovem

“Cine Camelô”, de Clarissa Knoll

 

Júri Popular

“Cine Camelô”, de Clarissa Knoll

 

Júri Popular Infantil:

“Lápis de cor”, de Alice Gomes

 

Prêmio Porta Curtas

“Qual queijo você quer?”, de Cíntia Domit Bittar

 

Mostra Competitiva Regional 

Incentivo Primeiro Plano

“Sobre cinema e diálogos”, de Yuri Westermann

 

Júri Popular

“Sobre cinema e diálogos”, de Yuri Westermann

 

Prêmio Zé Sette

“Veredas Santeiro”, de Leandro Domith

 

O Primeiro Plano – Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades foi aprovado pelas leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura. A edição 2011 do festival tem patrocínio do Fundo Nacional de Cultura e da Prefeitura de Juiz de Fora e é uma realização do Luzes da Cidade – Grupo de Cinéfilos e Produtores Culturais, da Universidade Federal de Juiz de Fora e da Secretaria do Audiovisual/Ministério da Cultura.

Primeiro Plano de Cinema em Juiz de Fora

Com o tema Olhar de novo, será aberta no próximo dia 28 a décima edição do Primeiro Plano – Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades, que vai até 3 de dezembro.

Ao longo de 6 dias, serão exibidos seis longas de diretores estreantes e mais de 50 curtas, nas mostras competitivas e de mercocidades. O festival terá também a estreia do filme contemplado com o prêmio Incentivo Primeiro Plano 3 e a Sessão Escola.  

 

Na noite de abertura, próxima segunda, será exibido o premiado longa
A hora e a vez de Augusto Matraga“, de Vinicius Coimbra, grande vencedor do Festival do Rio deste ano. Baseado no conto de Guimarães Rosa, o filme conta a história de Augusto Matraga, fazendeiro falido e violento que vive acima da lei no sertão mineiro.  

O longa tem elenco formado por nomes como João Miguel, no papel de Matraga, Vanessa Gerbelli, como Dionóra, José Wilker, na pele de Joãozinho Bem-Bem, e Chico Anysio, que encarna o Major Consilva. A produção foi um dos destaques do Festival do Rio, ao arrebatar cinco troféus: Melhor Longa-Metragem de Ficção (voto popular e júri oficial), Melhor Ator (João Miguel) e Melhor Ator Coadjuvante (José Wilker), além de um prêmio especial para Chico Anysio. 

João Miguel em cena do filme Augusto Matraga, que vai abrir o festival mineiro…

A noite de abertura também terá a exibição dos curtas Luminaris, animação do argentino Pablo Zaramella, e Bomba, de Francisco Franco. Este último foi viabilizado pelo prêmio Incentivo Pimeiro Plano 3, conquistado com “Cachorro morto”, na última edição do festival. 

Melhor dos Melhores 

A competitiva O melhor dos melhores de todos os tempos segue com votação aberta até 2 de dezembro, no site oficial (www.primeiroplano.art.br). No endereço, todos os curtas vencedores do júri popular das edições anteriores, na mostra competitiva regional, podem ser assistidos para que seja escolhido um vencedor, a ser exibido novamente no Primeiro Plano

Primeiro PlanoFestival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades foi aprovado pelas leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura. A edição 2011 tem patrocínio do Fundo Nacional de Cultura e da Prefeitura de Juiz de Fora e é uma realização do Luzes da Cidade – Grupo de Cinéfilos e Produtores Culturais, da Universidade Federal de Juiz de Fora e da Secretaria do Audiovisual/ Ministério da Cultura. 

Programação 

Segunda, 28 de novembro

20h Abertura
Bomba“, de Francisco Franco, Incentivo Primeiro Plano 3
A hora e a vez de Augusto Matraga“, de Vinicius Coimbra

“Luminaris”, de Pablo Zaramella (AR) 

Terça, 29 de novembro

15h Sessão Escola
17h Mostra Competitiva Regional 1
19h Mostra Competitiva Nacional 1 
21h Estréia de longa: “Trabalhar cansa”, de Juliana Rojas e Marco Dutra 

Quarta, 30 de novembro

15h Sessão Escola
17h Mostra Competitiva Regional 2 
19h Mostra Competitiva Nacional 2 
21h Estréia de longa: “Malditos cartunistas”, de Daniel Garcia e Daniel Paiva 

Quinta, 1º de dezembro

15h Sessão Escola
17h Mostra Competitiva Regional 3 
19h Mostra Competitiva Nacional 3 
21h Estréia de longa: “Estrada para Ythaca”, de Coletivo Alumbramento 

Sexta, 2 de dezembro

15h Sessão Escola
17h Mostra Mercocidades de Curtas
19h Mostra Competitiva Nacional 4 
21h Estréia de longa: “Las Acacias”, de Pablo Giorgelli 

Sábado, 3 de dezembro

14h Mostra Audiovisual de Juiz de Fora 1
16h Mostra Audiovisual de Juiz de Fora 2
18h Estréia de longa: “Ibitipoca, droba pra lá”, de Felipe Scaldini

20h Cerimônia de Encerramento 

Primeiro Plano – Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades

De 28 de novembro a 2 de dezembro

Espaço Alameda de Cinema

(Rua Morais e Castro 300, Alto dos Passos)