Arquivo da tag: Ver e Fazer Filmes

FICA recebe inscrições até 19 de abril

Filmes, videos e séries televisivas, com temática ambiental, realizados a partir de 1º de janeiro de 2011, podem concorrer à 15ª edição do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental, FICA 2013, que acontecerá de 2 a 7 de julho na Cidade de Goiás (GO).

 A data limite para inscrições e envio de material é 19 de abril. 

Quem avisa é a produtora Márcia Deretti.

Consulte o regulamento e inscreva-se aqui:
As obras selecionadas irão concorrer aos seguintes prêmios:
 – Grande prêmio CORA CORALINA e mais R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais) para o maior destaque entre as obras apresentadas.
– Troféu CARMO BERNARDES e  R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais) para o melhor longa-metragem.
– Troféu JESCO VON PUTKAMER e R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) para o melhor média-metragem.
– Troféu ACARI PASSOS e R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) para o melhor curta-metragem.
– Troféu JOÃO BÊNNIO e R$ 40.000,00 (quarenta mil reais) para melhor produção goiana.
– Troféu BERNARDO ÉLIS e R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) para a melhor série ambiental para tevê.
– Troféu LUIZ GONZAGA SOARES e R$ 10.000,00 (dez mil reais) para o trabalho escolhido pelo Júri Popular.
– Troféu JOSÉ PETRILLO para o melhor filme escolhido pela imprensa especializada.
Qualquer dúvida, entre em contato: prodnacional@fica.art.br

Festivais com inscrições abertas

Inscrições à mostra competitiva do IV CineCreed-Mostra de Filmes Digitais, evento gratuito e sem fins lucrativos, a acontecer nos dias 23, 24 e 25 de novembro.

Curtas nacionais produzidos a partir de 2010 com até 20 minutos de duração e inéditos nos eventos do Programa Exibição de Cinema Social podem ser inscritos: www.precisope.com.br

***************

A III Mostra Internacional de Cinema pelos Animais – Mostra Animal 2012 vai acontecer em Curitiba. Cineastas profissionais ou amadores, brasileiros ou estrangeiros, podem inscrever filmes de qualquer duração (longa, média ou curta-metragem) que abordem questões oriundas do relacionamento do ser humano com os animais. Inscrições são gratuitas e devem ser feitas através do site www.mostraanimal.com.br, no link Inscrições, até 20 de setembro.

*************

O Cine MuBE Vitrine Independente, festival que revela e premia novos talentos, prossegue com inscrições até 20 de outubro. A curadoria é do crítico de cinema Christian Petermann e oferece oportunidade para novos talentos apresentarem sua arte e técnica por meio de exibições de curtas e médias-metragens num evento focado no cinema independente.

Seguindo o modelo das edições anteriores, entre 6 e 8 de dezembro, haverá programação especial no MuBE para a exibição dos títulos selecionados. Na sexta, dia 7, serão exibidos os médias-metragens em competição, e no sábado, dia 8, os curtas – ao final das exibições, serão revelados os vencedores e acontecerá a premiação. Interessados podem inscrever-se gratuitamente. www.cinemubevitrine.com.

O festival premiará produções em 11 categorias: melhor curta-metragem pelo júri, melhor curta-metragem pelo público, melhor média-metragem pelo júri, melhor média-metragem pelo público, melhor diretor curta-metragem, melhor diretor média-metragem, melhor atriz, melhor ator, menção especial de curta-metragem pelo júri, melhor roteiro e, como novidade desta edição, melhor produção estrangeira.

Os filmes devem ser encaminhados (em três cópias obrigatórias), de segunda a sexta, das 10h às 19h, para Av. Europa, 218 – São Paulo, aos cuidados de Karen Alcantarilla – karen@mube.art.br.

O Cine MuBE Vitrine Independente é um festival de cinema que preza pela pluralidade, sem tema definido. O júri especializado e o público elegem os favoritos. Os ganhadores são premiados com equipamentos, cursos na área e viagens.

 

***********

Até 15 de setembro, cineastas podem inscrever seus documentários de curta, média e longa-metragem no III CachoeiraDoc – Festival de Documentários de Cachoeira, a acontecer de 4 a 8 de dezembro, no Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), na cidade de Cachoeira.

O Festival busca fomentar a cultura do documentário através da exibição de filmes, oficinas, debates e ciclo de conferências. Interessados devem enviar vídeos produzidos a partir de 2011, em qualquer formato, incluindo vídeos feitos por câmeras em celulares e câmeras digitais, e em película 16 mm e 35 mm. www.cachoeiradoc.com.br

‘Olho Cru’ marca estreia de Leandro Firmino da Hora na direção de cinema

Um olhar atento e vivo sobre o submundo de uma grande favela horizontal carioca. A temática do curta-metragem Olho Cru é o ponto de partida para um “passeio” pela Cidade  de Deus, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Dirigido pelo roteirista Emílio Dante e pelo ator Leandro Firmino da Hora – um dos protagonistas do filme Cidade de Deus – o curta foi todo rodado em 48 horas, na comunidade pacificada, e conta com a atuação de moradores escolhidos pelos próprios autores. Ao todo, foram escaladas 15 pessoas para o elenco, além da equipe técnica, que reuniu cerca de 20 integrantes.

 

Embora a filmagem tenha sido feita em 2010, só ano passado Leandro Firmino e Emílio Dante se deram conta de que o vasto material daria um curta-metragem. E partiram pra adaptação do roteiro original, de autoria do publicitário mineiro Bruno Mendes.

– Fizemos uma pós-produção de seis meses para compensar os errinhos da produção – afirmou Dante.

Sem qualquer patrocínio, o filme já conta com críticas positivas de profissionais do meio cinematográfico. Os diretores nutrem a expectativa de que a produção seja escolhida para exibição no Festival do Rio. O filme será projetado pela primeira vez na Cidade de Deus, e terá a performance do DJ Wladimir Gasper.

Leandro Firmino da Hora e Aurora Miranda Leão: unidos pelo Cinema

O barato do filme é justamente o fato de não ter atores profissionais. Todo o elenco conhece os tipos que aparecem no curta – afirma Leandro Firmino.

A trama gira em torno do roubo de uma mochila. Morador da Cidade de Deus há mais de 40 anos, Ronaldo de Paula teve atuação elogiada.

Foi a primeira vez em que atuei e estou adorando os elogios. Fico emocionado por podermos filmar na Cidade de Deus agora, que está pacificada – afirmou.

Equipe OLHO CRU, de Emílio Dante e Leandro Firmino da Hora: Cidade de Deus na tela…

Até quando a realidade é uma mentira ?

A Forma Filmes comunica:

Os jovens diretores Rodrigo Oliveira e Marcelo Luiz de Freitas participarão do 6ºCurta Cabo Frio – Festival de Audiovisual da Costa do Sol (RJ) com o documentário Até quando a realidade é uma verdadeira mentira ?

O festival acontecerá de 1 a 9 de setembro e esta será a primeira exibição do curta em festivais. O documentário incita a discussão sobre o poder que a propaganda, no caso de cerveja, exerce sobre as pessoas.

Até quando a realidade é uma verdadeira mentira ? concorrerá na mostra competitiva de curtas digitais.

Trailer oficial e outros trabalhos de Marcelo Luiz de Freitas e Rodrigo Oliveira, acesse http://formafilmes.wordpress.com http://marceloluizdefreitas.wordpress.com

Mas a FORMA FILMES estará em Cabo Frio com outros 2 trabalhos: Dadashow volume 2, e Doméstico 365 de Marcelo Luiz de Freitas.

Doméstico 365 concorrerá na mostra competitiva de curtas realizados com câmera fotográfica/celular.

Dadashow volume 2 concorre junto ao Doc Até quando a realidade é uma verdadeira mentira ? na mostra competitiva de curtas digitais.

Bárbara Cariry promove Outros Cinemas em Fortaleza

Abertas até dia 17 as inscrições à quinta edição da Mostra Outros Cinemas, que vai acontecer de 16 a 19 de outubro na Casa Amarela da UFC, em Fortaleza.

Os interessados devem enviar as produções acompanhadas de ficha de inscrição, devidamente preenchida e assinada, além de fotos, release e autorização de exibição, disponíveis em: www.mostraoutroscinemas.blogspot.com  

Podem ser inscritas produções de todo o país. Os filmes selecionados pela curadoria da Mostra não são exibidos em nível competitivo.

Cada participante poderá inscrever até 2 filmes e/ou vídeos, de acordo com sua duração (curta metragem – até 23 minutos), sobre qualquer tema e que não tenha participado de edições anteriores.

Idealizada por Bárbara Cariry, a Mostra Outros Cinemas é uma realização da Sereia Filmes e vai consolidando-se como mais um espaço alternativo para a difusão da produção audiovisual brasileira.

Aruanda recebe inscrições de curtas

O 8º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro será realizado de 14 a 19 de dezembro, em João Pessoa (PB).

Estão aptos à inscrição trabalhos em curta-metragem produzidos nos gêneros DOCUMENTÁRIO, FICÇÃO, ANIMAÇÃO e EXPERIMENTAL. O festival contempla ainda as categorias TV Universitária/Educativa (nas áreas de Reportagem, Documentário, Programa de TV e Inter-Programa).

Serão aceitas obras finalizadas entre setembro de 2011 e agosto de 2012, de curta-metragem de 2m a 20 min. de duração. Cada realizador poderá se inscrever com até dois trabalhos em cada categoria. Para a categoria de TV UNIVERSITÁRIA (Programa, Reportagem e Documentário para TV) estão aptas produções realizadas por equipes das emissoras de Televisões Universitárias e Educativas brasileiras. Serão aceitos dois trabalhos por gênero para cada emissora.

As inscrições vão até 30 de agosto através do site www.festaruanda.com.br.

A Comissão Organizadora divulgará o resultado da seleção a partir do dia 15 de outubro em jornais e no site oficial do festival.

Curta como Quiser recebe inscrições de Curtas-Metragens

Até 13 de setembro, estão abertas inscrições ao Curta como Quiser – 1º Festival Multimeios  de Curtas-Metragens por meio do site www.curtacomoquiser.com.br

Os 30 filmes selecionados competem,  dentro de cada categoria, a um prêmio em dinheiro de R$ 4 mil (quatro mil reais),  sendo que o primeiro colocado entre todos os filmes, independente da categoria,  recebe como prêmio extra a oportunidade de co-dirigir um documentário produzido  pela CPFL Cultura com um grande diretor do mercado audiovisual brasileiro, a ser  anunciado em breve. 

O júri, formado por 4 profissionais do  mercado audiovisual, avaliará os curtas baseado em critérios técnico/artísticos, como roteiro, montagem, trilha sonora e fotografia. O público também poderá  participar da votação por meio do Facebook.  

Idealizado e realizado pela ELO COMPANY (distribuidora de conteúdo audiovisual), com patrocínio da CPFL Energia, apoio da  CPFL Cultura e do Governo do Estado de São Paulo – Secretaria da Cultura,  Programa de Ação Cultural 2011 –, o festival pretende estimular e promover a  expressão artística por meio do audiovisual, contando histórias dentro da  temática Relações Contemporâneas no  formato de curta-metragem. As produções podem ser feitas em qualquer suporte  (câmera, celular, etc), em qualquer formato, seja ficção ou documentário,  animação ou live action, profissional ou amador, inédito ou não. 

O grande diferencial deste festival é  que ele é multiplataforma e acontecerá em diversas mídias. Já nesta primeira  edição, além do SundayTV – exibidor oficial  -, o festival promete outros  exibidores de peso em canais de televisão, cinema e mídias de transporte. Todos  os curtas serão exibidos no período de 1º de Novembro a 1º de Dezembro no canal  exclusivo do Curta Como Quiser no SundayTV

O festival organizará os filmes  selecionados em categorias relacionadas ao tema Relações Contemporâneas. São  elas:

Eu e eu mesmo

Experiências individuais e reflexivas  sobre o eu que existe em cada um. Meu Eu lírico tem a voz que eu quiser. 

Eu e o Outro

Como eu me relaciono com o  outro? Histórias sobre eu e mais alguém, sobre nós. Nossa história, nossa  vida.

Eu e o Mundo

Meu entorno, meu contexto, meu cenário,  meu mundo. Como eu me relaciono com o coletivo ?

Eu e o Futuro

Uma expectativa, um desejo, uma  esperança. O que vem por aí ?

Eu e o Tempo

Pense rápido! O que você conta em 5  minutos ?

A ficha de inscrição está no www.curtacomoquiser.com.br. Os materiais devem ser enviados até 13 de  setembro com a ficha de inscrição e autorização de exibição para o  endereço: Elo Company – Festival Curta Como Quiser. Rua Dona Elisa de Moraes  Mendes, nº 802. Alto de Pinheiros – São Paulo – SP. CEP: 05449-001.

Sobre a ELO COMPANY

Idealizadora e realizadora do Festival Curta como Quiser, a Elo  Company é uma distribuidora brasileira que ,desde 2005, busca valorizar e difundir o audiovisual para mídias como TV e mídias digitais, no Brasil e no exterior. Com projetos inovadores e diferenciados, a Elo Company desenvolve e realiza projetos de difusão audiovisual como Mostras, Festivais,  Lançamentos e outros relacionados à exibição de conteúdo  audiovisual.

Curta como  Quiser nas redes

http://twitter.com/curtacomoquiser

http://www.facebook.com/curtacomoquiser

Curta Santos divulga selecionados em festa na sexta

Como acontece anualmente, os curtas selecionados para a próxima edição do Festival CURTA SANTOS serão divulgados em badalada festa na cidade do litoral paulista, na próxima sexta.

A organização do festival vai receber público, realizadores e imprensa no Espaço Cultural Tremendão, localizado na Rua Brás Cubas, nº 404, Vila Mathias, em Santos. A entrada é franca.

No ano em que completa uma década, as mostras competitivas dobraram, passando de 4 para 8, a saber, Olhar Brasilis, Videoclipe Brasilis, Novos Olhares, Mostra Curta Santos F.C., e Mostra Minuto são as nacionais. As mostras direcionadas aos realizadores do litoral de São Paulo são a Olhar Caiçara, Videoclipe Caiçara e Curta Escola.

A Mostra Olhar Brasilis e a Mostra Videoclipe Brasilis são de livre temática. A Mostra Curta Santos F.C. e Mostra Minuto, são, por sua vez, comemorativas e voltadas ao Santos Futebol Clube: a primeira para produções com duração de até 10 minutos, e a segunda é para o torcedor que quer expressar a paixão pelo time em até 60 segundos (um minuto).

Já a Mostra Novos Olhares, ainda nacional, aceita somente produções realizadas por meio de captação digital (câmeras amadoras, celulares, tablets e semelhantes – em alta ou baixa resolução), com duração máxima de 5 minutos.

As regionais são a Mostra Olhar Caiçara e Mostra Videoclipe Caiçara. Elas são voltadas a realizadores de todo o litoral de São Paulo. E com o intuito de encontrar novos talentos no audiovisual, estreia a Mostra Curta Escola, destinada a produções de até 10 minutos, realizadas por alunos do Ensino Fundamental de escolas da região. Para todos, nesta categoria, a temática é livre.

Ao menos três grandes novidades marcam esta edição do Festival. Duas delas estão relacionadas diretamente ao nome. O Festival Santista de Curtas Metragens virou Festival de Cinema de Santos. Isso em razão das mostras especiais de longas-metragens, as quais devem levar à região produções inéditas de diretores e produtores consagrados nacionalmente. E a terceira é a já citada anteriormente, o dobro de mostras competitivas.

Júnior Brassalotti e Ricardo Vasconcellos à frente do CURTA SANTOS…

“O Curta Santos cresceu e partir de agora temos que atender às necessidades do audiovisual brasileiro, sem, é claro, deixar de lado a nossa tradição”, ressalta o diretor geral do evento, Ricardo Vasconcellos. “Sempre teremos as nossas mostras competitivas de curtas-metragens. É a nossa marca registrada. Realizadores de todo o Brasil esperam o período de inscrições para participar”, explica. Na cúpula do Festival também estão Júnior Brassalotti, diretor de produção, e Tássia Albino, diretora de mostras.

Sempre alinhado ao contexto caiçara, típico do litoral, este ano o Festival presta homenagem aos 100 anos do Santos Futebol Clube. Segundo Ricardo, a intenção é fazer uma união de festas entre áreas que sempre foram convergentes, o futebol e o cinema.

O 10º Curta Santos – Festival de Cinema de Santos será realizado em setembro e terá sete dias de programação totalmente gratuita. Saiba mais: www.curtasantos.com.br

Inscrições ao Festival de Guaíba

Até 5 de setembro, inscrições ao 11º Festival de Vídeo Estudantil e Mostra de Cinema de Guaíba.

Podem ser inscritos trabalhos, de estudantes de todas as escolas de nível fundamental, médio e técnico de todo o Brasil. Na Mostra Estudantil Infantil, podem participar produções de escolas de educação infantil ou anos iniciais do ensino fundamental. Na Mostra Estudantil Juvenil, produções de estudantes de nível médio, técnico e anos/séries finais do ensino fundamental nas categorias de ficção, documentário, animação, propaganda educativa e livre.

Além da Mosta Estudantil, o festival abre espaço para produções profissionais ou de filmes que não se enquadram na categoria estudantil.

O Festival de Vídeo Estudantil e Mostra de Cinema de Guaíba vai acontecer de 5 a 10 de novembro. A iniciativa busca motivar o uso e a reflexão das novas tecnologias nas escolas, abrindo espaço para as produções de estudantes do ensino fundamental, médio e técnico, contribuindo na integração de escolas e na formação audiovisual voltada à educação.

Além das mostras competitivas, o festival realiza anualmente o Seminário Mídia e Educação, voltado a educadores, e mostras especiais de curtas e longas-metragens.

Os destaques de cada mostra recebem o Troféu Gomezito, alusivo ao patrono da escola que originou o festival e árvore símbolo de Guaíba, e patrimônio histórico do Estado, o Cipreste Farroupilha.

Saiba mais: www.festvideoguaiba.com.br

Inscrições ao primeiro CURTA BRASÍLIA

 
  Festival estreia este ano e deve atrair realizadores de todo o país…